SATA garante aumento das ligações entre Lisboa e os aeroportos da Horta, Santa Maria e Pico

04-03-2015 (23h24)

E garante code-share com a TAP em todas as rotas

A companhia açoriana SATA garantiu hoje que Horta, Santa Maria e Pico, para os quais segundo a imprensa açoriana a TAP vai deixar de voar, terão, no entanto, mais capacidade de transporte aéreo de e para Lisboa com a programação que tem prevista a partir da introdução das novas Obrigações de Serviço Público, a 29 de Março, início da época alta da aviação (Verão IATA).

A companhia, que avança que “todas as [suas] ligações entre os Açores e o Continente Português serão efectuadas em regime de code-share com a TAP”, especificou que entre Lisboa e a Horta terá cinco voos por semana nos meses de Abril, Maio e Outubro, às terças, quartas, quintas, sextas e Domingos, que em Junho e Setembro terá um voo por dia e que em Julho e Agosto terá um total de dez voos por semana, com dois às terças, quintas  e sextas-feiras.
Em relação às ligações entre Lisboa e o Pico, a informação da SATA indica que no Verão IATA (Abril a Outubro) terá dois voos por semana, às segundas e Sábados, via Terceira.
Santa Maria terá igualmente duas ligações com Lisboa por semana, às quintas e Domingos, via Ponta Delgada.
Com esta programação, salienta a SATA, relativamente às ligações com Lisboa que essas ilhas tiveram em 2014, tanto em voos seus como da TAP, a Horta terá um aumento de capacidade em 27%, o Pico terá capacidade idêntica em Julho e Agosto e o dobro “nos restantes dez meses do ano”, e que igualmente Santa Maria terá “a duplicação da capacidade actualmente oferecida”.
“A programação operacional da SATA responde ao que o Estado Português fixou como Obrigações de Serviço Público, ultrapassando, nalguns casos, o que está legalmente definido para o Verão IATA”, salienta a informação da SATA, na qual começa por garantir que a partir de 29 de Março será a única companhia a ter voos entre o Continente e “todas as gateways dos Açores”, designadamente Ponta Delgada, Terceira, Pico, Santa Maria e Faial.
A SATA refere na mesma informação que com a liberalização das rotas Lisboa - Ponta Delgada e Lisboa - Terceira a sua programação para essas linhas não carece de aprovação do INAC, ao contrário do que acontece com Santa Maria, Pico e Horta, para as quais “está a desenvolver um conjunto de trabalhos técnicos no domínio da sua programação operacional que submeterá, nos termos da lei, ao INAC”.
A SATA avança no mesmo comunicado a programação de voos para as ligações entre o Continente (Lisboa e Porto) e Ponta Delgada e Terceira.
Para Ponta Delegada, segundo especifica, terá 11 voos por semana de/para Lisboa e cinco para o Porto nos meses de Abril, Maio e Outubro, em Junho e Setembro terá 12 de/para Lisboa e seis de/para o Porto e em Julho e Agosto terá 13 de/para Lisboa e sete de/para o Porto.
Em relação à Terceira, a programação prevê um voo por semana de/para o Porto nos seis meses do verão IATA e cinco voos por semana de/para Lisboa nos meses de Abril, Maio, Junho, Setembro e Outubro, que eleva para seis nos meses de Julho e Agosto.

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ex-CRO da TAP é o novo presidente da NetJets Europe

02-08-2019 (08h45)

Elton D'Souza, que até ao fim de Julho esteve à frente da área de revenue management da TAP como Chief Revenue Officer (CRO), é o novo presidente da NetJets Europa, que se apresenta como a maior companhia mundial de aviação executiva.

easyJet contrata director de operações da Ryanair

19-07-2019 (13h25)

A easyJet contratou o director de operações da Ryanair, Peter Bellew, que vai desempenhar as mesmas funções e integrar o Conselho de Administração, reportando ao presidente executivo, Johan Lundgren.

NAU Hotels nomeia Walter Pereira Golf Contracting manager

09-07-2019 (18h48)

A NAU Hotels & Resorts nomeou Walter Pereira para o cargo de Golf Contracting manager, para reforçar “a aposta do grupo na comercialização integrada da oferta dos seus hotéis e campos de golfe”.

Travelport escolhe ex-Sabre para substituir Gordon Wilson em CEO

09-07-2019 (16h53)

A multinacional tecnológica Travelport, da qual faz parte o GDS Galileo, líder entre as agências de viagens portuguesas, que foi vendido em Maio aos grupos Siris Capital e Evergreen Coast Capital, anunciou hoje que Gordon Wilson, um veterano com 28 anos de companhia e seu CEO desde 2011, será substituído por Greg Webb, ex-vice-chairman da concorrente Sabre.

Julia Hillenbrand é a nova directora de Vendas ibérica do Grupo Lufthansa

01-07-2019 (14h01)

O Grupo Lufthansa nomeou Julia Hillenbrand para o cargo de directora de Vendas para Espanha e Portugal, que estará baseada em Madrid.

Noticias mais lidas