Lufthansa aceita novo acordo com a Comissão Europeia para receber financiamento

01-06-2020 (15h58)

Foto: Lufthansa
Foto: Lufthansa

A Lufthansa aceitou ceder até 24 slots diários nos aeroportos de Frankfurt e de Munique a outras companhias aéreas para receber um pacote de ajuda superior a nove mil milhões de euros.

O Conselho de Administração da Lufthansa anunciou em comunicado que “o alcance das condições exigidas na visão da Comissão da UE foi reduzido face às indicações iniciais”, já que a exigência inicial era a cedência de 72 slots utilizados por 12 de 300 aviões baseados nos dois aeroportos, (clique para ler: Plano de apoio à Lufthansa enfrenta ventos contrários).

A Lufthansa terá de transferir para a concorrência em cada um dos aeroportos de Frankfurt e Munique até 24 slots diários, o que corresponde a três slots de chegadas e partidas por avião, por dia, para quatro aeronaves.

“Por um ano e meio, esta opção estará disponível apenas para novos concorrentes nos aeroportos de Frankfurt e Munique. Se nenhum novo concorrente fizer uso dessa opção, ela será estendida aos concorrentes existentes nos respectivos aeroportos”, acrescenta a nota de imprensa.

A Lufthansa indicou que os slots serão alocados num processo de licitação e só poderão ser assumidas por um concorrente europeu que não tenha recebido recapitalização substancial do Estado como resultado da pandemia do novo coronavírus.

O comunicado divulgado este Sábado acrescenta que o Conselho de Supervisão deve aprovar o pacote de estabilização negociado com o Fundo de Estabilização Econômica (FSM) da República Federal da Alemanha, incluindo os compromissos com a Comissão Europeia.

Após a decisão do Conselho Fiscal, a empresa pretende convocar uma Assembleia Geral Extraordinária num futuro próximo para obter a aprovação dos accionistas para as medidas de estabilização.

 

Clique para ver mais: Lufthansa

Clique para ver mais: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Conselho de Ministros prolonga agonia da crise na TAP

02-07-2020 (19h22)

O Governo manteve hoje, após o Conselho de Ministros que tinha sido apontado ser a derradeira instância para uma solução sobre a TAP, o discurso do ou aceitam o acordo ou haverá nacionalização, que repete pelo menos desde ontem.

Bruxelas lança processo de infração a Portugal pelos ‘vouchers’ para reembolsos de clientes

02-07-2020 (13h19)

A Comissão Europeia decidiu hoje lançar processos de infração contra Portugal e outros nove Estados-membros por violação das leis comunitárias sobre direitos dos passageiros ao admitir vouchers para reembolsar clientes por viagens não efectuadas devido à pandemia de covid-19.

‘Corredores da TAP’ já dão como certa a solução saída de Neeleman

02-07-2020 (12h42)

“Está feito” o acordo” entre o Governo e David Neeleman para o empresário sair do capital da TAP, é o que já se comenta nos ‘corredores da TAP’, onde o futuro ex-accionista e a sua equipa não deixam saudades.

Lufthansa permite alteração de viagens gratuitamente

01-07-2020 (17h38)

O grupo Lufthansa está a oferecer uma alteração de viagens gratuita para reservas efectuadas até 31 de Agosto para viagens até 30 de Abril de 2021.

Covid-19 já matou mais de 511 mil pessoas e infectou mais de 10,5 milhões no mundo

01-07-2020 (17h32)

A pandemia de covid-19 já matou 511.312 pessoas e infectou 10.509.550 em todo o mundo, segundo um balanço da agência de notícias francesa AFP, às 11h00 TMG de hoje, baseado em dados oficiais dos países.

Opinião e Análise