NAV Portugal prevê quebras de tráfego aéreo de 85% a 95% em Abril

06-04-2020 (13h27)

A NAV Portugal anunciou que prevê quebras de tráfego aéreo “a rondar os 85% e 95%” em Abril, depois de na última semana de Março ter verificado um decréscimo de 85%.

A NAV Portugal gere voos com origem e destino em aeroportos portugueses e voos que sobrevoam o espaço aéreo português, que totaliza mais de 5,8 milhões de quilómetros quadrados.

Em Março, a NAV Portugal controlou 43,8 mil voos, o que significa uma quebra de 36% ou menos 24,3 mil voos que em Março de 2019, segundo um comunicado.

Na primeira metade do mês de Março, a NAV Portugal geriu perto de 31,8 mil voos, uma redução de apenas 2% face ao período homólogo de 2019.

Na segunda metade do mês a quebra do tráfego aéreo em Portugal já atingiu os 66%, ficando-se pelos 12 mil voos.

Ao analisar apenas a última semana de Março, a NAV indica que a quebra do número de voos atingiu os 85%.

A previsão da NAV Portugal é que “os valores registados na última semana de Março, ao que tudo indica, deverão manter-se ao longo do corrente mês, sendo por isso expectáveis quebras a rondar os 85% e 95%”.

No aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, o tráfego aéreo ainda subiu 0,72% na primeira semana de Março, mas baixou 2,94% na segunda semana e caiu 50% na terceira.

Na última semana de Março, Lisboa somou apenas 525 voos, o que significa uma quebra de 86,7% ou menos 3.066 voos face à última semana de Março de 2019.

No aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, o tráfego aéreo baixou 2% na primeira semana de Março, 4% na segunda semana, e 57% na terceira.

Na última semana de Março, a NAV geriu apenas 244 voos no Porto, menos 87% ou menos 1.683 que na última semana de Março de 2019.

No aeroporto de Faro, no Algarve, o tráfego aéreo subiu 10% primeira semana de Março, e caiu 6% na segunda semana e 35% na terceira.

Na última semana do mês, o número de voos controlados pela NAV no aeroporto de Faro foi de 159, menos 86% ou menos 939 que na última semana de Março do ano passado.

O aeroporto Cristiano Ronaldo, no Funchal, Madeira, teve quebras de tráfego de 1% e de 3% na primeira e na segunda semana de Março, respectivamente. Na terceira semana o decréscimo chegou a 35%.

Na última semana de Março o número de voos no aeroporto do Funchal ficou em 44, o que significa uma quebra de 91,3% ou 460 face à última semana de Março de 2019.

A NAV Portugal salienta que a quebra de tráfego aéreo é generalizada a nível europeu, não se registando apenas em Portugal. O comunicado indica que o tráfego aéreo gerido pela Eurocontrol em Março caiu 40,6%, de uma média de 27,3 mil voos diários para 16,1 mil.

Os voos geridos pela Eurocontrol abrangem Bélgica, Irlanda, Hungria, Suécia, Mónaco, Albânia, Lituânia, Marrocos, França, Portugal, Suíça, Rep. Checa, Eslováquia, Bósnia, Montenegro, Alemanha, Grécia, Áustria, Itália, Espanha, Polónia, Letónia, Luxemburgo, Malta, Dinamarca, Roménia, Macedónia do Norte, Ucrânia, Geórgia, Holanda, Turquia, Noruega, Bulgária, Moldávia, Sérvia, Estónia, Reino Unido, Chipre, Eslovénia, Croácia, Finlândia, Arménia e Israel.

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: NAV

Clique para ver mais: Coronavírus

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Passageiros numa ilha dos Açores com destino final outra deixam de ter de seguir viagem em 24 horas

29-05-2020 (18h35)

Os passageiros que se encontrem numa ilha dos Açores que não seja a do seu destino final deixam de estar obrigados a seguir viagem até 24 horas após a sua chegada, anunciou o presidente do Governo Regional.

SATA retoma ligações entre Lisboa e os Açores a 15 de Junho

29-05-2020 (18h24)

A Azores Airlines, do grupo SATA, vai retomar a 15 de Junho as ligações aéreas entre Lisboa e Ponta Delgada e Lisboa e a Terceira, bem como entre o Funchal e Ponta Delgada.

Transavia França anuncia retoma de voos para Portugal a 15 de Junho

29-05-2020 (17h04)

A Transavia França, low cost do grupo Air France KLM com operações de/para aeroportos franceses, anunciou a retoma de voos de/para Portugal de Lyon e Nantes, a 15 de Junho, e de Paris Orly e Montpellier, a 26 de Junho.

Finnair retoma voos para a Ásia a 1 de Julho

29-05-2020 (16h25)

A Finnair, companhia de aviação com hub em Helsínquia que tem forte implantação no transporte aéreo de passageiros entre a Europa e a Ásia, retoma essas ligações a 1 de Julho, com 10 rotas.

Plano de apoio à Lufthansa enfrenta ventos contrários

29-05-2020 (16h23)

O plano de apoio à Lufthansa face à pandemia de covid-19 e que ultrapassa os nove mil milhões de euros enfrenta ventos contrários de grande intensidade, especialmente por parte da comissária europeia da concorrência Margrethe Vestager.

Opinião e Análise