Pandemia atira novos projectos da Hoti Hotéis para 2028

20-10-2021 (15h29)

Foto: Hoti Hotéis
Foto: Hoti Hotéis

A Hoti Hotéis concentrou os seus esforços durante a pandemia em renovações das unidades hoteleiras, conseguindo subidas de preço médio, mas viu-se obrigada a adiar a abertura de novos hotéis, que, segundo o CEO do Grupo, aguardam a “reabertura gradual do mercado de financiamento”, e deverão ser inaugurados até 2028.


Notícia corrigida a 25 de Outubro: O CEO do Grupo Hoti Hotéis indicou em conferência de imprensa que a conclusão dos projectos estava prevista para 2028, como o PressTUR citou. O executivo informou posteriormente que pretendia declarar que os projectos estarão concluídos até 2028. O PressTUR agradece a clarificação e pede desculpa aos leitores e visados pela situação.

 

Antes da pandemia, o Grupo tinha oito projectos em carteira, em Lisboa (na Expo e no CCB), Braga, Aveiro, Viana do Castelo, Famalicão, Porto e São João da Madeira, que tinham conclusão prevista para 2023 (clique para ler: Hoti Hotéis avança com sete unidades em Portugal até 2023 / Hoti Hotéis quer ter papel preponderante com novo hotel em São João da Madeira).

Com os constrangimentos provocados pela pandemia, incluindo a quebra na procura por parte de viajantes, a falta de recursos humanos na hotelaria e a escassez de recursos materiais na construção, foi inaugurado apenas o hotel Moxy Lisboa Oriente, que estava concluído em Abril de 2020, mas devido às restrições para conter a propagação da covid-19 só inaugurou em Julho deste ano (clique para ler: Hoti Hotéis abre Moxy Lisboa Oriente para “millennials e nómadas digitais”).

O projecto que “tem condições de avançar mais depressa” é o hotel de Braga, um 4-estrelas ainda sem marca definida, que terá as suas áreas comuns instaladas num edifício com interesse patrimonial, junto ao Convento das Convertidas, e os quartos num edifício novo, afirmou o CEO do Grupo Hoti Hotéis, Miguel Proença, num encontro com jornalistas esta terça-feira.

As outras unidades serão quatro hotéis da marca Meliá, em Viana do Castelo, Famalicão, São João da Madeira e Porto, este último localizado na Avenida da Boavista, com escritórios e residências com serviço de hotel, e um Star Inn em Aveiro, também com componente residencial, junto ao Meliá Ria.

Excluindo o hotel no Centro Cultural de Belém (CCB), por ser “um projecto mais para a frente”, Miguel Proença frisou que “estes projectos estão todos muito ditados segundo aquilo que será a reabertura gradual do mercado de financiamento e aquilo que será alguma normalização”.

“Nenhum deles tem o lançamento da primeira pedra”, continuou o executivo, perspectivando ter todos os projectos concluídos até 2028.

Por outro lado, o Grupo investiu em renovações durante os períodos mais críticos da pandemia, o que permitiu aumentar o preço médio em alguns hotéis. “As remodelações que temos estado a fazer, como é o caso de Peniche e de Castelo Branco, representam subidas de preço médio que andam entre os 30% e os 50%”, afirmou Miguel Proença.

Em Lisboa, a Hoti Hotéis investiu 3,8 milhões de euros na renovação do Tryp Oriente e 1,5 milhões de euros na renovação do Tryp Aeroporto, dois hotéis que passam a ostentar a marca Meliá.

Miguel Proença sublinhou ainda que a empresa está a preparar-se para “o fenómeno de concentração do sector”. O executivo considera “expectável que, saídos da pandemia, existam circunstâncias problemáticas a carecerem de gestão profissional e a Hoti Hotéis está talhada para fazer isso desde a sua génese”.

 

Clique para ver mais: Hoti Hotéis

Clique para ver mais: Hotelaria

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

75% das agências de viagens recorreram a linhas de apoio – Rita Marques

03-12-2021 (18h17)

A secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, afirmou hoje em Aveiro, no 46º Congresso da APAVT, que "75% das agências de viagens socorreram-se até ao momento das várias linhas de apoio disponibilizadas" desde o início da pandemia de covid-19.

Foram multadas 13 companhias aéreas no segundo dia de restrições

03-12-2021 (17h33)

No segundo dia da obrigatoriedade de desembarcarem em Portugal continental apenas passageiros com teste negativo à covid-19 ou certificado de recuperação, 13 companhias aéreas e 59 passageiros foram multados nos aeroportos portugueses.

João Fernandes reeleito presidente da Associação Turismo do Algarve

03-12-2021 (16h26)

João Fernandes, presidente da Região de Turismo do Algarve (RTA), foi reeleito para um segundo mandato na presidência da Associação Turismo do Algarve (ATA), entidade que promove a região nos mercados externos.

Costa Cruzeiros recebe terceiro navio movido a GNL

03-12-2021 (15h26)

A Costa Cruzeiros anunciou que recebeu o Costa Toscana, o terceiro navio do Grupo Costa movido a gás natural liquefeito (GNL), que vai realizar o seu primeiro itinerário no Mediterrâneo Ocidental no início de Março.

AHP e SITESE/FETESE celebram novo Contrato Colectivo de Trabalho

03-12-2021 (14h42)

A Associação da Hotelaria de Portugal, AHP, e a Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores de Serviços, Comércio, Restauração e Turismo, SITESE/FETESE, celebraram um novo Contrato Colectivo de Trabalho (CCT).

Opinião e Análise