Associação Zero pondera avançar com providência cautelar perante viabilização do Montijo

31-10-2019 (15h25)

A associação ambientalista Zero anunciou que pondera avançar com uma providência cautelar perante a decisão “favorável condicionada” da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) que viabiliza o aeroporto do Montijo.

A posição da Zero – Associação Sistema Terrestre Sustentável consta de um comunicado divulgado na noite de quarta-feira, após a APA ter emitido a proposta de Declaração de Impacte Ambiental (DIA) relativa ao aeroporto do Montijo e respectivas acessibilidades, com decisão “favorável condicionada” (clique para ler: Agência do Ambiente aprova aeroporto do Montijo mas impõe medidas de 48 milhões de euros).

A Zero considera a decisão “expectável e já anunciada, num processo não conforme e com lacunas graves”, e lembra que tem uma acção judicial em curso, iniciada em Fevereiro de 2019, por considerar não ter sido realizada, antes da tomada de decisão, uma Avaliação Ambiental Estratégica.

A associação liderada por Francisco Ferreira “pondera agora, face à emissão da Declaração de Impacte Ambiental que permitirá à partida o avanço da obra, interpor uma providência cautelar”.

Além disso, irá "actualizar junto da Comissão Europeia a queixa formulada em Agosto de 2018 sobre esta matéria”.

“A Zero considera que o projecto que agora recebe um “parecer favorável condicionado” não tem a sua urgência demonstrada, nem é compatível com os objectivos de neutralidade carbónica que necessitamos de atingir a nível nacional e global”, lê-se no comunicado.

Para a associação ambientalista, os promotores do projecto “não podem alegar que a alternativa apresentada é a única que responde às necessidades aeroportuárias da região de Lisboa, sem apresentar projectos concretos que possam ser desenvolvidos durante a próxima década”.

(PressTUR com Agência Lusa)

Ver também:

Quercus favorável ao Montijo embora considere que "não é a solução ideal"

CTP diz que viabilização do aeroporto do Montijo é “boa notícia”

ANA vê com “surpresa e apreensão” medidas propostas pela Agência do Ambiente

Agência do Ambiente aprova aeroporto do Montijo mas impõe medidas de 48 milhões de euros

Clique para ver mais: Portugal

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Lufthansa permite alteração de viagens gratuitamente

01-07-2020 (17h38)

O grupo Lufthansa está a oferecer uma alteração de viagens gratuita para reservas efectuadas até 31 de Agosto para viagens até 30 de Abril de 2021.

Covid-19 já matou mais de 511 mil pessoas e infectou mais de 10,5 milhões no mundo

01-07-2020 (17h32)

A pandemia de covid-19 já matou 511.312 pessoas e infectou 10.509.550 em todo o mundo, segundo um balanço da agência de notícias francesa AFP, às 11h00 TMG de hoje, baseado em dados oficiais dos países.

Ryanair prevê mais de 4,5 milhões de passageiros este mês

01-07-2020 (17h23)

A low cost Ryanair, que tem voos para Lisboa, Porto, Faro, Ponta Delgada e Terceira, indicou hoje que em Julho prevê transportar mais de 4,5 milhões de passageiros, -68% que no mês homólogo de 2019, mas seis vezes mais do que transportou no mês de Maio.

Turkish Airlines retoma rota Istambul – Lisboa a 10 de Julho com quatro voos/semana

01-07-2020 (16h39)

A companhia de aviação turca Turkish Airlines, parceira da TAP na Star Alliance, já tem à venda voos entre Istambul e Lisboa a partir de 10 de Julho.

Grupo Lufthansa anuncia mais 200 aviões a voarem

01-07-2020 (16h21)

O Grupo Lufthansa, de que fazem parte a Lufthansa German Airlines, a Swiss, a Austrian, a Eurowings e a Brussels, anunciou que este mês vai ter mais 200 aviões a operarem que em Junho, mas que ainda assim só cobrirá 40% das operações de voos que tinha planeado antes da pandemia de covid-19.

Opinião e Análise