Aeroportos espanhóis já somam mais de cem milhões de passageiros

12-06-2019 (15h13)

Foto: Nils Nedel / Unsplash
Foto: Nils Nedel / Unsplash

Os aeroportos espanhóis estavam no fim de Maio com um aumento de 5,3 milhões de passageiros (+5,6%), com o qual ultrapassaram os cem milhões, atingindo um total de 100,64 milhões, de acordo com os dados divulgados pela empresa gestora, a AENA.

O Aeroporto Adolfo Suarez da capital, maior aeroporto da rede da AENA, com 23,7 milhões de passageiros no fim de Maio, é o que mais contribui para esse aumento, ao somar mais 1,32 milhões que nos primeiros cinco meses de 2018, seguindo o Aeroporto de Barcelona EL Prat, com mais 996,3 mil (+5,3%), com os quais atinge um total de 19,7 milhões.

Palma de Maiorca mantém-se o terceiro maior aeroporto, com 8,73 milhões de passageiros, e é também o que tem o terceiro maior aumento, com mais 623,4 mil que há um ano (+7,7%), seguido por Málaga, com um aumento de 432,6 mil (+6,4%) e um total nos primeiros cinco meses de 7,16 milhões.

Gran Canária, para onde a TAP começou a voar em 2017, é o 5º maior, com 5,64 milhões de passageiros no fim de Maio, mas é também o único no Top10 dos aeroportos espanhóis a ter queda de passageiros nos primeiros cinco meses, em 0,3% ou 17,8 mil.

Seguem-se Alicante, com 5,3 milhões de passageiros e o 5º maior aumento dos primeiros cinco meses, com mais 401,8 mil (+8,2%) que no período homólogo de 2018, e Tenerife Sul, com 4,8 milhões, mais 213,7 mil (+4,6%) que no ano passado.

Valência tem o 8º maior total de passageiros em aeroportos espanhóis até ao fim de Maio, com 3,23 milhões, e o 7º maior aumento do período, com mais 353,6 mil (+12,3%), e a seguir a Valência, com o 9º maior total dos primeiros cinco meses mas o 4º maior aumento homólogo, está Sevilha, respectivamente com 3,05 milhões e uma subida de 529,7 mil (+21%).

O Top10 dos aeroportos espanhóis em número de passageiros nos primeiros cinco meses deste ano encerra com Lanzarote, que tem um total de 2,98 milhões, +2% ou mais 58,6 mil que há um ano.

A informação divulgada pela AENA sobre o tráfego nos aeroportos espanhóis sob sua gestão indica que no mês de Maio tiveram um total de 24,6 milhões, com um aumento em 3,4% ou 819,5 mil.

Esse abrandamento relativamente ao aumento médio dos primeiros cinco meses foi a tendência dominante nos principais aeroportos, com a principal excepções a ser Madrid, que teve um aumento em 5,2% ou 258,4 mil, para 5,2 milhões.

Já em Barcelona o aumento foi em 2,9% (mais cerca de 132 mil), para 4,68 milhões, e em Palma de Maiorca foi em 0,9% (mais 29,9 mil), para 3,18 milhões.

Acima do aumento médio no mês estiveram, além de Madrid, os aeroportos de Málaga, com aumento em 4,1% (mais 77,5 mil, para 1,91 milhões), Alicante, com +7,2% (mais 94,3 mil, para 1,4 milhões), Tenerife Sul, com +5,2% (mais 39,3 mil), para 794,6 mil, Valência, com +9,6% (mais 65,2 mil, para 747 mil), e sobretudo Sevilha, com +19,6% (mais 112,1 mil), para 685 mil.

A informação da AENA especifica que do total de 24,626 milhões de passageiros no mês de Maio, 24,559 milhões eram de voos comerciais, 17,228 milhões dos quais internacionais, que tiveram assim um aumento médio em 2,7%, e 7,331 milhões de voos domésticos, em alta de 5,3%.

 

Clique para mais notícias: Aeroportos espanhóis

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Espanha

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

‘Família’ Pedrosa sai da Administração da TAP, mas grupo Barraqueiro mantém ‘representante’ (Actualiza)

01-10-2020 (12h41)

A TAP anunciou hoje a renúncia de Humberto Pedrosa e do seu filho David Pedrosa dos cargos que exerciam no grupo aéreo, nomeadamente de presidente da Administração e Vogal da Administração da companhia aérea TAP, SA, mas sem que o seu Grupo Barraqueiro deixe de estar representado.

Humberto e David Pedrosa renunciam aos cargos na administração na TAP

01-10-2020 (09h14)

Humberto e David Pedrosa apresentaram na quarta-feira a renúncia aos cargos de presidente e vogal, respectivamente, na TAP e nas demais sociedades do Grupo TAP onde exercem funções de administração.

Aer Lingus programa ter quatro voos por semana Dublin – Faro este Outubro

30-09-2020 (17h53)

A companhia de aviação irlandesa Aer Lingus, do IAG, tem programado fazer quatro voos por semana entre Dublin e Faro de 1 a 24 de Outubro, que são as últimas semanas do chamado Verão IATA.

TAP liga 25% mais cidades mesmo tendo só 30% da capacidade, diz o seu Chief Revenue & Network

30-09-2020 (17h46)

O Chief Revenue & Network da TAP, Arik De, comentou nas redes sociais que a companhia, embora tenha a sua capacidade reduzida a 30% do que tinha há um ano, liga 25% mais de cidades do que antes da pandemia, com uma redução de 92% no tempo médio de ligação.

South African Airways suspende todas as operações por dificuldades financeiras

30-09-2020 (14h40)

A companhia de aviação sul-africana South African Airways suspendeu todas as suas operações depois de ter falhado o plano de salvamento que envolvia um financiamento de 10 mil milhões de rands (507 milhões de euros).

Opinião e Análise