Portugal foi um dos mercados onde a Meliá teve melhor desempenho em 2018, Gabriel Escarrer

23-01-2019 (14h23)

O vice-presidente executivo da Meliá Hotels International, Gabriel Escarrer Jaume, apontou hoje o mercado português como “um dos que teve melhor comportamento” na maior rede hoteleira espanhola em 2018.

Gabriel Escarrer falava aos jornalistas durante a Fitur, que começou hoje em Madrid, e especificou que esse desempenho foi “muito derivado do consumo tanto do mercado português, como do mercado espanhol e também do mercado britânico”.

“Para 2019 creio que continuarão a ter um comportamento muito bom o mercado doméstico português e o mercado espanhol. A grande incerteza é o mercado britânico”, acrescentou o vice-presidente executivo da Meliá.

Durante uma apresentação hoje na Fitur, Gabriel Escarrer salientou que as suas principais preocupações com o Reino Unido estão relacionadas com a desvalorização da libra, que reduz o poder de compra dos turistas britânicos, e com a eventual necessidade de visto para cidadãos britânicos entrarem na União Europeia.

Na mesma apresentação, o executivo salientou que a empresa tem vindo a investir em ter um negócio cada vez mais digital, tanto nas vendas directas aos clientes como nas vendas através de terceiros.

Um dos efeitos dessa estratégia foi que as vendas através da MeliáPro, que é a plataforma da rede hoteleira para as agências de viagens, cresceram 35% em 2018 face a 2017 e 72% em relação a 2015.

O MeliáPro, segundo um comunicado da rede hoteleira, tem registadas cerca de 42 mil agências de viagens em todo mundo.

O investimento da Meliá na ‘digitalização’ dos canais de venda foi superior a 129 milhões de euros.

 

Continua em:

Viana do Castelo, Lisboa e Braga são destinos potenciais para novos hotéis Meliá, Gabriel Escarrer

 

Clique para ver mais: Meliá Hotels International

Clique para ver mais: Fitur

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para mais notícias: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Hotéis de Lisboa ganham mais em Outubro, por aumentos de preços

06-12-2019 (18h18)

Os hotéis da cidade de Lisboa tiveram aumentos da receita média de quartos por quarto disponível (RevPAR) no mês de Outubro entre 4,1% e 10,4%, de acordo com o Observatório do Turismo da capital, cujos dados evidenciam que a subida foi alavancada nos preços de quartos.

TAP já ultrapassou o total de passageiros do ano de 2018

06-12-2019 (15h53)

A TAP transportou 15,8 milhões de passageiros entre Janeiro e final de Novembro deste ano, igualando assim o total de 2018, ano em que crescera 10,4% ou 1,5 milhões de passageiros.

TAP cresce 15,7% em Novembro e melhora ocupação dos voos em 2,1 pontos

06-12-2019 (15h50)

A TAP informou hoje que em Novembro, um dos meses mais fracos para as companhias de aviação do hemisfério Norte, teve um crescimento do tráfego medido em passageiros x quilómetros voados (RPK, na sigla do inglês) em 15,7%, conseguindo assim uma melhoria da taxa de ocupação dos voos em 2,1 pontos, mesmo tendo feito um aumento de capacidade em 12,5%.

Contrato de concessão do Castelo de Vila Nova de Cerveira assinado hoje

06-12-2019 (14h28)

O contrato de concessão para transformar o Castelo de Vila Nova de Cerveira num hotel, previsto abrir no final de 2021, foi hoje assinado com o promotor Eurico da Fonseca, o mesmo promotor que desenvolveu o Palácio de São Bento da Vitória, no Porto.

TAP faz dois voos extra para transportar passageiros retidos na Madeira

06-12-2019 (13h44)

A TAP vai fazer hoje dois voos extra para transportar os passageiros retidos na Madeira devido aos ventos fortes que ontem impediram todas as partidas e chegadas previstas para o aeroporto do Funchal.

Noticias mais lidas