Quebra generalizada da estada média ‘come’ aumento de turistas alojados na hotelaria portuguesa

16-09-2019 (15h31)

Foto: RTA
Foto: RTA

O tempo médio de permanência de turistas em alojamentos turísticos portugueses caiu de forma generalizada no mês de Julho, pelo que, levando a que apesar se ter registado um aumento em 5,4% do número de hóspedes, em número de dormidas essa maior afluência de clientes traduziu-se num aumento de apenas 2,2%.

Os dados publicados hoje pelo INE mostram que apenas os turistas de três dos 16 maiores emissores internacionais (Itália, Polónia e Suíça) tiveram estadas mais prolongadas na hotelaria portuguesa que há um ano.

A redução da estada média é uma estratégia que os viajantes frequentemente utilizam para minimizar o impacto de subida de custos e/ou para realizarem mais viagens.

De acordo com os dados do INE, a estada média na hotelaria portuguesa foi d 2,89 noites, -3% que no mês homólogo de 2018 e -12,2% quando se compara com Julho de 2013, em que a estada média foi de 3,29 noites.

Os mesmos dados mostram que a quebra de 3% face a Julho de 2018 foi com decréscimos de 1,9% dos turistas residentes em Portugal, para 2,36 noites, e -3,6% dos turistas residentes no estrangeiro, para 3,2 noites.

Quando se compara com Julho de 2013, a estada média dos turistas residentes em Portugal baixa 3,7%, mas a dos residentes no estrangeiro cai 16,8%.

Os residentes na Irlanda foram os que tiveram estadas mais prolongadas no alojamento turístico português este Julho, com 5,19 noites, seguidos pelos residentes no Reino Unido, com 4,57 noites, na Alemanha, com 4,12 noites, e Países Baixos, com 3,99 noites.

A queda de estada média mais forte no mês foi dos residentes no Canadá, em 12,1%, seguidos pelos residentes na Irlanda, com -6,5%, nos Estados Unidos, com -5,2%, nos Países Baixos, com -4,6%, na Alemanha, com -4,4%, e no Reino Unido, com -4,1%.

Nos primeiros sete meses deste ano, a estada média na hotelaria portuguesa está em 2,59 noites, com 2,34 noites nos residentes em Portugal e 3,75 nos residentes no estrangeiro.

Face ao período homólogo de 2018, a estada média na hotelaria portuguesa cai 2,8%, com -1,3% nos residentes em Portugal e -3,7% nos residentes no estrangeiro.

A estada média mais elevada nesses sete meses é a dos turistas residentes na Irlanda, com 5,83 noites, seguidos pelos residentes no Reino Unido, com 5,34 noites, e nos Países Baixos, com 5,05 noites.

 

Para ler mais clique:

Maioria dos maiores emissores internacionais faz menos dormidas na hotelaria portuguesa em Julho

Mês de férias no Brasil ‘dá’ mais 51,7 mil dormidas ao alojamento turístico português

 

Clique para mais notícias: Hotelaria portuguesa

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

AHP perspectiva manter este ano 400 participantes no seu Congresso anual

16-10-2019 (15h32)

O presidente da Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), Raul Martins, declarou que está previsto repetir este ano os 400 congressistas na reunião anual que organizam para debater o sector e que vai reunir-se em Viana do Castelo.

Congresso da AHP vai discutir como “seduzir Espanha” e captar turistas que gastem mais

16-10-2019 (15h22)

A presidente executiva da Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), Cristina Siza Vieira, anunciou ontem em Lisboa que o próximo Congresso da Associação vai ter um painel sobre a convergência ibérica e tentar perceber se é possível captar espanhóis com mais poder de compra.

Alojamento local faz 27,5% do aumento de proveitos da hotelaria portuguesa em Agosto

15-10-2019 (16h34)

O alojamento local é o segmento do alojamento turístico que mais está a crescer este ano em Portugal, tendo atingido um aumento de proveitos em Agosto, principal mês da actividade turística em Portugal, que equivale a 27,5% do aumento dos proveitos totais do sector.

Zmar contrata novos directores Comercial e de Marketing

11-10-2019 (10h39)

O Zmar, no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, reforçou a sua estrutura com a contratação de Guilherme Pinto como director Comercial e Laura Santinhos como directora de Marketing.

DoubleTree by Hilton Lisbon reforça departamento Comercial com duas contratações

07-10-2019 (14h11)

O DoubleTree by Hilton Lisbon – Fontana Park reforçou o seu departamento Comercial ao contratar Vivian Kaiser para o cargo de commercial manager e Vânia Marques para desempenhar as funções de sales manager.

Noticias mais lidas