Hotéis de Lisboa ganham mais em Outubro, por aumentos de preços

06-12-2019 (18h18)

Os hotéis da cidade de Lisboa tiveram aumentos da receita média de quartos por quarto disponível (RevPAR) no mês de Outubro entre 4,1% e 10,4%, de acordo com o Observatório do Turismo da capital, cujos dados evidenciam que a subida foi alavancada nos preços de quartos.

A informação indica que a maior subida da RevPAR em Outubro foi dos hotéis de 5-estrelas, com um aumento em 10,4%, para 167,6 euros, seguindo-se os 4-estrelas, com +4,3%, para 98,77 euros, e, por fim, os 3-estrelas, com +4,1%, para 84,86 euros.

Os 3-estrelas foram, porém, os únicos a atingir um novo máximo de RevPAR para um mês de Outubro, já que tanto os 4-estrelas como os 5-estrelas ficaram abaixo dos máximos do mês de Outubro atingidos em 2017, respectivamente com 102,29 e 168 euros.

Os dados apontam para que a causa tenha sido terem ficado este Outubro aquém das ocupação de Outubro de 2017, com 92,07% nos 4-estrelas, cujo máximo do mês é 93,91%, e com 82,67% nos 5-estrelas, cujo máximo é 85,75%.

Porém, em preços médios de quartos, os dados do Observatório mostram novos máximos para um mês de Outubro nos 5-estrelas, pela primeira vez acima os 200 euros, com 202,73.

Os 4-estrelas, por sua vez, com 107,27 euros ainda ficaram aquém dos 108,92 euros de preço médio em Outubro de 2017, mas com aumento em 4,7% ou 4,82 euros em relação a Outubro de 2018.

Essa foi a segunda subida mais forte do mês, uma vez que o preço médio dos 5-estrelas subiu 7,2% e nos 3-estrelas o aumento foi de 4,1%, para 91,47 euros, que é o valor mais elevado para um mês de Outubro.

 

Clique para mais notícias: Observatório do Turismo de Lisboa

Clique para mais notícias: Hotelaria

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Covid-19 custou 30 milhões de dormidas à hotelaria espanhola só em Agosto

23-09-2020 (17h03)

A pandemia de covid-19 retirou à hotelaria espanhola 30,2 milhões de dormidas em Agosto, tradicionalmente o seu melhor mês, com quase 80% dessa quebra a dever-se aos mercados internacionais, que reduziram as dormidas em 83,4% ou 24 milhões.

Portugueses reduziram em 82% as dormidas na hotelaria espanhola em Agosto

23-09-2020 (16h36)

A hotelaria espanhola teve este Agosto uma quebra de dormidas de turistas residentes em Portugal em 82%, desde logo por um decréscimo do número de turistas em 76,7%, a que acresceu uma diminuição da estada média em 22,8%.

Gigante alemão DER Touristik assume três hotéis na Madeira

21-09-2020 (16h15)

“A partir de agora os hotéis Galo irão assumir a designação Sentido, e farão parte de uma das seis marcas DER Touristik”, anunciou o gigante alemão com forte presença nomeadamente na área da distribuição.

Turismo europeu pede a Bruxelas testes coordenados para acabar com restrições de viagens divergentes

18-09-2020 (14h00)

Mais de 20 organizações europeias de turismo e de aviação pediram hoje à Comissão Europeia para acabar com a “contínua falta de coordenação” e as “restrições de viagens divergentes”, implementando um programa de testes comum para os viajantes.

Turim Saldanha Hotel reabre amanhã

15-09-2020 (16h13)

O Grupo Turim Hotéis anunciou que vai reabrir amanhã, dia 16, o Turim Saldanha Hotel, cumprindo as directrizes da DGS e o plano de higiene e segurança da empresa.

Opinião e Análise