eDreams ODIGEO adopta conexões NDC para aceder aos voos da American Airlines

05-09-2019 (11h18)

Imagem: American Airlines
Imagem: American Airlines

A eDreams ODIGEO assinou um acordo para poder reservar voos da companhia de aviação American Airlines através de conexões New Distribution Capability (NDC).

O acordo as marcas eDreams, Opodo, Travellink e GO Voyages.

Em comunicado, as empresas salientam que "a actualização para a tecnologia NDC permite aos clientes aceder a opções mais enriquecidas de forma a aumentar o poder de escolha, viabiliza um desenvolvimento mais rápido de produtos e serviços para impulsionar a inovação, e oferece aos clientes novas maneiras de personalizar as suas experiências de reserva e viagem".

O NDC, porém, tem sido criticado por várias empresas do sector da distribuição. Uma das críticas mais recentes foi feita pelo Amadeus em Junho (clique para ler: Amadeus arrasa IATA quanto aos GDS e ao NDC).

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: American Airlines

Clique para ver mais: eDreams ODIGEO

Clique para ver mais: NDC

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aeroporto do Porto vai renovar o sistema ILS para melhorar aterragens quando há nevoeiro

19-09-2019 (17h38)

O Aeroporto do Porto vai ter um “renovado sistema ILS (Landing Sistem, ou sistema de aterragem, em tradução livre) para garantir melhores condições” à infraestrutura, nomeadamente quando há nevoeiro, revelou hoje à Lusa a NAV – Navegação Aérea de Portugal.

Magnet junta companhias aéreas e agentes de viagens em Lisboa, Porto e Coimbra

19-09-2019 (16h53)

A Magnet vai organizar em Outubro, em Lisboa, Porto e Coimbra, um evento para juntar agentes de viagens e as principais companhias de aviação que operam em Portugal.

Governo publica lei que aprova Programa Nacional de Segurança da Aviação Civil

19-09-2019 (15h34)

O Governo publicou hoje, em Diário da República, o decreto-lei que aprova o Programa Nacional de Segurança da Aviação Civil, com medidas que revêm a legislação anterior e a adaptam “à mais recente regulamentação europeia”.

Ryanair quer que tripulantes da base de Faro aceitem alterar contratos para sazonais

18-09-2019 (18h13)

A low cost Ryanair admitiu em “nota” de distribuição restrita recuar no encerramento da base de Faro, mas dizendo que a sua continuação “poderá agora ser possibilitada pelo acordo das tripulações baseadas” na infra-estrutura “em mudar para contratos sazonais, para reflectir a natureza sazonal do tráfego de e para o Algarve”.

Ryanair invoca “razões comerciais” para cessar voos entre Lisboa e Porto

18-09-2019 (18h07)

A Ryanair decidiu abandonar a rota entre o Porto e Lisboa “por razões comerciais”, segundo fonte oficial da low cost citada pela Agência Lusa, a qual realçou que, ainda assim, continuará a “operar 57 rotas do Porto e 30 de Lisboa”.

Noticias mais lidas