Iberia cancela 101 voos devido a greves em Madrid e Barcelona sexta e Sábado

29-08-2019 (17h44)

A Iberia cancelou 101 voos sexta-feira e Sábado de e para Madrid e Barcelona, incluindo quatro voos de/para Portugal, devido à greve dos trabalhadores da sua subsidiária Iberia Servicios Aeroportuarios, que presta serviços de assistência em escala nos dois aeroportos.

Na sexta-feira, a Iberia tem 57 voos cancelados, incluindo o Madrid-Porto com o código IB3092 e Porto-Madrid com o código IB3093.

No Sábado, dia 31 de Agosto, a companhia tem cancelados 44 voos, incluindo o Madrid-Lisboa com o código IB3108 e Lisboa-Madrid com o código IB3111 (para consultar a lista de voos cancelados clique aqui).

"A Iberia enviou notificações por correio ou SMS aos clientes afectados cujas reservas foram submetidas a uma actualização", sublinha uma informação da companhia do grupo IAG.

As modificações aos voos podem ser feitas na área de gestão de reservas no website da Iberia.

Os clientes afectados com voos de/para Madrid e Barcelona operados pela Iberia, Iberia Express e Iberia Regional Air Nostrum reservados no website da companhia aérea até dia 26 de Agosto podem alterar os seus voos para outras datas até 10 de Setembro.

Os clientes que reservaram em agências de viagens devem dirigir-se a essas empresas para modificar as suas reservas, conclui a companhia aérea.

A Vueling, que também faz parte do grupo IAG, também tem 92 voos cancelados para sexta-feira e Sábado, embora apenas de e para Barcelona, incluindo quatro voos de/para Portugal (clique para ler: Vueling cancela 92 voos de/para Barcelona El Prat sexta e Sábado).

Os trabalhadores da Iberia Servicios Aeroportuarios também estiveram em greve em Barcelona El Prat nos dias 27 e 28 de Julho e 24 e 25 de Agosto, levando ao cancelamento de cerca de 240 voos.

Esta empresa, subsidiária da Iberia, presta serviços de check-in, carga e descarga de bagagem e manutenção de aeronaves a 27 companhias aéreas em Barcelona El Prat.

As negociações entre a administração e os trabalhadores terminaram abruptamente sem acordo, na quarta-feira, depois de se ter alcançado um compromisso verbal de desconvocação da greve para aqueles dias (clique para ler: Trabalhadores da Iberia em Barcelona mantêm greve a 30 e 31 de Agosto).

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Espanha

Clique para ver mais: Iberia

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Ryanair começa 2020 com quebra de passageiros nos aeroportos espanhóis

12-02-2020 (16h49)

A Ryanair, que é a maior companhia de aviação nos aeroportos espanhóis, com 49,9 milhões em 2019, mais 7,19 milhões que a segunda maior, a low cost Vueling, começou este ano com uma quebra em 4,5% ou 141,8 mil, ficando em 3,02 milhões.

TAP cresce 14,2% mas perde quota de mercado nas ligações aéreas entre Espanha e Portugal

12-02-2020 (16h27)

A TAP foi a companhia utilizada por 35,8% dos passageiros que voaram este Janeiro entre Espanha e Portugal, com um total de 153,4 mil, que significa um aumento em 14,2%, ainda assim aquém do aumento do tráfego total em voos entre os dois países, que foi de 19,7%.

Portugal é a origem/destino de passageiros aéreos que mais cresce em Espanha

12-02-2020 (16h19)

Os voos de/para Portugal foram as rotas internacionais de para aeroportos espanhóis que tiveram o maior aumento de passageiros no mês de Janeiro, com uma subida de 70,5 mil, de acordo com os dados divulgados pela AENA, gestora dos aeroportos espanhóis.

Aeroportos espanhóis crescem 2,4% em Janeiro apesar de aumento em 6,3% em Madrid

12-02-2020 (14h29)

Os aeroportos espanhóis atenderam em Janeiro praticamente 17 milhões de passageiros, com um aumento em 2,4% ou quase 400 mil em relação ao primeiro mês de 2019, no qual o aumento atingira 7%.

Air Europa implementa novo método de embarque por zonas

04-02-2020 (15h07)

A Air Europa implementou um novo método de embarque por zonas em todos os seus voos regulares, com o qual pretende “que a acomodação do passageiro seja mais rápida, cómoda e ordenada”.

Noticias mais lidas