INE realça ‘efeito Páscoa’ nos resultados da hotelaria portuguesa em Abril

17-06-2019 (11h48)

“Estes resultados foram influenciados pelo efeito do período de férias associado à Páscoa, que este ano ocorreu em meados de Abril, enquanto no ano anterior teve influência repartida entre Março e Abril”, assinala o INE ao revelar que em Abril o alojamento turístico português teve taxas de crescimento do nível que registou até 2018.

A informação do Instituto diz que o alojamento turístico teve um aumento hóspedes em 9,1%, com +10,5% de residentes em Portugal e +8,2% de residentes no estrangeiro.

Em dormidas, o crescimento foi ainda mais forte, em 9,5%, com +16% do mercado doméstico e +7,1% dos mercado internacionais, evidenciando um forte aumento da estada média dos residentes em Portugal (+5,1%, para 1,92 noites), mas ainda quebra do tempo médio de permanência dos residentes no estrangeiro (-1,1%, para 2,97 noites), ainda assim menor que no primeiro trimestre.

E mais forte que os aumentos de hóspedes e dormidas foi a subida das receitas, que aumentaram 9,6%, para 331,5 milhões de euros, com aumento em 10,3% dos proveitos de aposento, que reflectem essencialmente os preços médios de quartos e atingiram 245 milhões de euros.

A RevPAR, que pondera o preço médio pela taxa de ocupação, subiu 5,3%, para 46,2 euros.

 

Clique para mais notícias: Hotelaria portuguesa

Clique para mais notícias: Portugal

Clique para mais notícias: Alojamento turístico

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Universidade Europeia organiza hoje webinar "Novos desafios nas cadeias hoteleiras"

22-05-2020 (15h09)

A Universidade Europeia vai organizar hoje o webinar "Novos desafios nas cadeias hoteleiras", com o administrador do Grupo Vila Galé Gonçalo Rebelo de Almeida.

Oásis Atlântico divulga medidas para prevenir a propagação da covid-19 nos seus hotéis

22-05-2020 (11h22)

O grupo português Oásis Atlântico, que tem hotéis em Cabo Verde, Marrocos e Brasil, está a divulgar as medidas que implementou nos seus hotéis para prevenir a propagação da covid-19, incluindo reforço da limpeza e redução de capacidade em restaurantes e bares.

Ocupação da hotelaria do Algarve desabou para 1% no mês de Abril, AHETA

20-05-2020 (17h20)

A Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve indicou que a taxa de ocupação dos estabelecimentos da região, que já em Março ‘desabara' para 27%, em Abril, que até se previa fosse ‘um grande mês' por incluir as férias da Páscoa, em consequência da pandemia de covid-19 caiu ainda mais, para uns inéditos 1%.

AHETA prevê que a hotelaria do Algarve esteja apenas a 76% no ‘pico’ do Verão

20-05-2020 (17h18)

A AHETA avançou hoje a previsão que a hotelaria do Algarve, actualmente a 11,6% da sua capacidade em número de camas, em pleno ‘pico' do Verão, nos meses de Julho e Agosto, chegará aos 76%.

DHM reabre sete hotéis em Junho com novas tarifas

20-05-2020 (16h38)

A DHM anunciou que vai reabrir no dia 1 de Junho os hotéis Praia Verde Boutique Hotel, Laguna Resort, The Crest e Vale da Ribeira Residences, no dia 5 o Vila Monte e o Douro41, seguindo-se o Eden Resort no dia 15.

Opinião e Análise