Accor destaca dez hotéis que vai inaugurar no próximo ano

15-04-2019 (16h56)

A rede hoteleira Accor está a destacar dez hotéis das suas marcas, a inaugurar em 2020, oito na Europa, um no Dubai e outro no Azerbaijão.

A Accor destacou três unidades a inaugurar em Itália, nas cidades de Roma, Florença, e às portas de Pompeia, duas unidades em França, ambas em Paris, e na Suiça, em Basileia e em Berna, e ainda uma no Reino Unido, em Londres. Fora do Velho Continente, a rede destacou as unidades a inaugurar em Baku, na capital do Azerbaijão, e no Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

O MGallery Pompei Habita 79 vai ter lugar a cerca de 200 metros da entrada de Pompeia, local considerado Património da Humanidade pela UNESCO, num edifício restaurado que data do século XIX.

Este hotel vai ter 79 quartos e um rooftop com um bar-restaurante com vista sobre as ruínas de Pompeia. As suas instalações vão incluir ainda um café com capacidade para 150 pessoas, Spa, fitness center e duas salas para conferências.

Em Florença, o 25hours Hotel Piazza San Paolino, com inauguração prevista para a Primavera de 2020, encontra-se no centro histórico de Florença e vai contar com 173 quartos com design por Paola Navone, inspirado na Comédia Divina de Dante.

O Jo&Joe Roma, por sua vez, vai ter lugar num antigo mosteiro erguido com recurso a pedra mármore e madeira. A sua localização, no centro da cidade, oferece acesso à Fontana di Trevi, a cerca de 10 minutos, e das ruas de shopping de Via Condotti, Via Frattina e Via Veneto.

Na Suíça, em Basileia, o Mövenpick Hotel Basel encontra-se num edifício de 19 andares com 264 quartos e suites, sendo o Mövenpick Wine & Coffee Lounge uma das suas principais atracções. O executive lounge, com janelas do chão ao tecto, oferece vista sobre o parque, e o restaurante serve pratos de inspiração moderna com um twist da região fronteiriça entre a Suiça, a França e a Alemanha.

Perto de Berna, o Swissôtel Kursaal de 171 quartos tem a sua mais valia na vista panorâmica para os Alpes e a para a cidade medieval, considerada Património da Humanidade pela UNESCO.

Em Paris, o Pullman Paris Montparnasse vai reabrir, depois de dois anos encerrado para obras, com o maior rooftop da capital francesa no seu 25º andar. O hotel de 957 quartos vai contar com um salão de 740 metros quadrados, 3.200 metros quadrados de área para eventos com luz natural, e um restaurante italiano com cozinha aberta.

O Novotel Paris Porte de Versailles tem lugar na zona de Paris Expo Porte de Versailles, que, quando estiver completa em 2024, vai contar com jardins nos terraços dos pavilhões, um parque, lojas, um restaurante gourmet e vários hotéis.

Esta unidade, rodeada por espaços verdes vai contar com 245 quartos, um rooftop, vários restaurantes, salas de reuniões, sala de fitness, e um bar de sumos.

Em Londres, o Adagio London Stratford vai ser um aparthotel com 136 apartamentos, perto da estação de Stratford, na zona onde decorreram os Jogos Olímpicos de Londres 2012. Esta unidade vai contar com as áreas comuns "le cercle" para convívio e trabalho, uma mercearia e uma biblioteca de objectos.

O Sofitel Dubai Wafi vai ser o maior Sofitel do Médio Oriente, com 497 quartos e suites, dez salas de reuniões, mais de 2.300 metros quadrados para eventos e conferências, vários restaurantes e bares, piscina exterior, Spa e ginásio.

O ibis Baku, o primeiro hotel da marca no Azerbaijão, vai ter lugar na capital do país, Baku, nas margens do Mar Cáspio. O hotel vai dispôr de 202 quartos com design ao estilo Ágora, "com base em modularidade e personalização", que oferecem base para explorar a diversidade cultural e histórica da cidade, desde a histórica Torre da Donzela às modernas Flame Towers.

Clique para ver mais: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Porto lidera aumento de dormidas na hotelaria em Julho

16-09-2019 (16h32)

O Porto foi o município com o maior aumento de dormidas em Julho, com mais 49,7 mil pernoitas que no mês homólogo de 2018 (+12,2%), mas sem pôr em causa a liderança do município de Lisboa em número de dormidas, com 1,326 milhões, que significaram 16,3% do total do país.

Quebra generalizada da estada média ‘come’ aumento de turistas alojados na hotelaria portuguesa

16-09-2019 (15h31)

O tempo médio de permanência de turistas em alojamentos turísticos portugueses caiu de forma generalizada no mês de Julho, pelo que, levando a que apesar se ter registado um aumento em 5,4% do número de hóspedes, em número de dormidas essa maior afluência de clientes traduziu-se num aumento de apenas 2,2%.

Mês de férias no Brasil ‘dá’ mais 51,7 mil dormidas ao alojamento turístico português

16-09-2019 (14h19)

Apesar das quebras de dormidas de nove dos 16 maiores emissores internacionais, a hotelaria portuguesa acabou Julho com mais 111,6 mil dormidas de turistas residentes no estrangeiros, graças nomeadamente ao aumento de 51,7 mil dormidas de residentes no Brasil, onde o mês de Julho é um dos mais fortes em turismo e viagens.

Maioria dos maiores emissores internacionais faz menos dormidas na hotelaria portuguesa em Julho

16-09-2019 (13h30)

A hotelaria portuguesa teve este mês de Julho quebras de dormidas de nove dos 16 principais emissores internacionais, as maiores das quais de turistas residentes nos Países Baixos (menos 26,5 mil), na Alemanha (menos 22,6 mil), no Canadá (menos 21 mil) e na Bélgica (menos 15 mil).

OTA de hotéis Amoma cessa e culpa “comparadores de preços”

16-09-2019 (11h08)

A agência de reservas hoteleiras Amoma, em www.amoma.com, que no ano passado teve vendas superiores a 500 milhões de euros, anunciou que cessa actividade e não terá como assegurar o respeito pelas responsabilidades contraídas para com os clientes.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas