Bienal de Arte de Riga reinventa-se online e começa a 21 de Maio

14-05-2020 (12h31)

Foto: www.rigabiennial.com - Curatorial Team
Foto: www.rigabiennial.com - Curatorial Team

A Bienal Internacional de Arte de Riga - RIBOCA2, na Letónia, que deveria começar no próximo Sábado, 16 de Maio, vai decorrer online a partir de dia 21, com conversas e um filme com a exposição inacabada como cenário.

Sob o tema dos futuros alternativos, o certame iria durar cinco meses, até 11 de Outubro, mas devido à pandemia da covid-19, a organização viu-se forçada a cancelar a programação prevista e "reimaginar-se", de acordo com informação no seu website.

"À luz da corrente situação de pandemia, o projecto vai transformar-se numa longa-metragem, e a exposição inacabada será o cenário, com uma série de conversas" sobre a bienal "and suddenly it all blossoms" ("e de repente tudo floresce", em tradução livre).

No website do certame - que este ano tem a curadoria geral a cargo da escritora e curadora francesa Rebecca Lamarche-Vadel, e a curadora e investigadora portuguesa Sofia Lemos na organização - é sublinhado que "o fim de um mundo não significa o fim do mundo".

"Mas as presentes circunstâncias vão ter um impacto dramático no projecto e a urgência da sua reinvenção. O plano original, composto por 85% de novos projectos comissionados, não poderá ser concretizado como previsto, já que muitas partes do mundo pararam abruptamente, e com elas os transportes e infraestruturas produtivas", justifica.

O sociólogo e ensaísta português Boaventura de Sousa Santos era um dos convidados a participar na bienal, que iria reunir 60 artistas e pensadores de 20 países, entre eles também os filósofos Emanuele Coccia e Vinciane Despret, a historiadora Lorraine Daston e a antropóloga Anna Lowenhaupt Tsing.

O evento, anunciado em Janeiro, contava com um programa de conferências, oficinas e performances imaginados em colaboração com a curadora e investigadora Sofia Lemos, no programa público do evento.

O objectivo divulgado anteriormente pela organização era reunir pessoas que espelhassem as perspectivas dos seus países, mas também globais sobre o futuro da Humanidade, que "está numa encruzilhada e clama por uma nova época".

"Procurando alternativas a narrativas sem esperança sobre o fim do mundo, os participantes vão reimaginar formas de ser-se humano num contexto de profunda mutação social, económica e ecológica", indicava um texto sobre o evento cultural.

Mais de metade dos artistas convidados eram provenientes da região dos Balcãs e incluem a Dinamarca, a Estónia, a Finlândia, Alemanha, Lituânia, Polónia, Rússia, que vão estar em diálogo outros, provenientes de países como a Argentina, Áustria, Bélgica, França, Grécia, México, Noruega, Estados Unidos e Reino Unido.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Europa

Clique para ver mais: Feiras & Eventos

Clique para ver mais: Actividades

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Hotéis e restaurantes reabrem na República Checa

25-05-2020 (14h31)

A República Checa entrou hoje na última fase de redução das restrições à vida económica e social impostas por causa do novo coronavírus, o que significa a reabertura de piscinas e todos os hotéis e restaurantes.

Barcos que ligam Grécia continental às ilhas voltam a transportar passageiros

25-05-2020 (14h24)

Os ferryboats que ligam a Grécia Continental às ilhas gregas voltaram hoje a transportar passageiros, uma actividade que estava suspensa desde Março devido à pandemia de covid-19.

Celebrações dos 250 anos de Beethoven decorrem online e até 2021

19-05-2020 (14h51)

As celebrações dos 250 anos do compositor alemão Ludwig van Beethoven vão decorrer até Setembro de 2021 e com muita programação online gratuita.

Islândia vai testar viajantes à chegada

13-05-2020 (13h42)

A Islândia anunciou hoje que vai testar viajantes que cheguem a partir de 15 de Junho próximo ao seu único aeroporto internacional, em Keflavik, um teste ao novo coronavírus.

Museus da Alemanha estão disponíveis para visitas digitais

13-04-2020 (17h23)

Diferentes museus da Alemanha estão a promover visitas online para dar a conhecer as suas colecções, e ainda a oportunidade de fazer visitas guiadas no Instagram e cursos de arte gratuitos.

Opinião e Análise