Barceló notifica Concorrência da compra de activos da Deneb (Globalia)

15-04-2020 (18h40)

Foto: Glenn Carstens-Peters / Unsplash
Foto: Glenn Carstens-Peters / Unsplash

A Barceló notificou a Autoridade da Concorrência (AdC) em Portugal da aquisição do controlo exclusivo sobre a Gestión de Viajes Deneb e respetivos activos, uma entidade do grupo Globalia.

A operação de concentração, notificada à AdC na terça-feira, dia 14, consiste na aquisição pela Barceló Corporación Empresarial, de um conjunto de activos integrados na sociedade Gestión de Viajes Deneb, segundo o aviso publicado na página de internet da AdC.

O grupo turístico Barceló está activo em Portugal na prestação de serviços de operador turístico, agência de viagens, hotelaria e transporte aéreo de passageiros através da companhia aérea Orbest.

A Gestión de Viajes Deneb é uma entidade sob controlo do grupo turístico espanhol Globalia Corporación Empresarial, um grupo turístico espanhol activo nos sectores de serviços de transporte, hotelaria e viagens em mais de 20 países.

Em Portugal, a Deneb encontra-se presente “exclusivamente” através da prestação de serviços de operador turístico, segundo disposto no aviso.

Na semana passada o jornal espanhol “El País” avançou que os grupos Globalia e Barceló reformularam os termos do negócio de fusão das suas divisões de viagens em Espanha, criando um novo acordo em que a Barceló detém o controlo da nova empresa.

A Comissão Nacional de Mercados e Concorrência (CNMC) arquivou a operação original, em que cada um dos grupos teria 50% da nova empresa, e apresentou a nova operação. Assim, o prazo para o anúncio de uma decisão da Concorrência em Espanha foi adiado até 3 de Maio, segundo a imprensa espanhola especializada em turismo.

Os grupos Globalia e Barceló anunciaram no dia 22 de Novembro de 2019 a decisão de fundir as suas divisões de viagens, com a criação de uma nova empresa que seria detida em partes iguais pelos dois grupos, e que teria 1.500 pontos de venda, uma facturação de 2.675 milhões de euros e mais de 6.000 funcionários, ou seja, a maior empresa do sector na Espanha.

A Globalia entra para a nova empresa com as marcas Halcón Viajes, Viagens Equador, Geomoon, Travelplan, Welcome, Globalia Meetings and Events, Globalia Corporate Travel e Globalia Autocares, enquanto a Barceló entra com o grupo Ávoris, que tem as marcas B the Travel Brand, Catai, Rhodasol, Bedtoyou, BCD Travels e BCD Meetings & Events, bem como a companhia aérea Evelop.

(PressTUR com Agência Lusa)

 

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: Globalia

Clique para ver mais: Barceló / Ávoris

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Évora acolhe projecto de nova aeronave do CEiiA e de empresa brasileira

25-09-2020 (16h36)

O primeiro programa aeronáutico completo de Portugal, o ATL-100, para desenvolver, fabricar e operar uma nova aeronave ligeira, é apresentado hoje, sexta-feira 25 de Setembro, em Évora, numa parceria entre o CEiiA e a empresa brasileira DESAER.

Air Macau antecipa o dobro de passageiros em Outubro

25-09-2020 (16h15)

A companhia aérea Air Macau afirmou hoje que espera vir a ter o dobro do número de passageiros em Outubro, em comparação com o mês anterior, ainda assim muito longe do habitual em anos anteriores.

Ryanair anuncia que Beauvais passa a ser a sua nova base em França

25-09-2020 (15h35)

A low cost Ryanair que de há muito opta por voar para Beauvais, a 79 quilómetros de Paris, como se fosse a capital francesa, anunciou agora o seu ‘upgrade’ a base, com dois aviões dedicados.

KLM avisa que o seu calendário de Inverno será “muito mais restricto” devido à covid-19

25-09-2020 (14h10)

A companhia de aviação holandesa KLM informou que devido às restrições para travar a disseminação da covid-19, terá um programa de voos no próximo Inverno “muito mais restricto” que há um ano e especificou que em Novembro, primeiro mês do chamado Inverno IATA 20/21, terá apenas cerca de 55% da capacidade do mês homólogo de 2019.

Aeroporto de Helsínquia recorre a cães para detectar casos de coronavírus

25-09-2020 (13h23)

As autoridades finlandesas decidiram enviar cães pisteiros para detectar o novo coronavírus no maior aeroporto internacional da Finlândia para testar, durante os próximos quatro meses, um método alternativo que será mais barato e mais rápido na identificação de viajantes infectados.

Opinião e Análise