Azul reduz operação em 90% até 30 de Abril

25-03-2020 (11h16)

Foto: ANA Aeroportos
Foto: ANA Aeroportos

A companhia de aviação Azul, fundada e presidida por David Neeleman, também accionista de referência da TAP, anunciou uma redução da sua operação que atinge 90% até 30 de Abril.

“De 25 de Março a 30 de Abril de 2020, esperamos operar 70 voos directos por dia, para 25 cidades, o que representa uma redução de 90% da capacidade total em relação ao planeado”, sublinha a companhia aérea num comunicado.

A redução da oferta resultada das “medidas de contenção e quarentena” implementadas e que estão a limitar “significativamente a mobilidade de nossos clientes, tripulantes e parceiros, o que torna inviável a operação de várias rotas”.

A companhia anunciou que também está a reduzir “os custos e despesas com folha de pagamento em aproximadamente 65% em Abril”.

O número de tripulantes que aderiram ao programa de licença sem vencimento já supera 7.500 solicitações, o que corresponde a mais de metade do total da força de trabalho da empresa. Acresce que os salários dos membros do comité executivo foram reduzidos em 50%, enquanto os gerentes tiveram uma redução de 25%.

A companhia também está a reforçar a gestão activa de todas as despesas de capital de giro, eliminar todos os gastos de capital não críticos, negociação de novas condições de pagamento com seus parceiros e avaliação de uma nova linha de crédito com instituições financeiras.

Citado no comunicado, o CEO da companhia, John Rodgerson, afirma que a empresa está a adoptar “medidas imediatas para reduzir nossos custos, e preservar nossa posição de caixa”.

“Entramos nesta crise como uma das companhias aéreas mais rentáveis da região, e estou confiante de que sairemos mais fortes”, acrescentou o executivo.

 

Clique para ver mais: Azul

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

United Airlines pode vir a despedir mais de um terço dos seus funcionários

09-07-2020 (11h48)

A companhia aérea norte-americana United Airlines, duramente atingida pela crise devido à pandemia de covid-19, advertiu hoje que pode dispensar até 36 mil dos seus 95.200 funcionários em Outubro.

Tráfego aéreo gerido pela NAV Portugal cai mais de 50% no 1º semestre

09-07-2020 (11h02)

A NAV Portugal geriu 179.542 voos no primeiro semestre, uma quebra de 54% ou 213,5 mil voos face ao período homólogo do ano passado, devido ao impacto das medidas de contenção da pandemia de covid-19.

TAP e TAAG anunciam dez voos Luanda-Lisboa em Julho

08-07-2020 (18h04)

As companhias aéreas portuguesa TAP e angolana TAAG vão realizar dez voos em Julho para ligar a capital de Angola, Luanda, que continua sob cerca sanitária devido à covid-19, a Portugal.

Finnair relata quebra de tráfego em 96% em Junho, com Ásia a zeros

08-07-2020 (16h55)

Sem tráfego de/para a Ásia, sua principal aposta, a companhia de aviação finlandesa Finnair indicou ter duplicado em Junho o número de passageiros transportados em Maio, mas ficar ainda assim 96% abaixo do mês homólogo de 2019.

easyJet Holidays retoma operações em Agosto

08-07-2020 (15h43)

O operador turístico da companhia de aviação easyJet, o easyJet Holidays, anunciou que vai retomar as suas operações no dia 1 de Agosto, para destinos como Espanha, Grécia e Turquia.

Opinião e Análise