Cidade de Lisboa concentra 24,6% das dormidas no alojamento turístico português

15-04-2019 (16h28)

Lisboa é, por grande margem, o município com mais dormidas no alojamento turístico português, tendo registado perto de 1,6 milhões nos primeiros dois meses deste ano, o que equivale a 24,6% do total no país, indicou hoje o INE.

A informação do Instituto indica que 22 municípios concentraram 75% das dormidas em alojamento turístico em Portugal no primeiro bimestre, com Funchal, Albufeira, Porto e Loulé a registarem os maiores totais a seguir a Lisboa.

A informação do INE indica que 11% das dormidas em alojamento turístico no primeiro bimestre tiveram lugar no Funchal, o que significa um total de aproximadamente 690 mil, e Albufeira teve 8,6%, o que equivale a cerca de 540 mil.

Para o Porto, o INE indica, sem especificar, um total acima de 400 mil pernoitas e para Loulé, mais de 200 mil.

A informação do INE, já com base na sua nova matriz de informação, indica que o alojamento turístico português teve 3,3 milhões de dormidas de 1,36 milhões de hóspedes em Fevereiro, em queda de 1% em número de dormidas por quebra da estada média em 3,8%, pois em número de hóspedes até houve um aumento em 2,9%.

Para o conjunto dos primeiros dois meses do ano, o Instituto indicou um aumento das dormidas em 1,6%, para 6,27 milhões, por aumento do número de hóspedes em 4,6%, para 2,6 milhões, embora tenha ocorrido um decréscimo da estada média em 2,9%, para 2,41 noites.

À semelhança do que já vinha a ocorrer nos últimos anos, melhor do que a evolução de hóspedes e dormidas foi a das receitas, com subidas em 6,5% dos proveitos totais, que atingem 334,8 milhões de euros, e 5,3% nos primeiros de aposento, que somaram 234,1 milhões.

Relativamente ao mês de Fevereiro, a informação do INE indica quebra das dormidas em 1%, com quebras de 2,6% do mercado dos residentes em Portugal e estagnação em baixa (-0,2%) dos residentes no estrangeiro.

O Instituto relaciona a quebra, nomeadamente o decréscimo em 0,1% dos hóspedes residentes em Portugal, com o facto de o Carnaval este ano ser no mês de Março quando em 2018 foi em Fevereiro.

 

Clique para mais notícias: Hotelaria portuguesa

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Grupo Água Hotels Spa & Resorts vai reabrir quatro hotéis a partir de Junho

27-05-2020 (16h09)

O Grupo Água Hotels Spa & Resorts vai reabrir quatro das suas cinco unidades hoteleiras em Portugal a partir de 2 de Junho.

Hotéis Solverde reabrem a partir de 2 de Junho

27-05-2020 (13h20)

Os hotéis Solverde,  Apartamento Solverde, Solverde Spa & Wellness Center, Casino Chaves e Algarve Casino vão começar a reabrir ao público a partir de 2 de Junho.

Remodelado Onyria Quinta da Marinha Hotel vai reabrir a 9 de Junho

26-05-2020 (16h49)

O Onyria Quinta da Marinha Hotel foi alvo de um projecto de renovação e rebranding avaliado em 3,5 milhões de euros, e vai reabrir ao público a 9 de Junho com o selo Clean & Safe do Turismo de Portugal.

NAU Hotels & Resorts vai reabrir sete hotéis entre 31 de Maio e 27 de Junho

26-05-2020 (15h09)

A NAU Hotels & Resorts vai reabrir sete unidades hoteleiras desde 31 de Maio até 27 de Junho com a certificação Clean & Safe do Turismo de Portugal e um protocolo interno com medidas de segurança e saúde.

CEO da TUI elogia “clareza” de Espanha sobre reabertura ao turismo

26-05-2020 (10h47)

O CEO da TUI, maior grupo turístico europeu, elogiou a “clareza” de Espanha sobre o início da temporada de férias, por garantir a “milhões de turistas” que podem fazer férias no país.

Opinião e Análise