APAVT prepara projecto que vai permitir “um olhar mais profundo” do sector das agências de viagens

03-10-2016 (12h02)

APAVT na ABAV 2016: Ricardo Figueiredo e Pedro Costa Ferreira
APAVT na ABAV 2016: Ricardo Figueiredo e Pedro Costa Ferreira

Melhorar conhecimento do sector e desmistificar “ideia política” de que as agências de viagens estão em extinção

A APAVT espera apresentar no seu Congresso, em Dezembro, um novo projecto que vai permitir ter "um olhar mais profundo, mais matemático" do sector das agências de viagens, avançou ao PressTUR o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira.

O dirigente associativo falava ao PressTUR na passada sexta-feira em São Paulo, durante a feira da ABAV, Associação congénere da APAVT no Brasil, que também está a construir uma plataforma de análise estatística do sector das agências de viagens, o Censo Big Data.

 

PressTUR: A ABAV está a lançar o Censo Big Data para conseguir analisar melhor as agências de viagens. Isso é uma ideia que poderá interessar a APAVT?

Pedro Costa Ferreira: Não é uma ideia, é um projecto. Nós sempre dissemos que em Portugal há muita tradição do "eu acho que". E depois de "eu acho que" tomar decisões. E às vezes buscar-se alguns factos desgarrados para justificar essas decisões. A verdade é que temos essa noção desde o meu primeiro mandato e sabemos que não é fácil construir uma base de informação credível e que sirva os interesses do negócio. Um, não é fácil, dois, não é barato. Mas pensamos ter encontrado uma luz ao fundo do túnel e estamos a trabalhar nesse túnel e quem sabe senão conseguimos por altura do nosso Congresso [em Dezembro] apresentar um projecto com um olhar mais profundo, mais matemático, concreto e factual do nosso sector e com isso consigamos cumprir dois objectivos.

 

PressTUR: Que objectivos?

Pedro Costa Ferreira: Por um lado, conseguir determinar que essa perseguição de sempre de que os agentes de viagens e as agências de viagens vão acabar. Penso que continuamos a confundir quota de mercado e crescimento do mercado com crescimento do negócio. Acho extraordinário que se consiga dizer que as agências de viagens vão acabar quando 2016 e 2015 foram provavelmente os dois anos em que existiram mais novas agências de viagens nos últimos 20 anos. Por outro lado, a grande verdade é que há crescimento do negócio. Agora se calhar o negócio mundial está a crescer mais do que o nosso negócio, mas isso não é um problema para o nosso subsector, é uma dinâmica do sector. E, portanto, gostaríamos que com esse olhar pudéssemos ajudar a desmistificar essa ideia, que é também uma ideia política com interesses concretos em termos de combate. Normal. E por outro lado gostaríamos de construir um acervo de conhecimento factual que permitisse aos agentes de viagens e aos operadores eles próprios raciocinarem melhor antes de tomarem decisões. Portanto, essa pergunta vem em boa altura. É absolutamente coincidência com aquilo que o Edmar Bull [presidente da ABAV] disse, mas sim, parece que desta vez temos a capacidade financeira e o parceiro capaz de nos ajudar neste projecto.

 

PressTUR: Que parceiro? 

Pedro Costa Ferreira: Esperamos poder anunciar provavelmente no nosso Congresso.

 

Continua:

Brasil não deixa de ser atractivo para o outgoing português por causa da crise, Pedro Costa Ferreira

 

Clique para mais notícias: APAVT

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: ABAV

Clique para mais notícias: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Plano de redução de pessoal da Viajes El Corte Inglés afecta 1.900 trabalhadores

26-03-2020 (14h16)

A espanhola Viajes El Corte Inglés, também presente em Portugal, apresentou um ERTE (em Espanha, de Expediente de Regulação Temporária de Emprego), que abrange 1.900 trabalhadores.

Covid-19 mata mais 44 na Alemanha que já lamenta 198

26-03-2020 (11h17)

A Alemanha anunciou hoje um aumento de 44 vítimas mortais pela covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 198 o total de mortos, ainda assim uma baixa taxa de letalidade se comparada com outros países.

Travelport lança hub de informação para ajudar empresas a lidar com a crise da Covid-19

26-03-2020 (11h10)

A multinacional tecnológica Travelport, da qual faz parte o GDS Galileo, líder entre as agências de viagens portuguesas, lançou uma plataforma para fornecer informação útil e dados actualizados para ajudar as empresas a lidar com a crise provocada pela Covid-19.

Fusão Globalia e Barceló notificada à Concorrência

26-03-2020 (10h17)

A fusão das divisões de viagens dos grupos espanhóis Globalia e Barceló foi notificada à Autoridade da Concorrência (AdC), segundo um aviso publicado.

Microempresas turísticas em dificuldades excluídas da linha de apoio de 60 milhões de euros

25-03-2020 (14h58)

A linha de apoio à tesouraria de microempresas do turismo afectadas pelos efeitos económicos da pandemia da covid-19 exclui empresas em dificuldade, segundo o despacho do Governo hoje publicado, com efeitos retroactivos.

Noticias mais lidas