Quebra de dormidas de turistas estrangeiros em Portugal atingiu 4,46 milhões

01-10-2020 (15h28)

Gráfico: INE
Gráfico: INE

O alojamento turístico português sofreu em Agosto uma quebra das dormidas de turistas residentes no estrangeiro em 72%, com quebras acima de 80% em sete dos 16 principais emissores, nomeadamente os de longo curso.

Os dados preliminares divulgados pelo INE indicam que se registaram quebras superiores a 90% nas dormidas de residentes nos Estados Unidos (-93,2%), Irlanda (-92%), Canadá (-92,6%) e China (-92,5%).

Com quebras entre 80% e 90% estiveram o Brasil (-82,9%), a Polónia (-83,8%) e a Dinamarca (-87,2%) e com quebras entre 70% e 80% estiveram o Reino Unido (-79,7%), tradicionalmente o maior emissor para Portugal, Países Baixos (-71,2%), Itália (-74,9%) e Suécia (-73,2%).

Com quebras inferiores a 70% estiveram três dos principais emissores para Portugal, nomeadamente a Alemanha (-59,6%), 2º maior, Espanha (-57,3%), 3º maior, e França (-60,5%), 4º maior, bem como Bélgica (-67,5%) e Suíça (-50,4%), que teve a quebra menos forte do mês.

Por regiões, os dados do INE indicam que as quebras mais fortes de pernoitas de residentes no estrangeiro ocorreram nos Açores, com -85,9%, Madeira, com -83%, e Lisboa, com -76,8%.

Nas restantes regiões as quebras foram inferiores a 70%, nomeadamente no Algarve, que é a região com mais dormidas de turistas estrangeiros em Agosto, onde o decréscimo foi de 67,5%.

A menor quebra do mês ocorreu no Alentejo, com -57,4%, e, seguidamente, no Centro, com -65,5%, e no Norte, com -67,7%.

Os dados do INE indicam que o Algarve concentrou 40,8% das dormidas de um total de 1,73 milhões de dormidas de não residentes no mês de Agosto, com 706,8 mil, e a segunda região com mais pernoitas destes turistas foi Lisboa, com 22,2% do total ou 385,1 mil.

O alojamento turístico do Porto e Norte concentrou 15,6% das dormidas de residentes no estrangeiro em Agosto, com 270,2 mil, o Centro teve 9,2%, com 159,8 mil, e o Alentejo teve 3,7%, com 64,2 mil.

Para ler mais clique:

Algarve teve mais turismo de portugueses em Agosto do que há um ano, apesar da pandemia

 

Clique para mais notícias: Alojamento turístico

Clique para mais notícias: Portugal

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

AM + PM investe 5,6 milhões de euros para reabilitar Forte da Barra de Aveiro para fins turísticos

28-10-2020 (15h12)

A AM + PM ganhou a concessão por 50 anos do Forte da Barra de Aveiro, em Ílhavo, através do Programa Revive, e vai investir 5,6 milhões de euros na sua reabilitação para fins turísticos.

Hoti Hotéis assina acordo amanhã para transformar Palacete dos Condes Dias Garcia em hotel

28-10-2020 (14h54)

A Hoti Hotéis assina amanhã o acordo para transformar o Palacete dos Condes Dias Garcia, em São João da Madeira, num hotel de 4-estrelas, com um investimento de cerca de quatro milhões de euros.

Iberostar oferece testes à covid-19 e estada prolongada a hóspedes dos seus hotéis nas Caraíbas e Brasil

27-10-2020 (16h30)

A Iberostar Hotels & Resorts lançou para o mercado o “Travel at Ease”, um programa para cobrir as despesas relacionadas com a covid-19 que os seus hóspedes possam ter na República Dominicana, Jamaica, México e Brasil.

Hilton escolhe o Porto para estrear a marca Tapestry Collection em Portugal

27-10-2020 (11h35)

A Hilton vai estrear a sua marca de hotéis de luxo Tapestry Collection em Portugal no início do próximo Verão, com o Sé Catedral Hotel Porto, uma unidade com 77 quartos, bar e restaurante.

Resolução que limita deslocações entre concelhos não isenta reservas prévias em hotéis

27-10-2020 (10h17)

O diploma que limita deslocações entre concelhos de 30 de Outubro a 3 de Novembro não isenta as deslocações de pessoas com reservas em hotéis realizadas antes do anúncio da medida, embora inclua excepções como idas a espectáculos em concelhos limítrofes ao da residência habitual.

Opinião e Análise