Ryanair vai recomeçar 110 rotas de/para Portugal entre 21 de Junho e inícios de Agosto

28-05-2020 (15h30)

Foto: Ryanair
Foto: Ryanair

A Ryanair, maior low cost a operar em Portugal, já definiu a retoma de 110 rotas de/para aeroportos portugueses a partir de 21 de Junho, 49 das quais no Aeroporto do Porto, 31 em Faro, 26 em Lisboa e quatro nos Açores.

O plano de reactivação de voos de/para o Porto prevê o início de 13 rotas entre os dias 21 e 23 de Junho, a que se seguem outras 32 entre os dias 1 e 5 de Julho e mais quatro entre 1 e 6 de Agosto.

As rotas que recomeçam a 21 de Junho são Berlim Schoenefeld, Colónia, Eindhoven, Paris Beauvais e Valência.

Seguem-se, nos dias seguintes, Barcelona, Bruxelas, Frankfurt, Madrid, Bruxelas South Charleroi, Budapeste, Marselha e Milão Bergamo.

Para 1 de Julho está programada a retoma de voos para Alicante, Birmingham, Clermont-Ferrand, La Rochelle, Londres Stansted, Nuremberga e Paris Vatry.

Para dia 2 está programada a retoma de voos para Dole, Dortmund, Dusseldorf Weeze e Luxemburgo e para dia 3 estão Bremen, Cagliari, Copenhaga, Karlsruhe/Baden-Baden, Cracóvia, Liverpool, Malta, Manchester, Marraquexe e Roma Ciampino.

Os últimos recomeços em Julho são voos para Brest, Edimburgo, Hamburgo, Lille, Memmingen, Milão Malpensa, Palma Maiorca, Terceira, Tours e Varsóvia Modlin, no dia 4 e Tenerife Sul, no dia seguinte.

Ainda para o Porto, a Ryaneir tem programado retomar voos a 1 de Agosto para Bordéus e para Málaga, no dia 3 para Grenoble e no dia 6 para Sevilha

 

Aeroporto de Faro

A retoma de voos de para Faro também começa a 21 de Junho, com voos para Manchester, seguindo-se Porto, a 22, e Dublin e Londres Stansted, a 23.

A partir de 1 de Julho a low cost tem programado retomar voos entre Faro e Berlin Tegel, Birmingham, Bournemouth, East Midlands, Edimburgo, Eindhoven, Frankfurt, Liverpool, Londres Luton, Marselha e Memmingen.

Ainda para os primeiros dias de Julho está programada a retroma de voos para Bristol, Cork, Londres Southend, Paris Beauvais e Varsóvia Modlin, no dia 2, Cardiff, Leeds/Bradford, Newcastle e Shannon no dia 3, e Berlim Schoenefeld, Bordéus, Glasgow Prestwick, Kerry, Knock, Milão Bergamo e Newquay Cornwall no dia 4.

 

Aeroporto de Lisboa

Para o Aeroporto de Lisboa, onde sempre manteve voos para Londres Stansted, o plano da Ryanair acrescenta, a partir de 21 de Junho, voos para Marselha, Ponta Delgada e Roma Ciampino, a que se seguem Milão Bergamo, no dia seguinte, e Berlim Schoenefeld, Bruxelas South Charleroi e Manchester, no dia 23.

Já para o primeiro dia de Julho a low cost tem programado retomar voos de Lisboa para Bruxelas, Dublin e Terceira, a que se seguem Budapeste, Cracóvia, Paris Beauvais e Varsóvia Modlin e Nápoles, no dia 3, Bolonha, Clermont-Ferrand e Edimburgo, no dia 4, e Luxemburgo e Toulouse, no dia 5.

Para os primeiros dias de Agosto a low cost tem programado retomar Lourdes e Valência, no dia 1, Memmingen no dia 2, Bordéus no dia 3 e Pisa no dia 4.

 

Açores

Para os Açores, a Ryanair indica que a partir de 21 de Junho tem voos do aeroporto de Ponta Delgada, começando pelo Porto, a que acrescenta a 4 de Julho voos para Frankfurt Hahn, uma vez por semana, e Londres Stansted, duas vezes por semana.

A programação da Ryanair indica ainda a retoma de voos entre a Terceira e Londres Stansted uma vez por semana a partir de 1 de Julho.

 

Clique para mais notícias: Ryanair

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Aviação

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Aeroportos enfrentam novas perdas e dívidas elevadas

26-10-2021 (15h32)

Os aeroportos europeus viram a sua dívida aumentar 200% em relação aos níveis anteriores à pandemia e muitos vão registar de novo perdas importantes este ano, advertiu hoje a associação do sector.

Thomas Ahlers é o novo director de Vendas do Grupo Lufthansa em Portugal

26-10-2021 (09h41)

O Grupo Lufthansa anunciou a nomeação de Thomas Ahlers para o cargo de general manager sales para Portugal, que estará baseado em Lisboa a partir de 1 de Novembro, sucedendo a Patrick Borg Hedley.

TICV retoma voos domésticos em Cabo Verde com mais de 400 passageiros num dia

25-10-2021 (13h50)

A Transportes Interilhas de Cabo Verde (TICV), detida pelo grupo angolano BestFly, retomou as ligações aéreas domésticas no arquipélago, com mais de 400 passageiros transportados e uma taxa de ocupação de 66% no primeiro dia, divulgou a companhia.

Aeroporto de Lisboa atenuou em Setembro a quebra de passageiros pela pandemia para menos de 45%

22-10-2021 (16h36)

O Aeroporto de Lisboa somou nos primeiros nove meses deste ano 7,77 milhões de passageiros de voos comerciais, registando assim uma quebra média de 70,2% face ao período homólogo de 2019, pré-pandemia, mas no mês de Setembro essa quebra atenuou-se para 44,8%.

Comunidade luso-venezuelana pede a Caracas que autorize a TAP a fazer voos directos para Portugal

22-10-2021 (13h55)

A comunidade luso-venezuelana espera que o Governo venezuelano autorize proximamente a TAP a realizar voos directos entre Caracas e Lisboa, a exemplo do que já aconteceu com outras empresas aéreas e outros destinos, mas está apreensiva devido à proximidade do Natal.

Opinião e Análise