Cabo Verde implementa Taxa de Segurança Aeroportuária

03-01-2019 (16h11)

O Governo cabo-verdiano implementou a 1 de Janeiro uma Taxa de Segurança Aeroportuária (TSA) com um custo de cerca de 1,36 euros por passageiro em voos nacionais e 30,83 euros por passageiro em voos internacionais.

A TSA entrou em vigor no mesmo dia em que o Governo cabo-verdiano isentou os cidadãos de 36 países europeus de vistos de curta duração para entrada no país (clique para ler: Isenção de vistos para Cabo Verde alargada para cidadãos de 36 países europeus).

Terão de pagar a taxa todos os cidadãos estrangeiros que desembarquem em Cabo Verde ou estejam em viagem entre as ilhas, e os cabo-verdianos, nas deslocações inter-ilhas.

Ficam isentos do pagamento os titulares de passaporte cabo-verdiano, as crianças com menos de dois anos, os passageiros que, incluídos em missões oficiais, desembarquem em aeronaves ao serviço privativo do Estado de Cabo Verde ou Estado estrangeiro, em regime de reciprocidade.

Estão igualmente isentos os passageiros das aeronaves que efectuem aterragens "por motivo de retorno forçado ao aeroporto, justificado por motivos de ordem técnica ou meteorológica, ou outras de força maior, devidamente comprovadas", assim como os passageiros em trânsito nos aeroportos cabo-verdianos.

A TSA custa, nos voos nacionais, 150 escudos cabo-verdianos (cerca de 1,36 euros) a todos os passageiros (nacionais e estrangeiros), os quais são cobrados no momento da emissão dos bilhetes de passagem.

Para os voos internacionais, o valor da taxa é de 3.400 escudos cabo-verdianos (cerca de 30,86 euros) para os passageiros estrangeiros, cobrados através da plataforma 'web' de pré-registo.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Cabo Verde

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Fórum Mundial do Turismo começa hoje em Luanda

23-05-2019 (09h27)

A capital angolana, Luanda, acolhe a partir de hoje a reunião do Fórum Mundial do Turismo, um encontro que deverá juntar 1.500 participantes e servirá para promover o investimento e impulsionar o sector no país.

Ilha do Sal quer classificar a praia de Santa Maria com Bandeira Azul

22-05-2019 (11h46)

A Câmara Municipal do Sal, em Cabo Verde, quer classificar a praia de Santa Maria com Bandeira Azul, segundo a representante do programa no país, que considera que todas as praias cabo-verdianas têm condições para ser classificadas, desde que sejam implementadas medidas.

TAP lança nova rota para a capital da Gâmbia a partir de Outubro

21-05-2019 (11h34)

A TAP anunciou hoje que a partir de 26 de Outubro vai voar três vezes por semana entre Lisboa e Banjul, capital da Gâmbia.

Empresários de Cabo Verde querem “quebrar o monopólio” no transporte aéreo inter-ilhas

15-05-2019 (14h46)

A falta de concorrência nos transportes aéreos inter-ilhas dificulta a unificação do mercado, pelo que é necessário encontrar soluções para "quebrar o monopólio", disse o presidente da Câmara de Comércio de Sotavento (CCISS) cabo-verdiano.

Royal Air Maroc reduz bagagem de porão autorizada nos voos para o Brasil

13-05-2019 (18h36)

A companhia de aviação marroquina Royal Air Maroc (RAM), que tem Portugal como um dos mercados de captação de tráfego para voos de longo curso, reduz a partir de quarta-feira a bagagem de porão autorizada nos voos para o Brasil em até cerca de 18 quilogramas.

Noticias mais lidas