Air Europa vai passar a propor ligações com a Costa Rica, Nicarágua, El Salvador e Guatemala, via Panamá

17-04-2019 (15h56)

Foto: Air Europa
Foto: Air Europa

A Air Europa, companhia de aviação do grupo espanhol Globalia, que em Portugal tem voos de/para Lisboa e Porto, anunciou a inclusão da Costa Rica, Nicarágua, El Salvador e Guatemala na sua lista de destinos, via Cidade do Panamá, com a companhia Copa.

“A Air Europa fortalecerá a sua presença na América Central ao inaugurar em Junho a sua nova rota para o Panamá e, ao mesmo tempo, pôr à disposição dos seus passageiros a opção de voarem, em partilha de código com a Copa Airlines, para a Costa Rica, Nicarágua, El Salvador e Guatemala”, anuncia um comunicado do grupo espanhol.

A informação especifica que a “aliança” entre as suas companhias começará a 3 de Junho, com o início dos voos da Air Europa para a Cidade do Panamá, em Boeing 787 Dreamliner e realça que as conexões será “através do Hub das Américas, o centro de conexão com a maior rede aérea internacional da América Latina, que inclui 81 destinos em 33 países do Norte, Centro, Sul da América e Caraíbas”.

A ‘aliança’, que envolve a Copa, uma das companhias da Star Alliance, de que faz parte a TAP, enquanto a Air Europa é da rival SkyTeam, segundo o comunicado permitirá à espanhola propor os voos que diariamente ligam a Cidade do Panamá a San José da Costa Rica, a Manágua, a San Salvador e a Ciudade de Guatemala, com “conexão rápida e cómoda” no aeroporto do Panamá.

O comunicado realça que pelo seu lado a Air Europa proporcionará “excelente conectividade” a passageiros Copa de 23 destinos em Espanha e 15 em outros países da Europa, África e Médio Oriente.

O comunicado publica uma declaração do director Comercial da Air Europa, Imanol Pérez, na qual diz que o acordo com a Copa a Air Europa “afirma-se como a companhia de aviação de referência entre a Europa e a América”, um mercado em que tem voos próprios de Madrid para 20 cidade e proporciona ligações a outros 30 através de code-shares.

“Esta nova aliança com a Air Europa reforça a presença da nossa companhia em Espanha e também fortalece a nossa conectividade a nível nacional neste relevante país”, diz uma declaração do vice-presidente sénior Comercial e Planificação de Copa Airlines, Dennis Cary, também citada no comunicado.

A Cidade do Panamá foi um dos destinos que a TAP descontinuou em finais de Março de 2016, tal como Bogotá, hubs de duas companhias que tinham entrado recentemente para a Star Alliance, a Copa e a Avianca, para os quais tinha começado a voar em 2014 (para ler mais clique: TAP ‘estende as asas’ à América ‘espanhola’ e acrescenta seis destinos europeus).

 

 

Clique para mais notícias: Air Europa

Clique para mais notícias: Copa

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Pandemia de covid-19 provoca prejuízo de 6.078 milhões até Setembro ao grupo Air France/KLM

30-10-2020 (12h07)

O grupo Air France KLM, terceiro maior da Europa, englobando além dessas duas companhias também a Transavia, informou hoje que nos nove meses de Janeiro a Setembro deste ano soma um prejuízo de 6.078 milhões de euros, com quebra das receitas em 58,8%, principalmente das receitas de tráfego regular, que caíram 59,7%.

Ryanair vai voar Lisboa – Colónia no próximo Verão

29-10-2020 (11h59)

A Ryanair anunciou ao mercado que vai voar entre Lisboa e Colónia duas vezes por semana a partir de 28 de Março de 2021.

Quebra em Agosto menor que em Londres dá liderança dos aeroportos europeus a Paris CDG

28-10-2020 (16h32)

O Aeroporto de Paris Charles de Gaulle no final de Agosto era o aeroporto europeu com mais passageiros este ano, de acordo com dados do ACI Europe, que lhe atribui um total de 17,92 milhões de passageiros, mais 202,6 mil que Londres Heathrow, tradicionalmente o nº 1 europeu, mas que em Agosto teve menos 721,9 mil passageiros que o principal aeroporto da capital francesa.

Moscovo teve em Agosto os dois aeroportos europeus com mais passageiros

28-10-2020 (15h51)

Os dois aeroportos da capital russa, Moscow Domodedovo e Sheremetyevo, foram os aeroportos europeus com mais passageiros no mês de Agosto, destronando os ‘gigantes’ Londres Heathrow, Paris Charles de Gaulle, Frankfurt, Amesterdão Schiphol e Istambul, de acordo com os dados publicados pelo Airports Council Internacional (ACI) Europe.

200 aeroportos europeus estão em risco de falência pelo impacto da pandemia de covid-19

28-10-2020 (13h09)

O ACI Europe, que calculou recentemente que os aeroportos europeus perderam 1,273 milhões de passageiros até 27 de Setembro, avisou que a crise colocou em risco de insolvência nos próximos meses 193 aeroportos do continente.

Opinião e Análise