CVC ultrapassou os cinco milhões de passageiros embarcados no primeiro semestre

14-08-2018 (17h56)

O grupo brasileiro CVC Corp, que engloba agências de viagens e operadores turísticos e vende viagens de lazer e corporativas, superou no primeiro semestre os cinco milhões de passageiros embarcados, com um aumento em 30,8% em relação ao período homólogo de 2017.

Esse aumento, no entanto, reflecte também o aumento do perímetro de consolidação do grupo, sem o qual o crescimento é de 9,5%, segundo a informação publicada pela companhia fundada por Guilherme Paulus e que actualmente engloba, além da CVC, também as aquisições Rextur Advance, a Submarino Viagens, a Visual e a Trend.

A informação do grupo especifica que desse total de passageiros embarcados, 2,45 milhões dizem respeito ao 2º trimestre, no qual o crescimento foi 32,4% (10% a perímetros constante).

O balanço indica também que o grupo realizou 3.921,4 milhões de reais (886,6 milhões de euros) com essas reservas embarcadas, que correspondem a vendas das suas empresas vocacionadas para a venda de viagens de lazer, a CVCm a Trend, a Visual e a Experimento, que tiveram um aumento em 43,5% (+9,7% a perímetro constante).

Assim, acrescenta, a CVC Corp fechou o primeiro semestre com um aumento das reservas totais (CVC, Experimento, Trend, Visual, RexturAdvance e Submarino Viagens) em 32,7% (11,6% a perímetro constante), atingindo o montante de 5.909,5 milhões de reais (1.336,2 milhões de euros), e a sua receita líquida foi de 701,4 milhões de reais (158,6 milhões de euros), com um aumento em 31,7% (+10,6% a perímetro constante).

As empresas dirigidas ao mercado das viagens de lazer (CVC, Experimento, Trend, Visual) realizaram 3.921,4 milhões de reais (886,6 milhões de euros) e tiveram uma receita líquida de 571 milhões (129,1 milhões de euros), com aumentos respectivamente em 43,5% (+9,7% a perímetro constante) e em 35,4% (+9,1% a perímetro constante).

RexturAdvance e Submarino Viagens, por sua vez, realizaram 1.988,1 milhões de reais (449,5 milhões de euros) em reservas confirmadas e tiveram uma receita líquida de 130,4 milhões de reais (29,5 milhões de euros), com aumentos respectivamente em 15,5% e em 17,6%.

A margem média do grupo foi de 11,9%, em baixa de 0,1 pontos, com 14,6% nas empresas de lazer, em baixa de 0,9 pontos, e 6,6% nas empresas do segmento corporate, em alta de 0,1 pontos.

 

Para ler mais clique:

CVC agrega mais uma participada b2b com a compra do consolidador Esferatur

 

Clique para mais notícias: CVC

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Clique para mais notícias: Brasil

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

APAVT apresenta queixa contra a TAP por uso abusivo de dados de passageiros

18-07-2019 (10h40)

A APAVT formalizou junto da IATA, associação internacional de companhias de aviação, uma queixa contra a TAP por alegada utilização abusiva dos contactos dos passageiros que os agentes de viagens são obrigados a fornecer, noticiou hoje o jornal espanhol "Nexotur".

APAVT juntou sector do turismo para apresentar o próximo Congresso (em fotos)

17-07-2019 (16h22)

A Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT) juntou o sector do turismo ontem na Pousada de Lisboa para apresentar o tema e o logotipo do seu 45º Congresso. Veja aqui as fotos.

“Turismo: Opções Estratégicas” é o tema do 45º Congresso da APAVT

16-07-2019 (21h44)

O Congresso da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), de 14 a 17 de Novembro na Madeira, vai debater as "Opções Estratégicas" do Turismo num "momento único", que conjuga "o final de um ciclo" e a mudança da legislatura, anunciou hoje o presidente da APAVT.

TAP acusada de utilização abusiva de contactos dos passageiros e violação das regras de protecção de dados

15-07-2019 (16h56)

Agentes de viagens portugueses estão a acusar a TAP de utilização dos dados de passageiros que são obrigados a fornecer-lhe e tudo indica que vão avançar com uma queixa por violação das regras de protecção de dados, uma questão que está em grande evidência a nível mundial pelas multas milionárias recentemente aplicadas a gigantes tecnológicos.

Soltrópico apresenta programação de Réveillon em Coimbra, Porto e Lisboa em Setembro

09-07-2019 (19h04)

O operador turístico Soltrópico agendou para Setembro três datas para apresentar aos agentes de viagens a sua programação para o Réveillon, em Coimbra, Porto e Lisboa.

Noticias mais lidas