Turismo português em Cabo Verde cresce 4,6% no 2º trimestre

29-08-2019 (16h50)

A hotelaria de Cabo Verde teve um aumento das dormidas de turistas residentes em Portugal em 4,6% no segundo trimestre, impulsionado pelo crescimento do número de visitantes em 7,2%, que compensou a redução da sua estada média em 2,4%.

Dados do INE de Cabo Verde recolhidos pelo PressTUR permitiram ver que a hotelaria do arquipélago de língua oficial portuguesa recebeu no segundo trimestre 21.790 turistas residentes em Portugal, mais 7,2% ou mais quase 1,5 mil que no período homólogo de 2018.

Esta evolução, concluiu o PressTUR, foi proporcionada pelos aumentos de 925 turistas residentes em Portugal nos estabelecimentos da ilha de Santiago, onde se localiza a capital, Cidade da Praia, a que se somaram mais 636 na ilha do Sal e mais 63 no conjunto da restantes ilhas.

Boavista e São Vicente, por sua vez, tiveram respectivamente menos 91 e menos 73 turistas residentes em Portugal.

Assim, estas foram também as únicas ilhas que no segundo trimestre deste ano tiveram menos dormidas de turistas residentes em Portugal que no período homólogo de 2018, com decréscimos de 14,7% ou 655 em São Vicente e de 1,2% ou 267 na Boavista, segunda ilha turística mais procurada do país.

O maior aumento de dormidas de turistas residentes em Portugal no segundo trimestre deu-se na ilha do Sal, com mais 3,8 mil que há um ano, seguida por Santiago, com mais 1,6 mil, e o conjunto das restantes ilhas, com mais 190.

O Sal concentrou assim 62,5% das dormidas de residentes em Portugal na hotelaria de Cabo Verde no segundo trimestre, com um total de 68,2 mil, A Boavista teve 20,4%, com 22,2 mil, Santiago teve 12,1%, com 13,2 mil, São Vicente teve 3,5%, com 3,8 mil, e o conjunto das restantes ilhas teve 1,6%, com 1,7 mil.

Relativamente ao segundo trimestre de 2018, o Sal reforçou a sua quota em 0,8 pontos, Santiago aumentou em um ponto e o conjunto das restantes ilhas teve +0,1 pontos, enquanto a Boavista baixou 1,2 pontos e São Vicente, 0,8 pontos.

Ver também:

Hotelaria de Cabo Verde fecha 1º semestre com mais 30 mil hóspedes

 

Clique para ver mais: Cabo Verde

Clique para ver mais: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Soltrópico promove webinar sobre Djerba

19-02-2020 (14h38)

O operador turístico Soltrópico está a anunciar uma sessão de formação em formato webinar sobre a ilha de Djerba, na Tunísia, no dia 27 de Fevereiro.

Egyptair vai fazer 16 charters de Lisboa para Sharm el Sheikh este Verão

18-02-2020 (12h32)

A companhia de aviação egípcia Egyptair vai fazer um voo charter semanal de Lisboa para Sharm el Sheikh, entre o deserto da península do Sinai e o Mar Vermelho, no Egipto, entre 8 de Junho e 28 Setembro (último regresso).

Ilha do Sal investe mais de 3M€ para criar Polícia Municipal com 70 efectivos

17-02-2020 (18h42)

A ilha do Sal, a mais turística de Cabo Verde, vai contar este ano com um corpo de Polícia Municipal, com até 70 efectivos, num investimento da câmara local superior a três milhões de euros até 2023.

Governo cabo-verdiano aprova concessão para aldeamento turístico no Tarrafal

11-02-2020 (17h36)

O Governo cabo-verdiano aprovou a concessão a privados, por 50 anos, de um terreno de 8.559 metros quadrados junto ao mar, no concelho do Tarrafal, ilha do Sal, para instalação de um aldeamento turístico.

São Tomé recebe mais 3.400 turistas em 2019

10-02-2020 (13h35)

São Tomé e Príncipe recebeu cerca de 34.900 turistas em 2019, um aumento de 4,5% (cerca de 3.400 turistas) em relação ao ano de 2018, com Portugal, Angola, França e Alemanha no topo da lista de mercados emissores.

Noticias mais lidas