LVMH vai comprar dona do Reid’s Palace, por 2,8 mil milhões de euros

14-12-2018 (16h16)

A Louis Vuitton Moet Hennessy (LVMH) chegou a um acordo para comprar a Belmond, proprietária de hotéis de luxo, incluindo o Reid's Palace na Madeira, por 3,2 mil milhões de dólares, cerca de 2,8 mil milhões de euros.

A conclusão do acordo está prevista para o primeiro semestre de 2019, estando sujeita a aprovação pelos accionistas da Belmond e autorização pelas autoridades da concorrência.

A LVMH está a oferecer 25 dólares por acção, cerca de 21,9 euros, pela Belmond, uma empresa com mais de 40 anos que opera em 24 países com 46 hotéis, cruzeiros, comboios e restaurantes.

Nos 12 meses até Setembro, a Belmond somou receitas de 572 milhões de dólares (503,2 milhões de euros) e um EBITDA ajustado de 140 milhões de dólares (123,2 milhões de euros).

Além do Reid's Palace na Madeira, a oferta da Belmond inclui os hotéis Cipriani em Veneza, Copacabana Palace no Rio de Janeiro, Grand Hotel Europa em São Petersburgo, Maroma Resort & Spa no México, Hotel das Cataratas em Iguaçu, no Brasil, e Cap Juluca em Anguilla.

Roland Hernandez, presidente do Conselho de Administração da Belmond, citado em comunicado, afirmou que “após uma revisão estratégica” de outros interessados “a administração concluiu que esta transacção com a LVMH proporciona um valor atraente e certo para os nossos accionistas, bem como um caminho empolgante de futuro com um grupo que valoriza os activos insubstituíveis e a forte equipa administrativa da Belmond”.

Roeland Vos, presidente e CEO da Belmond, por sua vez, destacou que o negócio “é o resultado da forte execução da nossa visão estratégica que se baseia no nosso legado pioneiro e é um desenvolvimento empolgante para todas as partes interessadas, incluindo os nossos funcionários”.

Bernard Arnault, chairman e CEO da LVMH, por sua vez, salientou que o património da Belomnd e “os seus serviços inovadores, a sua excelência na execução e o seu empreendedorismo estão em sintonia com os valores do Grupo e complementam as nossas próprias actividades com os hotéis Cheval Blanc e Bvlgari”, concluindo que “esta aquisição aumentará significativamente a presença da LVMH no mundo da hospitalidade”.

 

Ver também:

Reid’s Palace lidera aumento de proveitos dos hotéis Belmond na Europa

 

Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Belmond


 

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Algarve teve mais turismo de portugueses em Agosto do que há um ano, apesar da pandemia

01-10-2020 (12h07)

O alojamento turístico do Algarve teve este Agosto mais 9% de dormidas de turistas residentes em Portugal, apesar dos tempos de pandemia, que provocou uma quebra dos estrangeiros em 67,5%.

Solférias promove nova app da Disneyland Paris para agentes de viagens

01-10-2020 (10h09)

O operador turístico Solférias está a promover a nova app da Disneyland Paris para agentes de viagens, destacando a informação actualizada e as sessões de formação a que podem aceder.

Princess Cruises recebe novo navio Enchanted Princess

01-10-2020 (09h25)

A Princess Cruises, companhia de cruzeiros do Grupo Carnival, recebeu o seu novo navio Enchanted Princess, numa cerimónia transmitida em live streaming a partir dos estaleiros da Fincantieri em Monfalcone, Itália.

Humberto e David Pedrosa renunciam aos cargos na administração na TAP

01-10-2020 (09h14)

Humberto e David Pedrosa apresentaram na quarta-feira a renúncia aos cargos de presidente e vogal, respectivamente, na TAP e nas demais sociedades do Grupo TAP onde exercem funções de administração.

Grupo Royal Caribbean prolonga reservas flexíveis até 30 de Novembro

01-10-2020 (09h06)

O Grupo Royal Caribbean prolongou até 30 de Novembro o período em que permite reservas de cruzeiros com possibilidade de cancelamento até 48 horas antes da partida.

Opinião e Análise