Aeroporto de Lisboa afinal ainda está dentro da capacidade máxima... mas só por este ano

26-11-2018 (11h51)

Foto: APAVT
Foto: APAVT

O Aeroporto de Lisboa deverá concluir o ano a um milhão de passageiros de atingir a sua capacidade máxima, de acordo com dados avançados pelo administrador da ANA, Francisco Pita, no Congresso da APAVT.

“Temos um aeroporto esgotado, mas que não está em colapso. Estamos a colocar no mercado a oferta que temos. Estamos perto da nossa oferta máxima”, começou por dizer Francisco Pita, questionado pelo presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira.

O executivo frisou que o Aeroporto Humberto Delgado ainda está a operar “dentro da capacidade”, o que aliás explicará porque apesar de todas as queixas de que está lotado, se mantém um dos aeroportos europeus com maiores aumentos de passageiros (para ler mais clique: Lisboa teve até Setembro o 7º maior aumento de passageiros dos aeroportos europeus / Lisboa voltou a alcançar o Top5 de crescimento dos maiores aeroportos europeus em Setembro, ACI).

O administrador e chief commercial officer da empresa gestora dos aeroportos avançou no Congresso da APAVT que 30 milhões de passageiros “é aquilo que se pode considerar a capacidade máxima da Portela”.

Simultaneamente, Francisco Pita apontou também a previsão de o Aeroporto Humberto Delgado concluir este ano “com 29 milhões de passageiros”.

Nesse caso, o Aeroporto da capital portuguesa ficará a um milhão de passageiros do limite, mas dados da ANA a que o PressTUR teve acesso mostram que essa é uma previsão ‘por baixo’.

No final de Outubro, o Aeroporto de Lisboa estava com 24,87 milhões de passageiros e com um aumento médio anual em 10,9%.

Ainda que esse crescimento abrande para os 10%, no final do ano o Aeroporto Humberto Delgado terá ultrapassado a marca dos 29 milhões de passageiros por algumas centenas de milhar, situando-se em aproximadamente 29,3 milhões, ou seja, a apenas 700 mil do limite indicado por Francisco Pita.

Fontes da aviação contactadas pelo PressTUR realçaram que o impacto mais negativo não será de se atingir o limite, mas de todas as companhias de aviação olharem para Lisboa como um aeroporto que não lhes oferece perspectivas de crescimento futuro e tirarem daí as devidas ilações.

 

Ver também:

Taxas em Lisboa ainda estão 11% abaixo do que o contrato de concessão permite – ANA Aeroportos

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Aeroporto de Lisboa

Clique para ver mais: ANA Aeroportos

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Foram multadas 13 companhias aéreas no segundo dia de restrições

03-12-2021 (17h33)

No segundo dia da obrigatoriedade de desembarcarem em Portugal continental apenas passageiros com teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação, 13 companhias aéreas e 59 passageiros foram multados nos aeroportos portugueses.

Apoio à TAP “deve ser visto como um investimento” – ministro da Economia

03-12-2021 (12h24)

O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, afirmou hoje que o apoio estatal à TAP "deve ser visto como um investimento que todos estamos a fazer num activo que é estratégico para o país", naquela que considera ser uma "das empresas mais críticas para o nosso futuro colectivo".

ANA alerta para urgência de decidir sobre o aeroporto de Lisboa, por estar a recuperar níveis de 2019

02-12-2021 (17h20)

O Chief Commercial Officer da ANA Aeroportos, Francisco Pita, alertou hoje para a urgência de aumentar a capacidade aeroportuária da região de Lisboa, indicando que os movimentos de aeronaves na Portela atingiram “em muitos dias de Novembro” números idênticos a 2019.

Portugal já multou 152 passageiros e dez companhias aéreas por incumprimento das novas regras covid-19

02-12-2021 (17h14)

A PSP e o SEF registaram na quarta-feira 152 contraordenações de pessoas que desembarcaram nos aeroportos portugueses sem teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação, revelou hoje à Lusa o Ministério da Administração Interna (MAI).

United Airlines anuncia novas datas para a rota Ponta Delgada-Nova Iorque

02-12-2021 (16h31)

A companhia aérea norte-americana United Airlines vai voar entre Ponta Delgada e Nova Iorque, a partir de 14 Maio de 2022, e vai retomar as ligações entre Porto e Nova Iorque e entre Lisboa e Washington D.C. no dia 27 de Março.

Opinião e Análise