Passes sociais no Algarve vão custar entre 14 e 40 euros

19-04-2019 (17h50)

Os passes dos transportes públicos no Algarve vão ter preços entre 14 e 40 euros, representando uma redução superior a 80% relativamente ao tarifário actualmente em vigor, anunciou hoje a Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL).

A decisão foi hoje aprovada na reunião desta entidade que representa os 16 municípios do Algarve e que funciona também como autoridade de transportes, prevendo-se que entre em vigor a 1 de Maio.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Comunidade Intermunicipal, Jorge Botelho, disse que a redução do preço dos passes dos transportes públicos, rodoviários e ferroviários na região algarvia, representa um investimento anual de mais de 600 mil euros para a AMAL, “verba que será entregue como compensação às concessionárias, como reforço do programa de apoio à redução tarifária”.

“É um passo importante para o reforço dos transportes públicos no Algarve e para a redução de veículos na via pública, contribuindo para uma melhoria da qualidade ambiental”, salientou.

Na opinião de Jorge Botelho, se houver mais pessoas a utilizarem os transportes públicos no Algarve, “será criada uma pressão positiva que, certamente, contribuirá para a melhoria dos transportes rodoviários e ferroviários da região”.

“Além de aumentar a procura e melhorar os transportes públicos, a região beneficia também com a redução do ruído”, destacou.

A associação está a desenvolver um projecto de mobilidade urbana sustentável, o Vamus, que “olha em conjunto para os transportes particulares e públicos com vista a que, a médio e longo prazos, as deslocações dentro e ou entre cidades algarvias sejam mais eficientes, mais inclusivas e mais amigas do ambiente”, adiantou o presidente da Comunidade Intermunicipal do Algarve.

A verba que vai ser entregue como compensação às concessionárias pela redução do preço dos passes em autocarros e comboios é suportada em 97,5% pelo Fundo Ambiental e em 2,5% pelas autarquias.

A AMAL recebe este ano cerca de 920 mil euros do Fundo Ambiental.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para mais notícias: Algarve

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Soltrópico apresenta programação de Réveillon em Coimbra, Porto e Lisboa

21-08-2019 (21h48)

“Venha descobrir as novidades que temos reservadas para o Réveillon e para os destinos de longo curso”, desafia o operador turístico Soltrópico num convite para três apresentações marcadas para 10, 11 e 12 de Setembro, em Coimbra, Porto e Lisboa.

Convento do Carmo em Moura vai ser um 4-estrelas após investimento de seis milhões

21-08-2019 (21h22)

A Sociedade de Promoção de Projetos Turísticos e Hoteleiros (SPPTH), gestora do Convento do Espinheiro, em Évora, venceu a concessão do Convento do Carmo, em Moura, que irá converter num hotel de 4-estrelas para abrir em 2022, após um investimento de seis milhões de euros.

Aeroporto de Lisboa vai ter uma nova área de chegadas com mais cinco postos de controlo

21-08-2019 (16h30)

O aeroporto de Lisboa vai ter a partir de final de Setembro/início de Outubro mais cinco postos de controlo do Serviço de Estangeiros e Fronteiras (SEF) numa nova área de chegadas, disse Isabel Oneto, secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna.

Macau recebeu mais 8% de turistas portugueses até Julho

21-08-2019 (16h16)

Macau recebeu 6.905 turistas portugueses nos primeiros sete meses do ano, o que corresponde a um aumento de 8% ou mais 509 turistas que no período homólogo do ano passado, segundo dados oficiais divulgados hoje.

Lisboa foi Top5 de crescimento de passageiros na Europa no primeiro semestre

21-08-2019 (15h37)

O ACI Europa, associação que reúne mais de 500 aeroportos europeus, cotou o Aeroporto de Lisboa como um dos grandes aeroportos do continente com mais forte crescimento do número de passageiros no primeiro semestre.

Noticias mais lidas