Trinidad: um tesouro colonial entre o mar e a serra

24-03-2017 (06h03)

Trinidad é uma cidade para mergulhar na história colonial de Cuba, mas também no mar das melhores praias do Sul do país e na densa floresta da Serra de Escambray, tudo isto no caso de sobrar energia das noites animadas com muita dança e música ao vivo.

Situada na província de Sancti Spíritus, Trinidad tem a Sul a Playa Ancón, considerada uma das melhores praias do Sul de Cuba, e a Noroeste a Serra de Escambray, onde está o Vale dos Engenhos de Açúcar, declarado Património Mundial pela UNESCO.

A própria cidade, também Património Mundial, está instalada numa montanha, e as ruas, inclinadas, a subir e a descer até à praça principal, são feitas de pedras, que, dizem os guias, ainda são as mesmas que serviram de lastro aos navios que vinham a Trinidad abastecer-se de açúcar.

As antigas casas das famílias que controlavam a indústria do açúcar no vizinho Vale dos Engenhos compõem o cenário colonial, com os seus tons quentes de azul, amarelo e vermelho.

Em redor da praça principal, a tranquila Plaza Mayor, enfeitada de palmeiras e de peças de cerâmica, encontram-se bons exemplos dessas habitações.

Uma delas é o antigo Palácio Brunet, actuamente Museu Romântico, recheado com mobília, pratos, talheres, obras de arte e adornos de todo tipo recolhidos de antigas casas do centro histórico da Trinidad.

Outro exemplo é Palácio da família Iznaga, também junto à praça, que é actualmente o Museu de Arquitectura Trinitaria, centrado em demonstrar a arquitectura doméstica dos séculos XVIII e XIX.

Há ainda o Museu Histórico Municipal instalado na antiga mansão da família Borrell e, posteriormente, da família Cantero, onde também é possível ver decorações e mobílias do século XIX e ainda subir à torre para ter outra perspectiva do centro histórico da cidade.

Junto à Plaza Mayor, encontra-se a escadaria da Casa da Música, repleta de gente dia e noite, uns em busca da internet wi-fi, outros à espera de lugar à mesa para assistir aos concertos.

A Casa da Música e os diversos bares e restaurantes nas proximidades podem ser o arranque de uma noite animada, mas para prolongar além das 2h a alternativa é a Disco Ayala, uma discoteca no interior de uma gruta.

Para alojamento no centro de Trinidad, o Iberostar Grand Hotel é uma das opções de charme, um pequeno hotel luxuoso, nascido a partir da renovação de um edifício do século XIX.

A três quilómetros da cidade, existe uma opção mais rústica, a Finca Ma Dolores, com bungalows de madeira e uma piscina para descontrair.

Uma viagem de carro até Trinidad leva cerca de quatro horas partindo de Havana ou de Varadero, enquanto de Cayo Coco a viagem é de aproximadamente três horas e meia.

Junto a Trinidad, a apenas uma hora e meia de carro, encontra-se a cidade de Cienfuegos, uma cidade elegante e moderna com construções de influência francesa, declarada Património Mundial pela UNESCO.

 

O PressTUR visitou Cuba a convite do Ministério de Turismo de Cuba


Continua:

Trinidad: serra e praia

Cienfuegos: um toque francês em Cuba

Varadero: paraíso do sol e mar

Descobrir em Havana a singularidade de Cuba

Havana: quatro praças emblemáticas

Vales e penhascos na tranquilidade de Viñales

Remedios: uma cidade colonial para descontrair

Cayo Santa Maria para relaxar e mergulhar

Reviver a história de Che Guevara em Santa Clara

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Havana começa a desconfinar e Cayos podem abrir ao turismo internacional na sexta-feira

02-07-2020 (09h31)

Havana vai iniciar a primeira fase do programa de desconfinamento esta sexta-feira, dia 3, enquanto as restantes províncias, excepto Matanzas, passam à segunda etapa, que significa que os Cayos podem reabrir ao turismo internacional, “dependendo da procura”.

República Dominicana reabre hoje ao turismo com “fortes medidas sanitárias”

01-07-2020 (16h52)

O Turismo da República Dominicana anunciou que o país reabriu hoje ao turismo internacional, tendo implementado “fortes medidas sanitárias” nos aeroportos, que são a principal porta de entrada dos turistas.

República Dominicana está pronta para receber turistas a partir de 1 de Julho

16-06-2020 (18h43)

“A indústria do turismo dominicano está pronta para começar a receber turistas a partir de 1 de Julho”, anunciou o ministro do Turismo, Francisco Javier García.

Cayos serão os primeiros destinos em Cuba a abrir ao turismo internacional

15-06-2020 (13h43)

O Conselho de Ministros cubano aprovou uma estratégia de desconfinamento que prevê que os Cayos do Norte e do Sul do país serão os primeiros destinos a abrir ao turismo internacional.

Jolidey já vende Caraíbas e Ilhas Espanholas para viagens a partir de Julho

05-06-2020 (12h23)

O operador turístico Jolidey anunciou ao mercado que vai retomar no dia 15 de Julho as suas operações para Cancún, Punta Cana, Varadero, Maiorca, Menorca e Tenerife.

Opinião e Análise