TAP e TAAG reforçam voos de/para Angola antes da suspensão de ligações

18-01-2021 (13h52)

As companhias aéreas TAP e TAAG vão reforçar as ligações aéreas entre Portugal e Angola antes da suspensão temporária dos voos directos, que entra em vigor a partir de 24 de Janeiro.


Actualização: Foram acrescentados dados sobre as chegadas de voos procedentes de Angola e do Brasil a Lisboa esta segunda-feira


A TAP tem agendado um voo extra para quinta-feira, dia 21, enquanto a TAAG prevê mais quatro ligações entre Luanda e Lisboa, bem como um reforço dos voos para a África do Sul e Brasil, segundo a agência de notícias angolana ANGOP, citada pela Lusa.

Amanhã, dia 19, a TAAG opera dois voos para a África do Sul (Cidade do Cabo e Joanesburgo) e um para Lisboa (Portugal). Na quarta-feira, dia 20, a transportadora tem programados voos para São Paulo (Brasil) e um voo para Lisboa (Portugal). Na quinta-feira, dia 21, a companhia tem programadas ligações com Lisboa (Portugal) e Joanesburgo (África do Sul).

Na sexta-feira, 22, estão programadas mais duas ligações com Portugal e África do Sul (Joanesburgo), enquanto no Sábado, último dia da programação especial, a companhia aérea angolana voa para Joanesburgo e Cidade do Cabo.

Dados da ANA Aeroportos consultados pelo PressTUR indicam que chegaram hoje a Lisboa dez voos do Brasil (oito da TAP, um da TAM e um da Azul) e um voo de Luanda (da TAAG, às 6h08).

As chegadas a Portugal de voos do Brasil incluem um voo da LATAM, de São Paulo/Guarulhos, às 6h04, um voo da Azul, de Viracopos/Campinas, às 6h30, e oito voos da TAP, de Brasília (6h28), de Salvador (6h52), de Belo Horizonte (7h23), de Maceió (7h45), do Rio de Janeiro (7h27), de São Paulo/Guarulhos (7h38 e 9h41) e de Fortaleza (8h16).

A operação de voos de repatriamento dos cidadãos angolanos e residentes estrangeiros com visto de trabalho que se encontram em Portugal, Brasil e África do Sul começou no Sábado e prolonga-se até às 00h00 do dia 24 de Janeiro, altura em que Angola suspende temporariamente as ligações com estes países, para evitar a entrada das novas estirpes de SARS Cov2, o vírus causador da covid-19.

Para evitar a entrada no país da nova variante do vírus SARS-CoV-2, os passageiros que desembarcarem no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, a partir de agora, estão a ser submetidos de imediato ao teste rápido da covid-19. Os casos positivos ficarão em isolamento institucional.

Em Angola já era obrigatório um teste RT-PCR com resultado negativo, realizado até 72 horas antes do embarque, para entrar no país. Quem regressa do estrangeiro terá também de cumprir um período de quarentena domiciliar que passou de sete para dez dias.

 

Clique para ver mais: Aviação

Clique para ver mais: TAP

Clique para ver mais: TAAG

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Travelport anuncia nova plataforma que irá “reinventar o retalho de viagens”

25-02-2021 (17h27)

A Travelport, empresa a que pertence o Galileo, sistema global de reservas (GDS) mais utilizado pelas agências de viagens portuguesas, está a investir na “reconstrução completa” da sua plataforma para apresentar um novo marketplace quer irá “reinventar o retalho de viagens”.

França faz pleno da liderança de passageiros nos três maiores aeroportos portugueses

25-02-2021 (17h07)

França foi a primeira origem/destino de passageiros dos aeroportos de Lisboa, Porto e Faro no primeiro mês deste ano, destronando o Reino Unido no Algarve, onde os voos de/para as ilhas britânicas tiveram uma quebra em 96%, que é a maior de todos os aeroportos em Janeiro.

Manifesto Europeu de Turismo divulga recomendações para planear retoma das viagens a tempo do Verão

25-02-2021 (15h15)

O Manifesto Europeu de Turismo, que reúne mais de 60 organizações de turismo europeias, públicas e privadas, defende a criação de um grupo de trabalho liderado pela Comissão Europeia para preparar a retoma das viagens a tempo do Verão.

Travelport revela nova imagem em antecipação de “um ano de avanços significativos”

25-02-2021 (14h12)

A multinacional tecnológica Travelport, da qual faz parte o GDS Galileo, líder entre as agências de viagens portuguesas, revelou a sua nova imagem, que segundo Greg Webb, CEO, reflecte a nova identidade da empresa e a sua "visão para o futuro".

ECTAA quer acção das instituições europeias para travar atrasos nos reembolsos de viagens

23-02-2021 (18h24)

A ECTAA, organização que junta as associações de agências de viagens e operadores turísticos da Europa, quer que as instituições europeias actuem no sentido de obrigar as companhias de aviação a reembolsarem pelos voos não realizados pelos impactos da pandemia de covid-19.

Opinião e Análise