Sonhando leva grupo de agentes de viagens a São Tomé e Príncipe

19-06-2019 (12h43)

O operador turístico Sonhando organizou uma famtrip, com apoio da STP Airways e dos grupos hoteleiros HBD e Pestana, para dar a conhecer as ilhas de São Tomé e do Príncipe, e o Ilhéu das Rolas, a um grupo de dez agentes de viagens.

O itinerário passou pela Ilha do Príncipe, com duas noites no 5-estrelas Sundy Praia Principe Island, pela ilha de São Tomé, onde o grupo passou duas noites no 5-estrelas Pestana São Tomé e uma no 4-estrelas Omali Lodge, e ainda pelo Ilhéu das Rolas, com duas noites no 4-estrelas Pestana Equador.

O grupo partiu de Lisboa em voo da STP Airways às 5h55 e aterrou em São Tomé cerca de cinco horas e meia depois. O voo de ligação para a Ilha do Príncipe seguiu passadas três horas e meia, e teve uma duração de cerca de 35 minutos (Clique para ver o programa no Príncipe 1 e 2).

O voo de regresso para São Tomé saiu às 14h20, e uma vez na ilha o grupo teve a oportunidade de conhecer o 4-estrelas Pestana Miramar São Tomé e ficar alojado no 5-estrelas Pestana São Tomé, antes de seguir para o Ilhéu das Rolas (Clique para ver o programa em São Tomé).

A ligação para o Ilhéu das Rolas faz-se do Sul da ilha, em Ponta Baleia, a cerca de 67 quilómetros da capital. Este percurso passa por uma estrada adornada pelas paisagens luxuriantes que caracterizam a ilha, com especial destaque para a vista para o Pico Cão Grande, uma elevação aguda de origem vulcânica.

Após o percurso de carro, a viagem faz-se de barco, durante cerca de 20 minutos, e é directa para o cais do 4-estrelas Pestana Equador. O grupo passou duas noites neste resort (Clique para ver o programa no Ilhéu das Rolas).

A última noite, depois do regresso a São Tomé, foi no 4-estrelas Omali São Tomé, que se encontra perto do Aeroporto Internacional.

Esta viagem promovida pela Sonhando contou com António Pedro Rosário, da Volta Mundo, Fernando Santos, da Ponto de Partida, Jorge Humberto, da Escolher Destinos, Júlia Pereira, da Destino X, Maria Manuela Araújo, da Paragens Viagens e Turismo, Margarida Coelho, da CapitalTur, Mónica de Sousa, da Onda Azul, Paula Moreira, da Optima Tours, Reinaldo Diogo, da CaravelaTur, e Teresa Carvalho, da Mercado das Viagens (Montijo).

O PressTUR participou na famtrip a convite da Sonhando.

Para ler mais clique:
Sonhando leva agentes de viagens ao Príncipe (1/2)
Sonhando leva agentes de viagens ao Príncipe (2/2)
Sonhando leva grupo de agentes de viagens a São Tomé
Sonhando leva grupo de agentes de viagens ao Ilhéu das Rolas



Clique para mais: São Tomé

Clique para mais notícias: Sonhando

Clique para mais: África


Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Tunísia reabre fronteiras aos turistas no dia 27 de Junho

02-06-2020 (18h06)

A Tunísia, para onde vários operadores turísticos portugueses contrataram voos charter de Lisboa e do Porto para este Verão, vai reabrir as suas fronteiras no dia 27 de Junho.

Egotravel põe à venda férias em Djerba com voos a partir de 2 de Agosto

26-05-2020 (11h27)

O operador turístico Egotravel anunciou ao mercado que está a vender programas de férias na ilha de Djerba, na Tunísia, com voos directos de Lisboa e do Porto entre 2 de Agosto e 4 de Outubro.

Sonhando já vende férias de Verão em Cuba, Tunísia, Porto Santo e São Tomé

22-05-2020 (16h11)

O operador turístico Sonhando anunciou hoje ao mercado a sua programação para férias de Verão em Cuba, com voos charter para Vardero e Cayo Coco, Tunísia, com voos charter de Lisboa e do Porto, ilha de Porto Santo e São Tomé e Príncipe.

Oásis Atlântico divulga medidas para prevenir a propagação da covid-19 nos seus hotéis

22-05-2020 (11h22)

O grupo português Oásis Atlântico, que tem hotéis em Cabo Verde, Marrocos e Brasil, está a divulgar as medidas que implementou nos seus hotéis para prevenir a propagação da covid-19, incluindo reforço da limpeza e redução de capacidade em restaurantes e bares.

Hotéis e restaurantes na Tunísia reabrem a 4 de Junho

22-05-2020 (10h55)

As autoridades tunisinas anunciaram a reabertura em 4 de Junho de todos os locais de culto, dos cafés, dos restaurantes e dos hotéis, após mais de dois meses de encerramento devido à pandemia de covid-19.

Opinião e Análise