Ministro do Turismo do Egipto prevê recuperação este ano

01-02-2012 (16h41)

O Egipto espera que 2012 seja o ano de recuperação do turismo, e que a imagem de tranquilidade e abertura se traduza na chegada de turistas, de forma a atingir os níveis anteriores à mudança política.

Uma nota do Turismo do Egipto cita o ministro do Turismo, Mounir Fakhry Abd ElNour que durante uma visita à FITUR mostrou-se convencido que após os acontecimentos que ocorreram durante a Primavera Árabe que derrubaram o regime de Hosni Mubarak e a posterior realização de eleições Gerais, o Egipto venha a recuperar como destino turístico.
Durante um encontro com a imprensa o Ministro mostrou-se convencido que "a alteração de política que está a acontecer no país depois da Primavera Árabe afectará de forma positiva o futuro turístico do país", considerando que o papel do turismo cultural e histórico "é fundamental para a rápida melhoria da economia do Egipto".
O turismo é uma das principais fontes de entrada de divisas no Egipto que em 2011 recebeu mais de 9,8 milhões de turistas, não só através das entradas de turistas, mas também pelos importantes investimentos realizados pelas cadeias hoteleiras internacionais.
O sector é um grande gerador de emprego directo e indirecto, principalmente nas regiões do Cairo e arredores, na zona Sul (Luxor, Karnak, Vale dos Reis e Abu Simbel) e a costa do Mar Vermelho e na península do Sinai.
As autoridades egípcias estão conscientes de que 2012 será "um autêntico desafio", mas o ministro diz que "O governo vai apoiar fortemente o sector para que possamos ser mais competitivos", sendo necessária a recuperação da confiança do turista e do empresário, o que só acontecerá com o apoio institucional.
Estamos certos de que o ano que se inicia será muito positivo para o turismo no nosso país", afirmou.
Nos próximos meses o governo egípcio irá desenvolver diferentes planos com o objectivo de implementar a competitividade, melhorar a sustentabilidade do sector turístico e aumentar a promoção das distintas regiões do país, finaliza a nota.

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

TAAG anuncia voos para Luanda desde 396 euros, ida e volta

25-10-2021 (13h14)

A companhia de aviação angolana TAAG anunciou ao mercado uma promoção para os seus voos entre Lisboa e Luanda, com preços a começar nos 396 euros, ida e volta.

Marrocos adere ao certificado de vacinação

22-10-2021 (13h36)

Marrocos lançou hoje o certificado de vacina anti-covid-19, tornando-se o primeiro país do Magrebe a aprovar a medida que impõe a obrigatoriedade de apresentação de certificado para acesso a um conjunto de locais.

Sonhando promove Bissau desde 885 euros

30-09-2021 (14h25)

A Sonhando está a promover um programa de sete noites na capital da Guiné-Bissau, com voos euroAtlantic à saída de Lisboa, até 18 de Março e o preço inicial de 885 euros por pessoa.

Viajar Tours promove circuitos em Marrocos, visitas à Expo Dubai 2020 e Riviera de Antalya

30-09-2021 (13h05)

O operador turístico Viajar Tours está a promover quatro circuitos de sete noites em Marrocos com voos TAP, um pacote para visitas à Expo 2020 Dubai, e uma semana na Riviera de Antalya.

São Tomé desde 877 euros é "oferta especial" da Sonhando

29-09-2021 (13h48)

A Sonhando está a promover uma "oferta especial" para São Tomé com sete noites de alojamento e voos STP Airways à saída de Lisboa, desde 877 euros, para reservas efectuadas até 30 de Setembro.

Opinião e Análise