Cascade Wellness Resort quer captar mais portugueses

08-07-2019 (16h23)

A nova direcção do Cascade Wellness Resort, renovado e ampliado este ano, quer captar mais clientes portugueses, designadamente através da realização de eventos, a começar por uma festa de Fim de Ano.

“Este é o ano dos portugueses descobrirem o Cascade”, afirmou Silvana Pombo, directora-geral do hotel desde Janeiro, durante um evento de apresentação à imprensa da renovação do resort.

Com a renovação, o hotel passou a contar com mais quartos, novas propostas gastronómicas e mais espaço para a realização de eventos, casamentos, reuniões e estágios de equipas e selecções de futebol (clique para ler: ECS Capital investe 7 milhões em renovação e ampliação do Cascade Wellness Resort).

Uma das apostas para captar mais portugueses é manter o hotel aberto durante todo o ano, incluindo no Natal e no Fim de Ano. Silvana Pombo revela que o Cascade já está a preparar a realização de uma festa de Réveillon, “um evento integrado, uma experiência completa desde o momento em que os clientes entram no hotel”, com animação e com gastronomia pensada especificamente para o evento.

O mercado português, apesar de ainda representar pouco nas contas do hotel, “tem vindo a crescer”, de acordo com Paulo Vicente, director de Vendas e Marketing do hotel.

Os principais emissores para a unidade são o Reino Unido, a Irlanda e a Alemanha, e os Estados Unidos estão a ganhar preponderância, assim como França e Suíça.

Como acontece em todo o Algarve, a procura é mais forte durante o Verão, mas as equipas de futebol que fazem estágios no resort “ajudam muito de Janeiro a Abril”, assim como os golfistas, dado que o empreendimento está próximo dos campos de golfe Boavista, Palmares e Espiche, acrescentou ainda Paulo Vicente.

Para os proprietários do hotel, a sociedade gestora de fundos de capital de risco e de reestruturação ECS Capital, a renovação e ampliação foram passos importantes.

O plano para este e para todos os activos passa por gerar crescimento, atingir um ponto de maturidade e, por fim, vender, contou aos jornalistas o presidente do Conselho de Administração da ECS Capital, Fernando Esmeraldo.

O fundo tem actualmente a decorrer seis processos de venda, incluindo o Palácio do Governador, em Lisboa, revelou Fernando Esmeraldo, sem desvendar interessados, indicando apenas que as experiências passadas têm revelado que a maioria dos compradores são internacionais.

Sem concretizar datas, Fernando Esmeraldo avançou apenas que prevê que até ao fim do ano poderá ter resultados destes processos de venda.

A ECS Capital, porém, vai manter-se no turismo, até porque ainda tem terrenos e vários projectos para desenvolver, acrescentou o presidente da ECS.

Embora reconheça a existência de indicadores económicos preocupantes, como o excesso de confiança e o sobre endividamento, Fernando Esmeraldo é optimista quanto ao futuro de Portugal, que, a nível de turístico, tem características muito especiais que são reconhecidas pelos estrangeiros, designadamente um clima muito bom e um nível de segurança muito elevado.

 

Por Luís Canto. O PressTUR visitou o Cascade Wellness Resort a convite da ECS

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Cascade Wellness Resort

Clique para ver mais: ECS Capital

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

CTP reclama mais verbas para a promoção turística de Portugal

17-01-2020 (16h46)

O presidente da Confederação do Turismo de Portugal (CTP), Francisco Calheiros, reclamou hoje mais verbas para a promoção turística de Portugal, alertando que "existem mercados que exigem um aumento de promoção importante e nós vamo-nos bater por isso".

Agências de viagens portuguesas ‘derrubam’ em 2019 recorde de venda de voos com 11 anos

17-01-2020 (15h56)

As agências de viagens portuguesas superaram em 2019 o recorde da venda de voos contabilizada pelo BSP da IATA que se mantinha há 11 anos e ficaram próximas dos mil milhões de euros, com mais de três milhões de transacções.

Câmara do Funchal põe taxa turística em consulta pública

17-01-2020 (11h30)

A Câmara Municipal do Funchal remeteu para consulta pública o regulamento da taxa turística, que prevê a cobrança diária de dois euros por pessoa nas primeiras sete noites de estada no concelho, anunciou o presidente da autarquia.

Aeroportos de Cabo Verde somam mais 1,6% de passageiros até Novembro

17-01-2020 (10h45)

Os aeroportos cabo-verdianos movimentaram entre Janeiro e Novembro mais de 2,3 milhões de passageiros, uma subida de 1,6% face ao período homólogo do ano anterior.

Magnet cresceu 25% no mercado espanhol em 2019

17-01-2020 (10h04)

A Magnet, que está a celebrar cinco anos de actividade em Espanha, teve um crescimento de 25% nesse mercado em 2019.

Noticias mais lidas