Dionísio Barum é o novo responsável de vendas da TAP no mercado português

29-10-2018 (12h32)

Foto: Jornal da TAP
Foto: Jornal da TAP

Paulo Cunha regressa ao Brasil, “como responsável do Loyalty ”

Dionísio Barum, que já foi director mundial de Vendas da TAP e tem-se mantido director de Vendas África, acumulará a partir de 1 de Novembro com a direcção Vendas no mercado português, o segundo maior mercado da companhia depois do Brasil.

Dionísio Barum que já nos anos 90 tinha sido responsável pelas vendas no mercado português, substitui Paulo Salles Cunha, que vai regressar ao Brasil, de onde é natural e saiu para liderar as vendas em Espanha, a partir de 1 de Abri de 2014, primeiro, e, depois, também em Portugal.

As alterações constam de uma comunicação à empresa subscrita por Abílio Martins, Chief Marketing & Sales Officer desde a última reestruturação, na qual passou a assumir também as vendas (para ler mais clique: Antonoaldo Neves ‘arruma' a TAP ‘à sua maneira').

De acordo com a comunicação a que o PressTUR teve acesso "Paulo Salles Cunha, que cessa funções em Portugal, regressa ao Brasil e assumirá funções como responsável do Loyalty para esse mercado, posição crucial numa altura de relançamento e rebranding do actual Programa Victoria a nível mundial".

Dionísio Barum assumirá designadamente o relacionamento da companhia com as agências de viagens, que atravessam uma fase de alguma tensão nomeadamente por força da evolução tecnológica na área da distribuição, como pela tentativa das companhias aéreas de se assenhorarem da relação com o cliente, que apesar de todos os prognósticos catastrofistas tem continuado a privilegiar a compra nas agências de viagens.

 

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAP já voa para Washington – Dulles

17-06-2019 (17h16)

A TAP já liga as capitais de Portugal e dos Estados Unidos, com a inauguração no Domingo do seu voo TP231 para Washington – Dulles, que informou ter preços de ida desde 253 euros.

Lufthansa responsabiliza excesso de capacidade na Europa pela quebra de resultados

17-06-2019 (15h15)

O grupo Lufthansa, maior grupo de aviação da Europa em número de passageiros e em tráfego medido em RPK (passageiros x quilómetros voados), responsabiliza um alegado excesso de capacidade na Europa por uma evolução pior do que previa, mas os seus dados mostram que a subsidiária mais problemática é a Eurowings, que até era identificada com o negócio de voos de longo curso low cost.

Lufthansa alarma mercados com revisão em forte baixa da previsão de resultados

17-06-2019 (14h46)

A Lufthansa revelou hoje uma previsão de queda acentuada do resultado operacional ajustado de não recorrentes, que conduziu a forte quebra da sua cotação na Bolsa de Frankfurt e ‘ondas de choque’ nos títulos das outras companhias de aviação europeias.

TAP quadruplica oferta de obrigações para até 200 milhões de euros

14-06-2019 (19h03)

A TAP decidiu multiplicar por quatro o número e valor de obrigações a emitir, no âmbito do empréstimo obrigacionista em curso, passando de 50 milhões de euros para até 200 milhões de euros, foi hoje comunicado ao mercado.

TAP recebe mais três Airbus A330neo e já conta com dez

14-06-2019 (16h58)

A TAP anunciou hoje ter recebido mais três aviões Airbus A330neo e que, assim, já com dez unidades deste avião que diz contribuir “com mais de 24 milhões de euros para a economia portuguesa” e “mais de 600 postos de trabalho para o País”.

Noticias mais lidas