Redes de agências de viagens “estão mais disponíveis” para o produto de cruzeiros, Francisco Teixeira

12-06-2019 (13h04)

As redes de agências de viagens "estão mais disponíveis" para o produto de cruzeiros, afirmou Francisco Teixeira, director da Melair Cruzeiros, que representa em Portugal as companhias Royal Caribbean, Celebrity, Azamara e Pullmantur.

“O trabalho em cada uma das redes tem que ser feito de maneira diferente. É um processo, não é uma coisa que nós chegamos, metemos na prateleira e já está”, começou por dizer o executivo da Melair em conversa com os jornalistas após uma apresentação ontem em Lisboa, a bordo do Independence of the Seas.

“O trabalho do agente de viagens é muito complexo. Se nós lhe introduzirmos a necessidade de trabalhar a venda através do conhecimento do produto isso ainda se torna mais complexo”, considera Francisco Teixeira.

A solução está em “encontrar mecanismos de o fazer da forma mais simples possível”, preconizou.

“Costumo dizer que o agente de viagens se assusta a vender cruzeiros. A maior parte do que ouvimos é que o agente de viagens reserva um cruzeiro porque o cliente lhe pediu. Nós temos que alterar isso. Mas isso também tem que ver com o modelo de negócio que as agências de viagens têm. E nós temos que nos adaptar”, salientou o Francisco Teixeira.

A estratégia da Melair passa por “analisar rede a rede, agrupamento a agrupamento, como é que funcionam, que espaço existe, que interesse existe e explorá-lo”.

De um modo geral, “as redes estão mais disponíveis”, conclui Francisco Teixeira.

A Melair promoveu ontem em Lisboa uma visita ao Indpendence of the Seas, em que participaram cerca de 130 agentes de viagens, que tiveram oportunidade de experimentar o simulador de surf Flow Rider e o jogo Laser Tag, jantar a bordo e assistir a uma apresentação sobre as novidades da companhia.

Clique para continuar a ler:

Mercado de cruzeiros português ultrapassa este ano os 60 mil passageiros, Francisco Teixeira

 

Ver também:

Royal Caribbean vai crescer na Europa “sustentada na qualidade”, Francisco Teixeira

Melair desafia agentes de viagens a propor cruzeiros à saída de Porto Rico 

 

Clique para ver mais: Cruzeiros

Clique para ver mais: Agências&Operadores

Clique para ver mais: Portugal

Clique para ver mais: Melair

Clique para ver mais: Royal Caribbean

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

Plano de reestruturação da SAA implica despedimentos e criação de nova empresa

16-07-2020 (13h36)

Os credores da falida companhia aérea sul-africana SAA aprovaram um plano de reestruturação, que resultará em cortes de empregos e na criação de uma nova empresa a partir das ruínas da empresa, anunciou o Ministério das Empresas Públicas.

Delta Airlines regista prejuízo de 5.475 milhões de euros no primeiro semestre

16-07-2020 (13h06)

A companhia aérea norte-americana Delta Airlines anunciou hoje que registou perdas de 6.251 milhões de dólares, cerca de 5.475 milhões de euros, no primeiro semestre de 2020, face ao lucro de 2.173 milhões de dólares, cerca de 1.903 milhões de euros que obteve no mesmo período de 2019.

Justiça decreta falência da companhia aérea Avianca Brasil

16-07-2020 (12h24)

A Justiça brasileira decretou na terça-feira a falência da companhia aérea Avianca Brasil, com dívidas de 2,7 mil milhões de reais (440 milhões de euros), na sequência do fracasso das negociações com credores.

American Airlines avisa trabalhadores que podem perder emprego em Outubro

16-07-2020 (11h45)

Os dirigentes da American Airlines escreveram aos 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em Outubro, devido à queda da procura de viagens aéreas.

Pousadas de Juventude em reabrem após meses a apoiar combate à pandemia

16-07-2020 (11h34)

As Pousadas de Juventude reabriram ontem ao público com um conjunto de regras definidas com a ajuda das autoridades da saúde, após um período em que estiveram a apoiar o combate à pandemia.

Opinião e Análise