Negócio corporate da TAP “está todo nas agências [de viagens] e vai continuar a estar” – Paula Canada

26-11-2018 (13h27)

“Há sempre segmentos que precisam da agência de viagens” e um deles é o segmento das viagens empresariais, o chamado corporate, um negócio que “está todo nas agências e vai continuar a estar”, afirmou ao PressTUR a directora de Vendas e Marketing da TAP, Paula Canada.

Paula Canada, que falava ao PressTUR no 44º Congresso da APAVT, nos Açores, referia-se ao “peso muito importante em Portugal” do canal indirecto, especificamente da venda de voos TAP através das agências de viagens portuguesas, que estão com um crescimento de 9,9% até Outubro, ou seja, quase três pontos acima do aumento médio do BSP, que foi de 7% nos primeiros dez meses deste ano.

“Qualquer receio de concorrência com canais directos não faz sentido. Há sempre segmentos que precisam da agência de viagens. A agência de viagens é um travel advisor e há muitas pessoas que se sentem confortáveis a comprar na agência de viagens”, começou por dizer a executiva.

“O segmento corporate é todo vendido através das agências de viagens. E esse segmento, embora não seja muito grande, é um segmento de extrema importância para a TAP”, frisou Paula Canada.

O volume do corporate é relativamente reduzido em Portugal por existirem “poucas grandes empresas, mas é um negócio muito interessante e, esse, está todo nas agências e vai continuar a estar”, concluiu.

 

Ver também:

Venda de voos TAP pelas agências de viagens portuguesas cresce 9,9% até Outubro - Paula Canada

 

Clique para ver mais: TAP

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Foram multadas 13 companhias aéreas no segundo dia de restrições

03-12-2021 (17h33)

No segundo dia da obrigatoriedade de desembarcarem em Portugal continental apenas passageiros com teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação, 13 companhias aéreas e 59 passageiros foram multados nos aeroportos portugueses.

Apoio à TAP “deve ser visto como um investimento” – ministro da Economia

03-12-2021 (12h24)

O ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, Pedro Siza Vieira, afirmou hoje que o apoio estatal à TAP "deve ser visto como um investimento que todos estamos a fazer num activo que é estratégico para o país", naquela que considera ser uma "das empresas mais críticas para o nosso futuro colectivo".

ANA alerta para urgência de decidir sobre o aeroporto de Lisboa, por estar a recuperar níveis de 2019

02-12-2021 (17h20)

O Chief Commercial Officer da ANA Aeroportos, Francisco Pita, alertou hoje para a urgência de aumentar a capacidade aeroportuária da região de Lisboa, indicando que os movimentos de aeronaves na Portela atingiram “em muitos dias de Novembro” números idênticos a 2019.

Portugal já multou 152 passageiros e dez companhias aéreas por incumprimento das novas regras covid-19

02-12-2021 (17h14)

A PSP e o SEF registaram na quarta-feira 152 contraordenações de pessoas que desembarcaram nos aeroportos portugueses sem teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação, revelou hoje à Lusa o Ministério da Administração Interna (MAI).

United Airlines anuncia novas datas para a rota Ponta Delgada-Nova Iorque

02-12-2021 (16h31)

A companhia aérea norte-americana United Airlines vai voar entre Ponta Delgada e Nova Iorque, a partir de 14 Maio de 2022, e vai retomar as ligações entre Porto e Nova Iorque e entre Lisboa e Washington D.C. no dia 27 de Março.

Opinião e Análise