LAM espera transportar 12 a 14 mil passageiros entre Lisboa e Maputo no primeiro ano

08-10-2019 (11h27)

Foto: Nils Nedel / Unsplash
Foto: Nils Nedel / Unsplash

A LAM – Linhas Aéreas de Moçambique anunciou que vai voar entre Lisboa e Maputo a partir de Março, três vezes por semana, num A340-300 de 267 lugares da Hi Fly, esperando transportar 12 mil a 14 mil passageiros no primeiro ano.

A aeronave, propriedade da companhia aérea portuguesa Hi Fly, com a qual a LAM fez um acordo por um período experimental de seis meses, inclui 213 lugares em classe económica, 42 em económica premium e 12 em executiva.

Os voos serão operados às segundas, quartas e sextas-feiras no sentido Maputo – Lisboa e às terças, quintas-feiras e Sábados no sentido Lisboa para Maputo.

“Queremos transportar no primeiro ano entre 12 mil e 14 mil passageiros. Mas obviamente que temos de ajustar a nossa oferta ao que veremos a acontecer no mercado”, disse o director-geral da LAM, João Carlos Pó Jorge, à Lusa.

A base vai ser inicialmente “o mercado étnico entre Moçambique e Portugal, a diáspora moçambicana, que foi na verdade quem fez muita pressão para que este voo acontecesse. E compreende-se, porque estavam a voar para Maputo via outros destinos, e obviamente que o voo directo é melhor", afirmou o responsável da LAM.

Por outro lado, “queremos ir buscar aquele grupo de pessoas que está cá, que saiu de Moçambique há muitos anos, e que pensamos que vai começar a voltar para visitar” o país, acrescentou.

Há ainda o mercado "corporate a começar a intensificar-se muito, por causa dos projectos grandes do petróleo e do gás, em que a portuguesa Galp é uma das empresas presente, e também por causa de algumas indústrias de transformação”, concluiu João Carlos Pó Jorge.

(PressTUR com Agência Lusa)

Ver também:

LAM quer negociar um acordo de code-share com a TAP

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: LAM

Clique para ver mais: África

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Lufthansa permite alteração de viagens gratuitamente

01-07-2020 (17h38)

O grupo Lufthansa está a oferecer uma alteração de viagens gratuita para reservas efectuadas até 31 de Agosto para viagens até 30 de Abril de 2021.

Covid-19 já matou mais de 511 mil pessoas e infectou mais de 10,5 milhões no mundo

01-07-2020 (17h32)

A pandemia de covid-19 já matou 511.312 pessoas e infectou 10.509.550 em todo o mundo, segundo um balanço da agência de notícias francesa AFP, às 11h00 TMG de hoje, baseado em dados oficiais dos países.

Ryanair prevê mais de 4,5 milhões de passageiros este mês

01-07-2020 (17h23)

A low cost Ryanair, que tem voos para Lisboa, Porto, Faro, Ponta Delgada e Terceira, indicou hoje que em Julho prevê transportar mais de 4,5 milhões de passageiros, -68% que no mês homólogo de 2019, mas seis vezes mais do que transportou no mês de Maio.

Turkish Airlines retoma rota Istambul – Lisboa a 10 de Julho com quatro voos/semana

01-07-2020 (16h39)

A companhia de aviação turca Turkish Airlines, parceira da TAP na Star Alliance, já tem à venda voos entre Istambul e Lisboa a partir de 10 de Julho.

Grupo Lufthansa anuncia mais 200 aviões a voarem

01-07-2020 (16h21)

O Grupo Lufthansa, de que fazem parte a Lufthansa German Airlines, a Swiss, a Austrian, a Eurowings e a Brussels, anunciou que este mês vai ter mais 200 aviões a operarem que em Junho, mas que ainda assim só cobrirá 40% das operações de voos que tinha planeado antes da pandemia de covid-19.

Opinião e Análise