Pedro Costa Ferreira eleito para 3º mandato na presidência da APAVT com aprovação reforçada

12-12-2017 (19h07)

Pedro Costa Ferreira, eleito presidente da APAVT pela primeira vez em 2011 e que teve o mandato renovado nas eleições de 2014, voltou hoje a ser eleito para um terceiro mandato na presidência da Associação das Agências de Viagens portuguesas, com +28% de votos favoráveis que há três anos, segundo avançou ao PressTUR fonte da Associação.

A APAVT já divulgou um comunicado em que diz que no acto eleitoral “registaram-se 269 votos, dos quais 259 votos favoráveis e 10 votos em branco”.

“A mesa da AG recebeu também um total de 51 votos a favor da lista e 1 em branco, que contudo não puderam ser considerados válidos por não se poderem identificar”, acrescenta a informação que diz seguidamente que “em consequência, o presidente da Mesa da Assembleia Geral da APAVT, Carlos Costa, proclamou eleitas as pessoas constantes da Lista Única, encabeçada por Pedro Costa Ferreira”.

Os corpos sociais para o triénio 2018/2020 e que tomarão posse a 11 de Janeiro têm a seguinte constituição:

 

ASSEMBLEIA GERAL

Presidente: Tiago Ferreira Matos Jesus Raiano, da Turangra – Viagens e Turismo

VicePresidente: Carlos Augusto de Castro e Costa, da Club Tour Viagens e Turismo

Primeiro Secretário: Maria Isabel Feliciano M. Dionísio, da PT Team Agaxtur Europa

Segundo Secretário: Catarina Cymbron, da Melo - Agência de Viagens Melo

 

CONSELHO FISCAL

Presidente: Armando Luís E. Rodrigues Ferraz, da Oásis Viagens e Turismo

Vogal Efectivo: António Maria C. Pereira Palha, da ACP Agência de Viagens e Turismo

Vogal Efectivo: Vítor Manuel Osório Gonçalves, da Beta Viagens e Turismo

Vogal Suplente: Mafalda Maria Dias Bravo, da Escalatur Viagens e Turismo

 

DIRECÇÃO

Presidente: Pedro Cunha Rosa Costa Ferreira, da Lounge Agência de Viagens e Turismo

VicePresidente: Eduarda Simões Neves, da Equipa de Turismo Viagens e Turismo

VicePresidente: Nuno Mateus, da Soliférias – Operadores Turísticos

Vogal Tesoureiro: Paula do Sameiro T.Alves Monteiro, da TravelTailors – Turismo Activo

Vogal: Tito Silva, da Caravela 2000 – Agência de Viagens e Turismo

Vogal: Duarte Manuel Góis Correia, da World 2 Meet

Vogal: Rui Manuel Bismarck Pinto Lopes, da Pinto Lopes Viagens

Primeiro Suplente: Marco Sequeira, da Alive Portugal – Agência de Viagens

Segundo Suplente: Maria do Rosário Morais, da Veja – Ag. Viagens e Turismo Internacional

Terceiro Suplente: Dafne Lemos, da Quasar – Viagens e Turismo

Esta lista, tendo como mandatário Fernando Guimarães, da AVIC, apresentou-se às eleições com o slogan “Juntos pelo futuro” e a assinatura “Valorizar ainda mais os agentes de viagens”.

 

Clique para mais notícias: APAVT

Clique para mais notícias: Agências&Operadores

Clique para mais: Quem é quem

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Porto lidera aumento de dormidas na hotelaria em Julho

16-09-2019 (16h32)

O Porto foi o município com o maior aumento de dormidas em Julho, com mais 49,7 mil pernoitas que no mês homólogo de 2018 (+12,2%), mas sem pôr em causa a liderança do município de Lisboa em número de dormidas, com 1,326 milhões, que significaram 16,3% do total do país.

Quebra generalizada da estada média ‘come’ aumento de turistas alojados na hotelaria portuguesa

16-09-2019 (15h31)

O tempo médio de permanência de turistas em alojamentos turísticos portugueses caiu de forma generalizada no mês de Julho, pelo que, levando a que apesar se ter registado um aumento em 5,4% do número de hóspedes, em número de dormidas essa maior afluência de clientes traduziu-se num aumento de apenas 2,2%.

Mês de férias no Brasil ‘dá’ mais 51,7 mil dormidas ao alojamento turístico português

16-09-2019 (14h19)

Apesar das quebras de dormidas de nove dos 16 maiores emissores internacionais, a hotelaria portuguesa acabou Julho com mais 111,6 mil dormidas de turistas residentes no estrangeiros, graças nomeadamente ao aumento de 51,7 mil dormidas de residentes no Brasil, onde o mês de Julho é um dos mais fortes em turismo e viagens.

Maioria dos maiores emissores internacionais faz menos dormidas na hotelaria portuguesa em Julho

16-09-2019 (13h30)

A hotelaria portuguesa teve este mês de Julho quebras de dormidas de nove dos 16 principais emissores internacionais, as maiores das quais de turistas residentes nos Países Baixos (menos 26,5 mil), na Alemanha (menos 22,6 mil), no Canadá (menos 21 mil) e na Bélgica (menos 15 mil).

OTA de hotéis Amoma cessa e culpa “comparadores de preços”

16-09-2019 (11h08)

A agência de reservas hoteleiras Amoma, em www.amoma.com, que no ano passado teve vendas superiores a 500 milhões de euros, anunciou que cessa actividade e não terá como assegurar o respeito pelas responsabilidades contraídas para com os clientes.

Ultimas Noticias

Noticias mais lidas