'Voe' em classe executiva no Yotel Porto

23-07-2021 (18h10)

O Yotel Porto, inaugurado este ano na cidade do Porto, é um hotel de 4-estrelas que garante aos seus hóspedes tudo aquilo que precisam, poupando-os de tudo o que é dispensável, num conceito de luxo acessível inspirado na classe executiva das companhias aéreas. Veja aqui como ‘voar' no Yotel Porto.

Ao chegar ao "mission control", nomenclatura alusiva às companhias aéreas utilizada para a recepção, o hóspede pode optar por fazer o check-in num dos quiosques digitais ou dirigir-se à recepção para o efectuar. Caso tenha feito o check-in através da aplicação, pode apenas apresentar o seu documento de identificação e receber a chave.

Uma vez efectuado o check-in, os hóspedes dirigem-se à sua "cabin", um dos 150 quartos de tipologia twin, standard ou suite, uns com uma vista impressionante para o Porto e outros com vista para a parte de trás do hotel e para os jardins verticais interiores. As suites têm capacidade para três pessoas, sendo que o hotel também disponibiliza quartos comunicantes.

Os quartos, de cores claras e com linhas reminiscentes de uma cabine de avião, contam com um regulador de ambiente, que consiste na escolha da cor das diferentes luzes do quarto, o que pode ser feito antes da chegada através da aplicação.

De acordo com Rita Matos, sales manager do Yotel Porto, os quartos têm dimensões semelhantes, "uns mais largos outros mais compridos", o que é resultado da conversão de dois edifícios nesta unidade hoteleira.

O seu conceito alia tecnologia ao design, optimizando o espaço, sendo que alguns dos quartos contam com "smartbeds", camas que não só levantam a cabeceira através de um controlo na lateral para uma leitura mais confortável, como também recolhem para oferecer mais espaço aos hóspedes.

Em locais estratégicos é possível encontrar o cofre, o minibar, a tábua de passar e o ferro num saco com o título "Pump Some Iron", e ainda o secador no seu saco destacado como "Air Bag".

Apontamentos como os botões dos chuveiros, ao invés de torneiras, e 'mesas de cabeceira' embutidas na estrutura da cama com uma série de entradas USB ao estilo de assento de avião completam a primeira impressão.

Devido à sua localização, perto da Estação do Metro da Trindade, os quartos do Yotel Porto oferecem uma vista privilegiada sobre a cidade, que tanto pode ser desfrutada durante o dia ou pela noite.

O room service, de acordo com a sales manager do hotel, está a cargo das duas "mascotes" do Yotel Porto, os robots Yolinda e Yogiro cuja função é entregar os pedidos, "desde escova de dentes a toalha, ou comida". Os robots recebem o pedido e, com total autonomia sobem no elevador e aguardam à porta do quarto enquanto o hóspede é contactado via telefónica para recolher o que pediu.

Além das entregas, os robots atarefados também dizem algumas frases personalizadas pelos funcionários como "sai da frente ò murcão", para pedir licença; "hi, how ya doin?", ao estilo da personagem Joey da série televisiva "Friends"; "que a força esteja contigo" e "valar morghulis" das sagas Star Wars e Game of Thrones; e até cantam a "Don't Stop Me Now" dos Queen.

No que diz respeito a eventos e reuniões, o hotel dispõe de duas salas com equipamento audiovisual, que inclui um sistema de apresentação wireless, e o rooftop, com vista sobre o Porto, que combina espaço exterior e interior com uma cozinha de apoio, e casas-de-banho.

O estacionamento, que é feito através de uma rampa relvada, com uma rede anti-derrapagem, disponibiliza carregadores para carros eléctricos.

O ginásio do hotel, que conta com equipamentos de fitness e musculação com vista para o jardim interior, funciona 24 horas por dia, e dispõe de balneários que também podem ser utilizados por hóspedes que já tenham efectuado o check-out e precisem de tomar um duche ou utilizar os cacifos.

O espaço Grab+Go, que dispõe de uma mesa e cadeiras junto à recepção, também funciona 24 horas por dia com as suas vending machines para snacks, bebidas e café.

O hotel também dispõe do restaurante Komyuniti, característico desta marca, que vem oferecer um espaço que combina coworking com refeições ligeiras e snacks, e ainda um bar, entre as 7h30 e as 22h30.

O PressTUR ficou alojado no Yotel Porto a convite.

Veja também:


Clique para ver mais: Hotelaria

Clique para ver mais: Cá Dentro

Share
Tweet
+1
Share
Comentários
Escrever comentário

Outras Notícias

AHRESP pede reforço do Adaptar Turismo que esgotou em dois dias

26-10-2021 (15h56)

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) pediu hoje o reforço urgente do programa Adaptar Turismo, cuja dotação esgotou em dois dias, marcados por dificuldades no acesso à plataforma para submissão de candidaturas.

Aeroportos enfrentam novas perdas e dívidas elevadas

26-10-2021 (15h32)

Os aeroportos europeus viram a sua dívida aumentar 200% em relação aos níveis anteriores à pandemia e muitos vão registar de novo perdas importantes este ano, advertiu hoje a associação do sector.

Presidente do Grupo Minor, Dillip Rajakarier, espera um "grande salto" na procura turística

26-10-2021 (15h26)

Portugal está a “abrir caminho” na recuperação turística e deverá registar um “grande salto” na procura devido ao alívio das restrições e à ampla cobertura vacinal contra a covid-19, disse hoje o presidente executivo do grupo tailandês Minor.

Rendas das casas em Lisboa mantém-se 18% abaixo do período pré-covid-19

26-10-2021 (15h08)

As rendas das casas em Lisboa terminaram o terceiro trimestre deste ano 17,9% abaixo dos níveis pré-covid, de acordo com os resultados do Índice de Rendas Residenciais da Confidencial Imobiliário hoje divulgados.

Invest in Tourism: “a montra das oportunidades de investimento no turismo em Portugal”

26-10-2021 (14h29)

O Turismo de Portugal lançou uma nova plataforma, a Invest in Tourism, que pretende ser “a montra das oportunidades de investimento no turismo em Portugal”, segundo a secretária de Estado de Turismo, Rita Marques.

Opinião e Análise