Portugal espera receber 11 mil turistas sul-coreanos com novo voo Seul – Lisboa

28-10-2019 (18h29)

Foto: Asiana Airlines
Foto: Asiana Airlines

O Turismo de Portugal avançou a previsão de receber 11 mil turistas sul-coreanos com a nova rota Seul – Lisboa que a Asiana Airlines inaugurou hoje e que tem previsto operar até ao final de Março.

Os voos serão operados duas vezes por semana, às segundas e quartas, em aviões A350 de 311 lugares, dos quais 40% são “vendidos através de acordos com sete operadores coreanos e, os restantes, por venda directa ao público”, indica um comunicado do Turismo de Portugal.

O comunicado avança que o “load factor médio esperado é de 83%, o que indica uma previsão de cerca de 11 mil turistas coreanos”.

Os voos partem de Seul às 14h30, chegando a Lisboa às 18h50. No regresso, os voos partem às 20h30 para aterrar no dia seguinte às 17h50 na Coreia do Sul.

O Turismo de Portugal, que apoia a rota enquanto “medida de combate à sazonalidade”, indica que está programada até 28 de Março.

A aposta nesta ligação concretiza “a diversificação de mercados” e “promove o alargamento do turismo ao longo de todo o ano e em todo o território”, afirmou Rita Marques, secretária de Estado do Turismo, citada no comunicado.

Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, salientou que no ano passado, em Portugal, “o mercado sul-coreano foi responsável por 165 mil hóspedes, 250 mil dormidas e 19,7 milhões de euros de receitas turísticas, indicadores que registaram crescimentos anuais de 11%, 13,2% e 10,7%, respectivamente”.

A Área Metropolitana de Lisboa é o principal destino em Portugal para os turistas sul-coreanos, com 45,4% do total, seguido do Centro (29,8%), sublinha Luís Araújo, para acrescentar que “a Coreia do Sul é um mercado a que chamamos de aposta selectiva que, graças à afinidade religiosa que o une a Portugal, suscita uma curiosidade pelo destino, a nossa História e Património”.

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: Portugal

Clique para ver mais: Asiana Airlines

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

GOL reduziu operação em 19,2 mil voos no mês de Julho

05-08-2020 (14h04)

A GOL, maior companhia de aviação brasileira em voos domésticos, indicou hoje que em Julho, mês tradicionalmente de férias escolares no Brasil, teve uma operação doméstica com -78% ou menos 19,2 mil voos que no mês homólogo de 2019.

Azul de David Neeleman atenua quebra de tráfego em Julho

05-08-2020 (12h32)

A companhia de aviação brasileira Azul, fundada e presidida pelo ex-accionista da TAP David Neeleman, teve em Julho, mês tradicionalmente de férias escolares no Brasil, um aumento de tráfego face a Junho em 40,7%, mas ainda ficou 77,6% abaixo de Julho de 2019.

easyJet destaca êxito dos voos para Faro

04-08-2020 (16h33)

A low cost britânica easyJet expressou hoje satisfação com os resultados dos seus voos para Faro, que aponta como exemplo de êxito, a par de Nice, França.

Quebra de passageiros na Ryanair este ano pela covid-19 já ultrapassa os 50 milhões

04-08-2020 (15h14)

A low cost Ryanair informou hoje que nos 12 meses terminados em Julho regista uma quebra de passageiros que já excede os 50 milhões, passando de 148,2 milhões de Agosto de 2018 a Julho de 2019 para 96,8 milhões de Agosto de 2019 a Julho de 2020.

Ryanair volta aos milhões de passageiros em Julho... mas menos 10,4 milhões que há um ano

04-08-2020 (14h44)

A low cost Ryanair transportou 4,4 milhões de passageiros em Julho, o primeiro mês em que repôs parte significativa da operação, atingindo, segundo anunciou, mil voos por dia, mas ainda assim sem evitar uma quebra que supera os dez milhões.

Opinião e Análise