Aeroporto de Paris Beauvais também encerra a partir da próxima semana

26-03-2020 (17h00)

A gestora dos aeroportos de Paris informou que, além do aeroporto de Paris Orly, também vai encerrar temporariamente na terça-feira o aeroporto de Paris Beauvais-Tillé.

A decisão decorre da propagação da pandemia da covid-19 que provocou “um colapso significativo” ao nível do tráfego aéreo em Paris, segundo o diretor-geral da Aéroports de Paris (ADP), Edward Arkwright, citado pela agência France-Presse.

Edward Arkwright realçou que houve uma redução de 92% do tráfego aéreo no aeroporto de Paris-Orly, na quarta-feira, e de 89% no de Paris-Charles de Gaulle e que a empresa previa “chegar ao baixo nível de 10% de actividade”.

Orly, o segundo maior aeroporto de Paris, vai encerrar a partir das 00h00 de 31 de Março e os poucos voos que estavam previstos serão direccionados para o principal aeroporto da capital de França, o Charles de Gaulle.

O aeroporto de Paris-Orly vai permanecer em funcionamento para eventuais desvios de emergência de aviões, voos oficiais, ou manutenção de aeronaves.

O director-geral da ADP acrescentou que a torre de controlo deste aeroporto também vai continuar em funcionamento para supervisionar este tráfego aéreo residual.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Europa

Clique para ver mais: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Vendas de voos das agências de viagens portuguesas caem 324 milhões de euros no 1º semestre

16-07-2020 (17h13)

A agências de viagens portuguesas participantes no BSP registaram uma quebra das vendas de voos no primeiro semestre que ascende a 324 milhões de euros, para o mínimo histórico neste período do ano de 172,8 milhões.

Vendas de voos pelas agências de viagens portuguesas recuperam muito timidamente

16-07-2020 (16h55)

As agências de viagens portugueses que integram o BSP da IATA alcançaram em Junho 6,18 milhões de euros de vendas de voos regulares, quase dez vezes o montante de Abril e mais de duas vezes o de Maio, mas ainda 92,1% abaixo de Junho de 2019.

Governo aprova compra de participação de Neeleman na TAP por 55 milhões de euros

16-07-2020 (16h22)

O Governo aprovou hoje em Conselho de Ministros o decreto-lei que autoriza o Estado a adquirir por 55 milhões de euros as participações sociais, os direitos económicos e as prestações acessórias da TAP SGPS detidos por David Neeleman.

Lufthansa prepara lançamento de nova marca para voos turísticos

16-07-2020 (15h23)

O Grupo Lufthansa criou uma nova divisão chamada Ocean para voos para destinos turísticos e para reduzir a complexidade da estrutura do grupo neste segmento, uma ideia que já foi defendida em relação à Eurowings, entretanto descontinuada.

Plano de reestruturação da SAA implica despedimentos e criação de nova empresa

16-07-2020 (13h36)

Os credores da falida companhia aérea sul-africana SAA aprovaram um plano de reestruturação, que resultará em cortes de empregos e na criação de uma nova empresa a partir das ruínas da empresa, anunciou o Ministério das Empresas Públicas.

Opinião e Análise