Onde ficar em Cayo Coco

28-06-2019 (15h06)

Depois de visitar os principais hotéis em Cayo Guillermo, o grupo de agentes de viagens portugueses descobriu em Cayo Coco outras opções para os seus clientes, quer viajem com crianças ou estejam em lua de mel.

As visitas, a convite do operador turístico Sonhando, que progama voos charter com outros parceiros entre Lisboa e Cayo Coco durante o Verão, começou pelo Hotel Playa Paraíso, um empreendimento que até Janeiro deste ano era gerido pelo grupo hoteleiro português Pestana.

A gestão do hotel está actualmente nas mãos da empresa estatal cubana Gaviota, com a sua marca Playa, que mantém os mesmos serviços e oferta, incluindo um restaurante português, assim como a maior parte dos funcionários, que asseguram que quem gostava do hotel enquanto Pestana vai continuar a gostar.

Já no hotel Sol Cayo Coco, os agentes de viagens portugueses foram surpreendidos com um casamento na praia, que a princípio parecia verdadeiro, mas que era afinal uma encenação para demonstrar a oferta da unidade.

O destaque da oferta deste resort, direccionado para casais e para famílias com crianças, é o acesso a duas praias distintas, Las Coloradas e Playa Larga.

Para terminar o primeiro dia de visitas, o grupo foi recebido com um jantar animado com música ao vivo na praia do Meliá Jardines del Rey, o maior resort do grupo hoteleiro Meliá, com mais de mil quartos, dez restaurantes, vários bares e uma extensa oferta de actividades.

Outra opção é o Pullman Cayo Coco, dividido em duas áreas, uma das quais só para adultos, sendo que ambas oferecem vistas magníficas para o mar, a partir dos quartos, dos bares e das piscinas infinitas.

Já o Meliá Cayo Coco, o único hotel exclusivamente para adultos em Cayo Coco, é um dos mais pequenos, com cerca de 250 quartos, de que se destaca a oferta de dois bares abertos 24 horas e um restaurante de gastronomia cubana localizado sobre a praia, para refeições ao ar livre. 


Por Luís Canto. O PressTUR visitou Cuba a convite do operador turístico Sonhando

 

Para continuar a ler clique:

 

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Charters para as Caraíbas cancelados em Julho e Agosto

08-07-2020 (18h44)

As praias e resorts das Caraíbas, tanto da Dominicana como do México e de Cuba, que todos os anos atraem milhares de portugueses que viajam com pacotes turísticos, este ano não os vão ter, pelo menos nos meses de ‘pico’ de Verão, pois os voos charter já estão cancelados.

Havana começa a desconfinar e Cayos podem abrir ao turismo internacional na sexta-feira

02-07-2020 (09h31)

Havana vai iniciar a primeira fase do programa de desconfinamento esta sexta-feira, dia 3, enquanto as restantes províncias, excepto Matanzas, passam à segunda etapa, que significa que os Cayos podem reabrir ao turismo internacional, “dependendo da procura”.

República Dominicana reabre hoje ao turismo com “fortes medidas sanitárias”

01-07-2020 (16h52)

O Turismo da República Dominicana anunciou que o país reabriu hoje ao turismo internacional, tendo implementado “fortes medidas sanitárias” nos aeroportos, que são a principal porta de entrada dos turistas.

República Dominicana está pronta para receber turistas a partir de 1 de Julho

16-06-2020 (18h43)

“A indústria do turismo dominicano está pronta para começar a receber turistas a partir de 1 de Julho”, anunciou o ministro do Turismo, Francisco Javier García.

Cayos serão os primeiros destinos em Cuba a abrir ao turismo internacional

15-06-2020 (13h43)

O Conselho de Ministros cubano aprovou uma estratégia de desconfinamento que prevê que os Cayos do Norte e do Sul do país serão os primeiros destinos a abrir ao turismo internacional.

Opinião e Análise