Cinco aeroportos portugueses superaram recordes anuais em 11 meses de 2019

07-01-2020 (17h36)

Os aeroportos do Porto, Faro, Ponta Delgada, Horta e Flores ultrapassaram em Novembro de 2019 os totais de passageiros do ano de 2018, sendo decisivos para que o conjunto dos aeroportos portugueses geridos pela ANA/Vinci tenha ficado a escassos 109 mil passageiros de superar o recorde do ano de 2018.

Dados de tráfego nos dez aeroportos portugueses concessionados à multinacional francesa indica que tiveram 55,2 milhões de passageiros nos meses de Janeiro a Novembro de 2019, que significam um aumento em 6,8% ou 3,49 milhões em relação ao período homólogo de 2018.

O maior aumento é o que se verifica no Aeroporto de Lisboa, em 1,92 milhões de passageiros, mas sem que ultrapasse o total do ano de 2018, como já aconteceu no Porto, por 216,8 mil passageiros, em Faro, por 29,2 mil, em Ponta Delgada, por 8,5 mil, na Horta, por 1,7 mil, e nas Flores, por dois mil.

Os dados a que o PressTUR teve acesso indicam que no fim de Novembro o Aeroporto do Porto contabilizava 12,15 milhões de passageiros, +10% ou mais 1,1 milhões que no período homólogo de 2018, bem como mais 216,8 mil que em todo esse ano.

Faro, por sua vez, tinha 8,71 milhões de passageiros, +3,7% ou mais 308 mil que nos primeiros onze meses de 2018, bem como mais 29,2 mil que nesse ano completo.

O Aeroporto de Ponta Delgada estava no fim de Novembro com 1,91 milhões de passageiros, +6,7% ou mais 120,6 mil que no período homólogo de 2018, bem como mais 8,5 mil que no total do ano de 2018.

Situação idêntica ocorre com os aeroportos açorianos da Horta e das Flores, o primeiro com 248,7 mil passageiros de Janeiro a Novembro de 2019, +6,2% ou mais 14,5 mil que no período homólogo de 2018, bem como mais 1,7 mil que no total desse ano, e o segundo com 71 mil passageiros, a crescer 7% ou 4,6 mil e a ultrapassar o total de 2018 por dois mil.

Os dados a que o PressTUR teve acesso mostram que Lisboa, repetidamente dado por ‘esgotado', teve nos primeiros onze meses de 2019 um total de 28,88 milhões de passageiros em 200,6 mil movimentos (aterragens e descolagens), com aumentos em 7,1% ou 1,92 milhões de passageiros e em 1,9% ou 3,7 mil movimentos.

Lisboa, no entanto, ainda ficou a 147,2 mil passageiros de ultrapassar p total do ano de 2018, ainda assim menos que o Funchal, que ficou a 204,5 mil.

O Aeroporto da Madeira, de acordo com os dados a que o PressTUR teve acesso, somou 2,97 milhões de passageiros nos primeiros onze meses de 2019, +0,8% ou mais 22,7 mil que no período homólogo de 2018.

Para os aeroportos de Santa Maria e Porto Santo, os dados a que o PressTUR teve acesso indicam que somaram, respectivamente, 93,4 mil e 156,8 mil passageiros, o primeiro a crescer 2,4% ou 2,2 mil e o segundo a ter a única queda do período (excluindo Beja, que não tem peso significativo), em 1,9% ou quase três mil.

 

Clique para mais notícias: Aeroportos portugueses

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aeroporto de Lisboa atenuou em Setembro a quebra de passageiros pela pandemia para menos de 45%

22-10-2021 (16h36)

O Aeroporto de Lisboa somou nos primeiros nove meses deste ano 7,77 milhões de passageiros de voos comerciais, registando assim uma quebra média de 70,2% face ao período homólogo de 2019, pré-pandemia, mas no mês de Setembro essa quebra atenuou-se para 44,8%.

Comunidade luso-venezuelana pede a Caracas que autorize a TAP a fazer voos directos para Portugal

22-10-2021 (13h55)

A comunidade luso-venezuelana espera que o Governo venezuelano autorize proximamente a TAP a realizar voos directos entre Caracas e Lisboa, a exemplo do que já aconteceu com outras empresas aéreas e outros destinos, mas está apreensiva devido à proximidade do Natal.

China cancela centenas de voos domésticos após diagnosticar dezenas de casos

21-10-2021 (16h34)

A China cancelou hoje centenas de voos, encerrou escolas e intensificou os testes em algumas áreas, após ter descoberto surtos de covid-19 ligados a um grupo de turistas.

Ana Francisca Major eleita nova presidente do conselho de administração da TAAG

21-10-2021 (09h07)

Os accionistas da companhia aérea angolana TAAG elegeram hoje um novo conselho de administração presidido por Ana Francisca da Silva Major, um presidente da comissão executiva, quatro administradores executivos e um não executivo, anunciou o Governo.

Venezuela restringe voos internacionais por tempo indeterminado

20-10-2021 (15h25)

As autoridades venezuelanas prolongaram, por tempo indeterminado, as restrições às operações aéreas internacionais em vigor no país, devido à quarentena preventiva da covid-19.

Opinião e Análise