Angolana TAAG tem o 6º maior aumento de passageiros do 1º quadrimestre em Lisboa

25-05-2017 (13h54)

Novo Boeing B777-300ER “Iona” da TAAG (Foto: Boeing)
Novo Boeing B777-300ER “Iona” da TAAG (Foto: Boeing)

A companhia angolana TAAG terminou o primeiro quadrimestre com o 6º maior aumento de passageiros do Aeroporto de Lisboa, apenas atrás da TAP e das maiores low cost, com mais quase 28 mil que há um ano.

Dados de tráfego do Aeroporto de Lisboa a que o PressTUR teve acesso indicam que a TAAG transportou de/para Lisboa 90,8 mil passageiros nos primeiros quatro meses deste ano, com um aumento em 44,4% relativamente ao período homólogo de 2016.

Este aumento compara com uma subida em 33,8% do número de passageiros que voaram nos primeiros quatro meses do ano entre Lisboa e Luanda, uma rota em que opera também a TAP.

Os dados a que o PressTUR teve acesso indicam que em voos regulares entre Lisboa e Luanda voaram 148,2 mil passageiros, com um aumento 37,4 mil face a 2016, o que aponta para que a TAP também esteja a crescer nessa rota, embora menos que a TAAG, registando uma subida de aproximadamente 20%, para cerca de 57,5 mil.

Dessa forma, Luanda é não só o destino intercontinental com mais passageiros no Aeroporto de Lisboa, como sobe a 12º principal destino internacional.

Depois de Luanda, São Paulo é a rota intercontinental com mais passageiros, fruto de um aumento em 39,1% quase 32 mil, para 113,8 mil, com o qual ultrapassou o Dubai, que tem a maior queda de passageiros do quadrimestre entre as 40 principais rotas, com menos 19,8 mil que há um ano (-19,6%, para 81,3 mil), decorrente da redução pela Emirates da frequência de ligações com Lisboa de duas para uma por dia.

As outras duas rotas intercontinentais de longo curso incluídas no Top40 em numero de passageiros são Newark, com 67 mil, e Rio de Janeiro, com 66,4 mil, a primeira a crescer, com um aumento em 6,9% ou 4,3 mil, e a segunda em queda de 8,2% ou 5,9 mil.

A TAP é a única companhia no Aeroporto de Lisboa a operar voos regulares de/para o Rio de Janeiro, enquanto para Newark, além da TAP está a United, que no primeiro quadrimestre teve um aumento de passageiros em 2,4% ou cerca de 620 para 26,8 mil.

Casablanca, que soma 53,9 mil passageiros, por um aumento em 80,2% ou 24 mil, é a única rota intercontinental de médio curso a figurar no Top40.

 

Para ler mais sobre o Aeroporto de Lisboa no primeiro quadrimestre clique:

Aeroporto de Lisboa cresce 23,8% no quadrimestre, com +48,6% no tráfego de hub e +17,8% no ponto-a-ponto

TAP termina quadrimestre com aumento de passageiros dez vezes maior que o da Ryanair

 

Clique para mais notícias: Aeroporto de Lisboa

Clique para mais notícias: TAAG

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Expansão da TAP “espera ansiosamente" pelo aeroporto no Montijo – Miguel Frasquilho

18-10-2019 (13h40)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, afirmou em Macau que a expansão da TAP depende da construção do novo aeroporto no Montijo, que a companhia aérea portuguesa “espera ansiosamente" para poder expandir na Portela, em Lisboa.

Presidente da TAP descarta voos directos para a China “num futuro imediato”

18-10-2019 (13h38)

O presidente do Conselho de Administração da TAP, Miguel Frasquilho, descartou a hipótese de a companhia fazer voos directos de Portugal para a China "num futuro imediato", apesar do crescimento de turistas daquele país asiático.

TAP anuncia mais 20% de capacidade para Luanda no próximo ano

17-10-2019 (14h53)

A TAP vai reforçar a sua capacidade para Luanda em mais 20% a partir do próximo ano, anunciou na capital angolana o seu Chief Marketing and Sales Officer, Abílio Martins, que realçou que para a companhia Angola “é um mercado estratégico”.

EgyptAir abre terceira rota para a China

17-10-2019 (13h47)

A companhia de aviação egípcia EgyptAir, parceira da TAP na Star Alliance, anunciou para finais do próximo mês a abertura da sua terceira rota para a China, do seu hub no Cairo para Hangzhou.

Swiss retoma hoje operação normal em A220

17-10-2019 (13h39)

A Swiss, companhia de aviação suíça do grupo Lufthansa, anunciou que hoje retoma o calendário normal de voos em Airbus A220, que decidiu interromper depois de na terça-feira ter tido que desviar para Paris um voo Londres Heathrow - Genebra porque um dos motores parou.

Noticias mais lidas