Itália vai reabrir aeroportos 3 de Junho

21-05-2020 (11h21)

A Itália vai reabrir todos os aeroportos a partir de 3 de Junho, dia em que também reabre as fronteiras, depois do encerramento provocado pela pandemia de covid-19.

A Itália, com 226.699 infecções confirmadas e 32.169 mortes até terça-feira, está em processo de aligeiramento de restrições devido à queda na curva epidemiológica registada nas últimas semanas.

(Veja também: Itália reabre fronteiras com União Europeia a 3 de Junho sem quarentena)

O encerramento de toda a actividade e confinamento no país foi decretado no dia 9 de Março. A 4 de Maio foi permitido o regresso ao trabalho de sectores como o da construção ou do fabrico, e a 18 de Maio a maioria dos negócios voltou à actividade.

O levantar de restrições vai continuar no dia 3 de Junho, quando vão ser permitidas viagens entre regiões e vão ser abertas as fronteiras a viajantes da União Europeia, que não vão ser obrigados a ficar em quarentena, uma medida que visa salvar a temporada turística de Verão. Os serviços de transporte público vão ter um novo aumento.

A companhia aérea italiana Alitalia adiantou que a partir de Junho vai retomar as ligações com Espanha, concretamente Madrid e Barcelona, com Nova Ioque e a ponte entre Milão, no norte, o epicentro da pandemia, e o Sul do país.

A crise do novo coronavírus afectou o transporte aéreo devido ao encerramento de fronteiras de muitos países com Itália e os aeroportos do país perderam 11,5 milhões de passageiros só no mês de março, segundo a Assaeroporti - Associação Italiana de Gestão Aeroportuária.

Esta associação estima que Itália receba 80 milhões de turistas até ao final do ano, menos 120 milhões do que o previsto inicialmente.

(PressTUR com Agência Lusa)

Clique para ver mais: Europa

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Quebra de passageiros nos aeroportos portugueses atenuou-se para 66,3% em Agosto

23-09-2020 (14h20)

Os aeroportos portugueses tiveram em Agosto, pela primeira vez desde Março, uma quebra de passageiro inferior a 70%, com uma única excepção, do Aeroporto de Lisboa, que teve um decréscimo em 72%.

Rota Porto-Dortmund da Ryanair vai passar a ter três frequências semanais

23-09-2020 (11h32)

A Ryanair vai aumentar o número de frequências da rota Porto-Dortmund, na Alemanha, para três vezes por semana, a partir de 30 de Outubro.

Quebra da venda de voos pelas agências de viagens IATA portuguesas sobe para 71,7% depois de Agosto

22-09-2020 (17h52)

As agências de viagens IATA portuguesas que em 2019 atingiram o montante recorde de 964 milhões de euros em vendas de voos regulares, no final de Agosto deste ano estão com uma quebra de 470 milhões ou 71,7%.

Restrições descoordenadas na UE estão a matar a aviação – Eurocontrol

22-09-2020 (17h28)

A Organização Europeia para a Segurança da Navegação Aérea (Eurocontrol) alertou hoje que as restrições descoordenadas na União Europeia (UE) “estão a matar” a aviação, dando como exemplo a quarentena imposta pelo Reino Unido às viagens de Portugal.

TAAG volta a não aceitar kwanzas para pagar viagens iniciadas fora de Angola

22-09-2020 (14h50)

A TAAG - Linhas Aéreas de Angola volta a não aceitar a divisa angolana, o kwanza, para pagamento de bilhetes de viagens que se iniciam fora de Angola.

Opinião e Análise