GOL anuncia saída da Delta do seu capital

11-12-2019 (19h09)

Foto: GOL
Foto: GOL

A companhia de aviação norte-americana Delta Air Lines já concretizou a saída do capital da brasileira GOL, ‘inevitável’ depois que subitamente apostou 1,9 mil milhões de dólares na rival LATAM.

Um comunicado divulgado hoje pela GOL diz que a Delta a informou ter alienado na Bolsa de São Paulo 32,9 milhões de acções preferenciais “que representavam mais que 5% do referido tipo de acções”.

O comunicado frisa que a Delta “não detém quaisquer outros valores mobiliários ou derivativos relacionados ou referenciados às acções da GOL” e que passou a ser “uma das acções mais líquidas da B3 Bolsa de Valores do Brasil”, com 47% dos títulos no mercado.

Este desfecho era esperado desde que em Setembro a Delta investiu na aquisição de uma participação de 20% do grupo LATAM (para ler mais clique: LATAM entra para a ‘esfera’ da Delta Air Lines, adversária da oneworld), no que foi o seu maior investimento desde que há uma década concretizou a fusão com a antiga Northwest.

A Delta tem-se mantido a companhia norte-americana com mais forte presença na Europa e o investimento no grupo LATAM perspectiva que vai disputar a liderança da American Airlines nas ligações com a América Latina.

 

Clique para mais notícias: GOL

Clique para mais notícias: Delta Air Lines

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: América

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Lufthansa programa ter este Agosto 60 voos por semana dos seus hubs para Portugal

03-08-2020 (13h17)

A companhia alemã Lufthansa, líder do maior grupo aéreo europeu, tem programado para este mês de Agosto fazer 60 voos por semana dos seus hubs de Frankfurte e Munique aeroportos portugueses.

ACI, A4E e IATA dizem que os governos prejudicam mais do que ajudam

31-07-2020 (17h15)

As associações comerciais representativas de aeroportos e companhias aéreas europeias ACI, A4E e IATA acusaram hoje os governos europeus de terem “uma abordagem inconsistente das restrições de viagem”.

Air Canada anuncia perdas de 1,1 mil milhões de euros no 2º trimestre

31-07-2020 (16h44)

A Air Canada anunciou hoje que perdeu mais de 1,7 mil milhões de dólares canadianos (1,1 mil milhões de euros) no segundo trimestre, devido aos "efeitos devastadores" da pandemia de covid-19.

Bruxelas aprova apoio alemão de 840 milhões para cobrir vouchers de viagens canceladas

31-07-2020 (12h09)

A Comissão Europeia deu hoje ‘luz verde’ a um apoio estatal da Alemanha de 840 milhões de euros para cobrir vouchers emitidos por operadores turísticos para compensar cancelamentos de viagens devido à covid-19, visando tornar esta numa opção mais “fiável”.

‘Delfim’ de Antonoaldo Neves escolhido para novo CEO da TAP

30-07-2020 (19h39)

Fonte oficial do Ministério das Infra-estruturas já confirmou à Lusa que Ramiro Sequeira, promovido a COO da TAP por Antonoaldo Neves, é a escolha do Governo para substituir o gestor brasileiro em CEO da companhia portuguesa.

Opinião e Análise