Norte da Tailândia, um templo na montanha em Chiang Mai

14-02-2020 (15h18)

Instalada no sopé da montanha, Chiang Mai tem uma tranquilidade quase rural, mesmo sendo uma das maiores cidades da Tailândia, rica em história e templos, localizada no topo de colinas verdejantes.

A sensação de estarmos numa pequena cidade do interior deve-se, pelo menos em parte, aos edifícios baixos. Têm no máximo cinco pisos para que se possa sempre ver o templo no topo da colina, explica-nos Bee, a guia que nos acompanha.

Outro elemento que nos faz sentir como se estivéssemos numa pequena comunidade são os táxis, que são carrinhas com bancos laterais corridos na traseira, onde cabem pelo menos dez pessoas, que o condutor vai recolhendo e deixando ao longo do percurso. Como são pintados de vermelho, lembram antigas carrinhas de bombeiros ou ambulâncias.

Enquanto cruzamos a cidade, dividida entre parte nova e parte velha por uma muralha antiga, olhamos para as montanhas verdejantes com nuvens a cobrir os pontos mais elevados.

Em curva e contra-curva subimos a mais de mil metros acima do nível do mar, para o topo da montanha, onde encontramos o templo mais sagrado do Norte da Tailândia, o Wat Phra That Doi Suthep.

Este templo com vistas fantásticas sobre a cidade foi construído em 1383 para consagrar uma parte dos restos mortais de Buda, que se diz ser o osso de um ombro. Esta relíquia foi colocada em cima de um elefante branco que deambulou pelas montanhas até morrer. Onde o elefante parou, o rei Keu Naone mandou construir o templo.

Lá dentro podemos ouvir os cânticos dos monges e entrar no ritual. É preciso estar descalço e ficar de joelhos de frente para o monge enquanto ele diz as suas orações e nos borrifa com água. No final, os monges colocam uma pulseira aos homens, um a um. Às mulheres, como não lhes podem tocar, os monges apenas deixam cair as pulseiras sobre as suas mãos.

Ao percorrer o templo, é fácil deixarmo-nos impressionar pela sua riqueza, visível nas estátuas e estupas douradas, em contraste com os tons de vermelho e verde dos telhados pontiagudos.

O próprio acesso ao monumento já permite antecipar a sua magnificência. São mais de 300 degraus ladeados por duas serpentes trabalhadas em mosaico. A subida faz parte da peregrinação, mas se faltar o fôlego existe um transporte em funicular.

Os tailandeses em algum momento da sua vida devem tornar-se monges, conta-nos Bee, explicando que antigamente faziam-no por um período mínimo de três meses, mas actualmente poucos superam os 15 dias. A vida monástica obriga a cumprir algumas regras e a enfrentar algumas privações que pretendem purificar a alma, trazendo ainda boa sorte ao praticante e à sua família.

É tempo de regressar à cidade para encerrar o dia com uma visita aos hotéis Empress e Empress Premier, destacando-se o primeiro pelo jantar animado, com música ao vivo, e o segundo pelos quartos luxuosos e a piscina de água salgada.

No dia seguinte estaremos de volta às montanhas para visitar a tribo Padaung ou Kayan, conhecida pelas mulheres dos pescoços compridos, também chamadas de mulheres-girafa.

Para continuar a ler clique:

Norte da Tailândia, tribos nas montanhas em Chiang Mai

 

Por Luís Canto

O PressTUR viajou a convite do operador turístico Solférias

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Seicheles reabrem fronteiras, mas barram entrada a visitantes de Portugal

06-07-2020 (16h45)

As Seicheles começaram a reabrir as fronteiras aos turistas estrangeiros, mas os viajantes procedentes de Portugal estão impedidos de entrar.

Tongsai Bay, em Koh Samui, reabre a 1 de Julho

24-06-2020 (17h28)

O The Tongsai Bay, unidade hoteleira Green Pearls na Tailândia, vai reabrir a 1 de Julho com uma série de medidas de limpeza e higiene de acordo com os requerimentos da Organização Mundial de Saúde e das autoridades locais.

Maldivas reabrem ao turismo a partir de 15 de Julho

24-06-2020 (11h36)

As Maldivas vão reabrir ao turismo a partir de 15 de Julho, depois de vários meses com os hotéis encerrados devido à pandemia de covid-19.

Solférias já vende Maldivas para viagens a partir de 1 de Julho

22-06-2020 (17h41)

O operador turístico Solférias anunciou ao mercado programas para viagens às Maldivas a partir de 1 de Julho, com voos operados pela companhia aérea Swiss à partida de Lisboa, via Zurique.

Hong Kong Disneyland vai reabrir a 18 de Junho

16-06-2020 (16h42)

A Hong Kong Disneyland vai reabrir a 18 de Junho "com novas e melhoradas medidas de saúde e segurança, que reflectem a orientação por parte das autoridades de saúde e governamentais".

Opinião e Análise