Governo de São Tomé quer “aliança formal” da STP Airways com companhia da Guiné Equatorial

14-06-2019 (14h13)

O Governo são-tomense, que indicou querer substituir a portuguesa euroAtlantic como parceira da STP Airways, revelou estar a trabalhar com a Guiné Equatorial na concretização de “uma aliança formal” entre as companhias de aviação dos dois países.

A posição consta de uma carta enviada pelo ministro das Obras Públicas, Recursos Naturais e Ambiente de São Tomé e Príncipe, Osvaldo Abreu, à Administração da euroAtlantic airways a que a agência Lusa teve acesso.

A euroAtlântic detém 40% do capital e a responsabilidade pela gestão da STP Airways, tendo igualmente um contrato de concessão do handling até 2020 e que o Governo quer separar do transporte aéreo.

O Estado de São Tomé e Príncipe tem uma participação de 35% da STP Airways.

Na missiva, que foi enviada depois de declarações públicas do ministro Osvaldo Abreu a anunciar a intenção de terminar o acordo com a euroAtlantic para gestão da STP Airways em Outubro, abrindo a porta a novos parceiros, é evocado o estabelecimento de parcerias com a Guiné Equatorial em vários sectores, incluindo nos transportes.

“Neste âmbito da cooperação bilateral Estado - Estado, os dois países estão a avançar para a materialização de vários acordos e negócios, entre eles o estabelecimento de uma aliança formal entre as companhias áreas dos respectivos estados arquipelágicos do Golfo da Guiné", diz.

Osvaldo Abreu aponta que a separação das actividades de transportadora aérea e de handling é “uma aspiração” do Governo que faz parte da “organização legal existente” e foi recomendada pelo Instituto Nacional de Aviação Civil (INAC) e por organizações internacionais.

Na carta, Osvaldo Abreu lamentou “a forma como o processo de cessação se iniciou”, mostrando-se convicto de que as partes “vão continuar a envidar os esforços necessários para que a cessação da operação ocorra nas melhores e mais sensatas condições possíveis” para preservar os interesses do Estado e da euroAtlantic.

O ministro anunciou ainda a nomeação de um conselheiro “independente e especializado” no sector da aviação civil “para acompanhar o período transitório da operação até à conclusão da transferência de gestão e das participações da euroAtlantic”.

“O accionista Estado conta apresentar esta proposta no decurso da próxima reunião da assembleia-geral de accionistas, marcada para 26 de Junho", acrescentou.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Para ler mais clique:

euroAtlantic admite sair da STP Airways, mas não empurrada, Tomaz Metello

Governo de São Tomé anuncia que STP Airways vai deixar de ter voos para Lisboa com a sua accionista euroAtlantic

 

Clique para ver mais: euroAtlantic

Clique para ver mais: STP Airways

Clique para ver mais: Aviação

Clique para mais notícias: África

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

easyJet destaca êxito dos voos para Faro

04-08-2020 (16h33)

A low cost britânica easyJet expressou hoje satisfação com os resultados dos seus voos para Faro, que aponta como exemplo de êxito, a par de Nice, França.

Quebra de passageiros na Ryanair este ano pela covid-19 já ultrapassa os 50 milhões

04-08-2020 (15h14)

A low cost Ryanair informou hoje que nos 12 meses terminados em Julho regista uma quebra de passageiros que já excede os 50 milhões, passando de 148,2 milhões de Agosto de 2018 a Julho de 2019 para 96,8 milhões de Agosto de 2019 a Julho de 2020.

Ryanair volta aos milhões de passageiros em Julho... mas menos 10,4 milhões que há um ano

04-08-2020 (14h44)

A low cost Ryanair transportou 4,4 milhões de passageiros em Julho, o primeiro mês em que repôs parte significativa da operação, atingindo, segundo anunciou, mil voos por dia, mas ainda assim sem evitar uma quebra que supera os dez milhões.

Zona de testagem no Aeroporto de Ponta Delgada vai ser reorganizada

04-08-2020 (13h48)

O Governo dos Açores vai reorganizar a zona de testes à Covid-19 no aeroporto João Paulo II, em Ponta Delgada, de modo a "agilizar" os procedimentos de testagem dos passageiros que desembarcam na ilha de São Miguel.

EuroAtlantic vai retomar voos regulares para a Guiné-Bissau a partir de sexta-feira

04-08-2020 (13h23)

A companhia aérea euroAtlantic Airways anunciou que vai retomar os voos regulares para a Guiné-Bissau a partir de sexta-feira, depois de as autoridades guineenses terem autorizado na semana passada a retoma dos voos regionais e internacionais.

Opinião e Análise