Viajar Tours programa charters para Saïdia pela 11ª temporada

18-02-2021 (17h59)

Foto: Visit Morocco
Foto: Visit Morocco

O operador turístico Viajar Tours avança este ano para a sua 11ª temporada de operações charter para Saïdia, um destino que programa todos os Verões desde 2010 e que apenas interrompeu no ano passado, devido à pandemia de covid-19.

“Ao longo destes 11 anos, o Viajar Tours já levou mais de 70.000 portugueses até Saïdia”, frisa Nuno Anjos, director Comercial do Viajar Tours, em declaração citada em comunicado do operador.

Novidade este ano é que a operação do Viajar Tours para esta estância balnear na costa mediterrânica de Marrocos está integrada numa parceria com os operadores Abreu, Solférias e Soltrópico (clique para ler: Operadores portugueses voltam a programar charters para o Verão em Saïdia).

No último Verão antes da pandemia, em 2019, os operadores portugueses chegaram a operar seis voos charter por semana para Saïdia, dois deles contratados pelo operador Viajar Tours e quatro contratados em conjunto pelos operadores Solférias, Soltrópico e Abreu.

Este ano, além da concentração das operações em apenas duas partidas semanais, uma de Lisboa e uma do Porto, os voos arrancam um mês mais tarde que em 2019, devido ao adiamento do início das férias escolares.

Os voos foram contratados à SATA Azores Airlines para partirem de Lisboa e do Porto aos Sábados, entre 3 de Julho e 11 de Setembro, em avião A320 de 165 lugares.

No comunicado, o Viajar Tours destaca que a oferta hoteleira de Saïdia inclui resorts de redes hoteleiras internacionais como a Iberostar, Be Live, Meliá e Oásis Atlântico.

O crescimento da procura por Saïdia em Portugal deve-se “ao trabalho dos hoteleiros, operadores e do Turismo de Marrocos, através do seu delegado em Portugal, Abdellatif Achachi”, acrescenta Nuno Anjos.

Os programas do Viajar Tours para o Verão em Saïdia estão no mercado a partir de 638 euros por pessoa em quarto duplo, com voos, taxas, transferes, sete noites de alojamento em regime de tudo incluído (TI) e seguro de viagem.

As ofertas do operador integram uma campanha de vendas antecipadas até 31 de Março, que “permite o cancelamento sem gastos da reserva até 30 dias antes da viagem”.

Para saber mais sobre Saïdia clique:

Saïdia do mar à montanha, passando pelo golfe e pela natureza

 

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: Viajar Tours

Clique para ver mais: Promoções

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

NCL tem “Portugal no radar como mercado emissor e como destino”

23-02-2021 (19h29)

A Norwegian Cruise Line (NCL), que antes da pandemia de covid-19 estava a investir em Portugal como destino e mercado emissor para os seus cruzeiros, vai continuar a investir no seu crescimento no país, anunciaram hoje os directores da companhia Kevin Bubolz e Jürgen Stille numa conferência de imprensa online.

Agências de viagens e operadores já têm linha de cem milhões para reembolsarem clientes

23-02-2021 (18h45)

O Ministério da Economia anunciou que desde hoje as agências de viagens e operadores turísticos já dispõem de uma linha de crédito para poderem reembolsar clientes que, devido aos impactos da covid-19, ficaram sem as viagens que pagaram.

ECTAA quer acção das instituições europeias para travar atrasos nos reembolsos de viagens

23-02-2021 (18h24)

A ECTAA, organização que junta as associações de agências de viagens e operadores turísticos da Europa, quer que as instituições europeias actuem no sentido de obrigar as companhias de aviação a reembolsarem pelos voos não realizados pelos impactos da pandemia de covid-19.

Bestravel aposta na formação online durante a pandemia

23-02-2021 (17h41)

A rede de agências de viagens Bestravel realizou mais de 30 webinares, com 1.500 formandos, durante a pandemia, desde o início das BestTalks em Maio de 2020.

NCL cria plataforma para agentes de viagens que permitirá “regressar em força” às vendas

23-02-2021 (17h33)

A Norwegian Cruise Line (NCL) aproveitou a suspensão das operações para investir numa plataforma que permitirá aos agentes de viagens "vender melhor os nossos cruzeiros" e, assim, "regressar em força", anunciaram hoje os directores da companhia Kevin Bubolz e Jürgen Stille numa conferência de imprensa online.

Opinião e Análise