TAP já tem calendário de ‘desconfinamento’ com retoma ‘a sério’ a partir de 1 de Julho

25-05-2020 (15h48)

A operação da TAP só vai realmente ‘descolar' a partir de 1 de Julho, de acordo com o calendário divulgado pela companhia, que mostra ter previsto manter 11 voos por semana até ao fim deste mês, aumentar para 27 no mês de Junho e atingir um total de 247 a partir de 1 de Julho.

O calendário mostra que até dia 31 vai manter apenas três voos intercontinentais por semana à partida de Lisboa, dois dos quais para São Paulo Guarulhos e um para o Rio de Janeiro.

Além dessas ligações também mantém quatro voos internacionais intra-europeus também à partida de Lisboa, dois dos quais para Londres Heathrow e outros dois para Paris.

A operação prevista inclui também 11 voos domésticos à partida de Lisboa, três dos quais para o Porto, quatro para o Funchal (até 24 de Maio, subindo então para cinco entre os dias 25 e 31, dois para Ponta Delgada e outros tantos para a Terceira.

A segunda fase do ‘desconfinamento' da TAP decorre no mês de Junho e acrescenta nomeadamente voos para os Estados Unidos e África.

A companhia tem agendado assim desde 1 de Junho dois voos por semana de Lisboa para Newark, Nova Iorque, EUA, um por semana para Maputo, Moçambique e um por semana para Luanda, neste caso a partir de 15 de Junho.

Para a sua rede de voos internacionais intra-europeus a TAP prevê manter em Junho apenas os quatro voos semanais iniciados ainda este mês (dois para Londres Heathrow e dois para Paris), mas a rede de ligações domésticas aumenta para 16 voos por semana, com três para o Porto, sete para o Funchal, quatro para Ponta Delgada e dois para a Terceira.

E assim é para o mês de Julho que a TAP tem agendada uma retoma visível da sua operação, atingindo um total de 247 voos por semana, com sete para o Brasil, 12 para a América do Norte, oito para África, 157 internacionais intra-europeus e 63 domésticos.

Os voos intercontinentais são todos de Lisboa e nos sete para o Brasil incluem-se apenas quatro dos dez destinos para onde a companhia voava, que são São Paulo, com três voos por semana, Recife, com dois, Rio de Janeiro, com um, e Fortaleza, também com um.

Para a América do Norte a companhia prevê fazer sete voos de Lisboa, seis dos quais para os Estados Unidos e um para o Canadá, e cinco de Ponta Delgada para Estados Unidos e Canadá.

As rotas de Lisboa são Newark, Boston e Miami, nos EUA, com dois voos por semana e Toronto, com um.

À partida de Ponta Delgada a companhia tem programado três voos por semana para Boston e dois para Toronto.

As ligações para o continente africano são todas de Lisboa e incluem dois voos por semana tanto para Luanda como para Dakar e ainda para a Praia e um voo por semana para Maputo e outro para São Vicente.

A programação da TAP para voos internacionais intra-europeus inclui 23 rotas com um total de 157 voo por semana, 21 delas à partida de Lisboa e duas do Porto com 152 voos e duas do Porto com cinco voos por semana.

As rotas de Lisboa com maior frequência de voos são Londres Heathrow, Paris, Madrid, Barcelona, Milao e Roma, cada uma delas com dois voos diários.

Seguem-se, Bruxelas, Genebra, Zurique, Frankfurt, Hamburgo, Berlim, Amesterdão, todas com voo diário, e, depois, Dublin, Sevilha e Málaga, com três por semana, e Nice, Lyon, Luxemburgo, Estocolmo e Copenhaga, com dois por semana.

À partida do Porto a companhia programou fazer em Julho três voos por semana para Paris e dois para o Luxemburgo.

A rede doméstica inclui no mês de Julho 21 voos por semana entre Lisboa e o Porto e 14 entre Lisboa e o Funchal e outros tantos entre a capital e Faro.

A companhia tem ainda programado voo diário de Lisboa para Ponta Delgada, três por semana para a Terceira e dois para Porto Santo, bem como dois por semana entre o Porto e o Funchal.

Para ver o calendário no website da TAP clique aqui

 

Clique para mais notícias: TAP

Clique para mais notícias: Aviação

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Estudo indica que 73% dos consumidores considera o bem-estar um elemento essencial de uma marca

23-10-2020 (17h51)

Um estudo da empresa de marketing e relações públicas Ogilvy, que tem em conta sete sectores, entre os quais os da aviação e hotelaria, indica que o bem-estar do cliente é considerado, pelos consumidores, um elemento essencial de uma marca.

TAP voltou a liderar em Setembro o transporte aéreo internacional de passageiros no Brasil

23-10-2020 (14h26)

Quase um em cada cinco passageiros que em Setembro viajaram em voos internacionais de/para o Brasil fizeram-no em TAP, que voltou assim a ser a líder de mercado, à frente não só das outras companhias europeias, como também das americanas e das brasileiras.

American Airlines declara prejuízo líquido de 2,4 mil milhões de dólares no 3º trimestre

22-10-2020 (17h51)

A American Airlines, maior companhia de aviação do mundo antes da pandemia, informou hoje que no terceiro trimestre, tradicionalmente o seu melhor, teve um prejuízo líquido de 2,4 mil milhões de dólares, com uma quebra das receitas em 73,4%.

Agências de viagens espanholas ameaçam endurecer exigência de reembolsos das companhias de aviação

22-10-2020 (14h03)

As agências de viagens espanholas ameaçam denunciar junto da União Europeia a falta de reembolsos das companhias de aviação, que acusam de estar a utilizar dinheiro de milhares de PME que em muitos casos até já reeembolsaram os clientes.

TAP põe à venda passes com voos ilimitados na Europa

22-10-2020 (13h38)

A TAP está a anunciar ao mercado o novo Flight Pass Europa, um passe com voos ilimitados de Lisboa e do Porto para todos os destinos europeus da sua rede, apesar das restrições de viagens relacionadas com a pandemia de covid-19.

Opinião e Análise