Meliá abre hotel da marca Innside junto ao Aeroporto de Paris CDG

21-02-2019 (17h37)

Imagem: Meliá Hotels International
Imagem: Meliá Hotels International

A Meliá Hotels International anunciou hoje a abertura do seu primeiro hotel da marca Innside em França, uma unidade de 266 quartos localizada junto ao Aeroporto Internacional de Paris – Charles de Gaulle.

O Innside Paris Charles De Gaulle, que é o sétimo hotel do grupo na capital francesa, tem 266 quartos e dez lofts, um ginásio aberto 24 horas por dia, salas de reuniões “desenhadas para inspirar a criatividade” e o restaurante The Olivine, que “oferece o melhor da cozinha mediterrânica juntamente com a cozinha francesa clássica”, descreve um comunicado.

Os quartos, “de estilo contemporâneo e acolhedor”, incluem roupão de banho, chinelos, máquina de café e um mini-bar gratuito com sumos e outros refrigerantes. Os quartos Superior+, por sua vez, têm frigoríficos da marca Smeg, com “lanches saudáveis e várias bebidas”, bem como um sistema de som de alta qualidade e serviços de streaming.

O exterior Innside Charles De Gaulle, acrescenta o comunicado, foi projectado pelos arquitectos parisienses SCAU, enquanto o design de interiores é do francês Jean-Philippe Nuel, criando assim uma proposta onde “espaços abertos e ao ar livre têm especial protagonismo”.

“Os hóspedes encontrarão o espaço ideal para recarregar as energias antes de continuar a sua viagem, além de trabalhar, exercitar, descansar, até brincar, em amplos espaços perfeitos para reuniões, tanto de negócios como sociais”.

A Meliá destaca que neste hotel não são utilizadas palhinhas de plástico e que os cartões de visita e as bases para copos são feitos de papel reciclado, enquanto a roupa de cama e de banho é feita de algodão orgânico, os sacos de lavandaria são de papel e os cartões de “não incomodar” são de madeira.

O grupo hoteleiro está a investir na expansão da marca Innside, como já havia avançado durante a Feira Internacional de Turismo de Madrid (Fitur) o vice-presidente executivo da Meliá Hotels International, Gabriel Escarrer Jaume (clique para ler: Viana do Castelo, Lisboa e Braga são destinos potenciais para novos hotéis Meliá).

A empresa tem previsto abrir mais 17 hotéis da marca Innside na Ásia, Médio Oriente e Europa, destacando-se no velho continente o Innside Luxemburgo, na Cloche D’Or, e o Innside Prague Old Town, que será o primeiro da Meliá na República Checa.

 

Clique para ver mais: Meliá Hotels International

Clique para ver mais: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Soltrópico apresenta programação de Réveillon em Coimbra, Porto e Lisboa

21-08-2019 (21h48)

“Venha descobrir as novidades que temos reservadas para o Réveillon e para os destinos de longo curso”, desafia o operador turístico Soltrópico num convite para três apresentações marcadas para 10, 11 e 12 de Setembro, em Coimbra, Porto e Lisboa.

Convento do Carmo em Moura vai ser um 4-estrelas após investimento de seis milhões

21-08-2019 (21h22)

A Sociedade de Promoção de Projetos Turísticos e Hoteleiros (SPPTH), gestora do Convento do Espinheiro, em Évora, venceu a concessão do Convento do Carmo, em Moura, que irá converter num hotel de 4-estrelas para abrir em 2022, após um investimento de seis milhões de euros.

Aeroporto de Lisboa vai ter uma nova área de chegadas com mais cinco postos de controlo

21-08-2019 (16h30)

O aeroporto de Lisboa vai ter a partir de final de Setembro/início de Outubro mais cinco postos de controlo do Serviço de Estangeiros e Fronteiras (SEF) numa nova área de chegadas, disse Isabel Oneto, secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna.

Macau recebeu mais 8% de turistas portugueses até Julho

21-08-2019 (16h16)

Macau recebeu 6.905 turistas portugueses nos primeiros sete meses do ano, o que corresponde a um aumento de 8% ou mais 509 turistas que no período homólogo do ano passado, segundo dados oficiais divulgados hoje.

Macau soma mais 20% de visitantes nos primeiros sete meses do ano

21-08-2019 (16h13)

Macau recebeu 23,814 milhões de visitantes nos primeiros sete meses do ano, um aumento de 20% ou quase quatro milhões (3,966 milhões) face período homólogo do ano passado, de acordo com os dados oficiais divulgados hoje.

Noticias mais lidas